All Title Author
Keywords Abstract


Criopreserva o de ovócitos de bovinos imaturos desnudados ou n o, utilizando o etilenoglicol pelo método da vitrifica o

Keywords: ovócitos , bovinos , vitrifica o

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

Objetivou-se avaliar os efeitos da vitrifica o em ovócitos de bovinos após o cultivo in vitro, utilizando o etilenoglicol como crioprotetor. Ovócitos obtidos de ovários de vacas abatidas em matadouro foram distribuídos aleatoriamente em três tratamentos. Tratamento 0 (testemunha): ovócitos n o-desnudados e n o-congelados. Tratamento 1: vitrifica o de ovócitos imaturos n o desnudados, desidratados previamente por cinco minutos em três solu es contendo 20, 20 e 40% de etilenoglicol, acrescidas de 0,3 mol L-1 de trehalose e 20% de PVP, em meio de Talp Hepes. Tratamento 2: vitrifica o de ovócitos imaturos desnudados, conforme o Tratamento 1. Após o descongelamento (imers o em banho-maria a 30oC por 20 segundos), os ovócitos foram reidratados gradativamente, mantendo-os por 6 minutos em cada uma das solu es a seguir, sucessivamente: meio Talp Hepes com 20% de etilenoglicol + 0,3 mol L-1 de trehalose + 10% de PVP e meio Talp Hepes sem etilenoglicol, trehalose e PVP, onde foram lavados três vezes. Posteriormente, os ovócitos foram cultivados a 38,5oC, com 95% de umidade e atmosfera de 5% de CO2 por 24 horas. Após o cultivo, os ovócitos foram fecundados e os embri es cultivados in vitro por sete dias. Foi encontrada uma taxa de matura o nuclear de 81 (68/84), 19 (7/36) e 0% (0/31), nos Tratamentos 0, 1 e 2, respectivamente. As taxas de clivagem e de desenvolvimento embrionário foram de 56,4 (102/181) e 54,9% (56/102), 1,7 (1/60) e 0,0% (1/60), 0,0 (0/71) e 0,0% (0/71), nos Tratamentos 0, 1 e 2, respectivamente. Esses resultados indicam que o procedimento de vitrifica o, segundo os protocolos utilizados, n o é indicado para a criopreserva o de ovócitos de bovinos.

Full-Text

comments powered by Disqus

Contact Us

service@oalib.com

QQ:3279437679

微信:OALib Journal