All Title Author
Keywords Abstract


TESTES DE CONDUTIVIDADE ELéTRICA PARA AVALIA O DO VIGOR DE SEMENTES DE SOJA (Glycine max (L.) Merrill)

Keywords: Glycine max , sementes , vigor , condutividade elétrica

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

O presente trabalho teve como objetivo investigar a possibilidade de redu o do período de condicionamento das sementes nos testes de condutividade elétrica, nos sistemas de massa e individual, e consequentemente, obter indica es mais rápidas sobre a qualidade fisiológica dos lotes. Para tanto, foram utilizados quatro lotes de sementes de soja das variedades IAC-8 e IAC-15 que foram submetidos a estudos específicos de condutividade elétrica de massa e individual (ASA-610), empregando-se períodos de condicionamento de 4, 8, 12, 16, 20 e 24 horas. No sistema de massa foram utilizadas amostras de sementes n o danificadas e de sementes fisicamente puras. Nos estudos com o ASA-610 foram testadas as intensidades de corrente elétrica de 95 a 45 mA/semente, em intervalos de 5mA. Além destes foram conduzidos os seguintes testes: germina o, primeira contagem de germina o, envelhecimento artificial e determina o do grau de umidade das sementes. Os resultados indicaram que há possibilidade de redu o no período de condicionamento das sementes no teste de condutividade de massa, sendo que os períodos de embebi o mais curtos (4 e 8 horas) permitiram a identifica o de diferen as mais acentuadas entre os lotes, enquanto que leituras realizadas a partir de 16 horas mostraram-se mais sensíveis às varia es de vigor das sementes. O referido teste mostrou-se adequado para a identifica o de lotes com diferentes níveis de vigor. Já a condutividade individual (ASA-610) revelou eficiência variável de acordo com a variedade avaliada.

Full-Text

comments powered by Disqus

Contact Us

service@oalib.com

QQ:3279437679

微信:OALib Journal