All Title Author
Keywords Abstract


Relan ando o debate sobre o mutualismo no Brasil: as rela es entre corpora es, irmandades, sociedades mutualistas de trabalhadores e sindicatos à luz da produ o recente

DOI: 10.5007/1984-9222.2010v2n4p12

Keywords: Mutualismo , Historiografia , Interpreta es

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

http://dx.doi.org/10.5007/1984-9222.2010v2n4p12 As sociedades mutualistas de trabalhadores no Brasil, entre meados do século XIX e as primeiras décadas do século XX, têm sido objeto de interpreta es frequentemente diversas e conflitantes. Por um lado, parte dessas interpreta es voltaram-se para essas sociedades como manifesta es de uma forma particular de organiza o dos trabalhadores. Por outro lado, há interpreta es que ressaltam o mutualismo como uma forma de seguro contra adversidades diversas, e em alguns casos adotou a teoria da escolha racional. Essa última abordagem fez da crítica à primeira uma de suas características. No entanto, longe de serem opostas essas duas abordagens conjuntamente contribuem de diferentes maneiras para o aprofundamento do conhecimento sobre as organiza es da classe trabalhora e suas práticas.

Full-Text

comments powered by Disqus

Contact Us

service@oalib.com

QQ:3279437679

微信:OALib Journal