oalib

Publish in OALib Journal

ISSN: 2333-9721

APC: Only $99

Submit

Any time

4 ( 1 )

2019 ( 29 )

2018 ( 62 )

2017 ( 49 )

Custom range...

Search Results: 1 - 10 of 30874 matches for " Vicente Ribeiro Rocha junior "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /30874
Display every page Item
Inbreeding effect on reproductive traits in a herd of Mangalarga Marchador Brazilian horses Efeito da endogamia sobre características reprodutivas em um rebanho da ra a Mangalarga Marchador
Renderson Welington Gon?alves,Maria Dulcineia Costa,Vicente Ribeiro Rocha junior,Márcia Regina da Costa
Revista Brasileira de Saúde e Produ??o Animal , 2011,
Abstract: This work aimed to evaluate the effect of inbreeding on the reproductive characteristics such as age at first foaling, gestation length, foaling interval in a “Mangalarga Marchador” herd in the North of Minas Gerais State, Brazil. The relationship matrix involved 2186 animals from the general register of the Catuni Farm. The inbreeding coefficient (F) was calculated using the subroutine MTDFNRM present in the MTDFREML program and its effect on the reproductive indexes was evaluated through simple linear regression. Average F of the population was of 1.45% and, of the total, 27.59% of the animals were inbred. Among the inbred animals, average F reached 5.28% (minimum of 0.1 and maximum of 28.13%). The average age of the stallions, when their foals were born, was 9.06 years while for mares it was of 8.90 years giving a medium interval of 8.98 years. The age at first foaling, gestation length and foaling interval were on average 4.71 ± 1.832 years, 327.94 ± 15.58 days and 547.78 ± 316.62 days, respectively while the herd effective size was of 185.25 animals. Effect of inbreeding on the reproductive characteristics was not significant. The inbred matings did not affect the reproductive characteristics of the Mangalarga Marchador herd. Controlled mating keep inbreeding at low values, what avoids inbreeding depression. Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito da endogamia sobre as características reprodutivas idade ao primeiro parto, dura o da gesta o e intervalo de partos em equinos da ra a Mangalarga Marchador criados em um rebanho na regi o Norte de Minas Gerais. A matriz de parentesco envolveu 2186 animais do arquivo zootécnico da Fazenda Catuni. O coeficiente de endogamia (F) foi calculado mediante utiliza o da subrotina MTDFNRM presente no programa MTDFREML e seu efeito sobre os índices reprodutivos por meio de regress o linear simples. O F médio da popula o foi de 1,45% e, do total de animais, 27,59% mostraram-se endogamicos. Entre os animais endogamicos, o F médio foi de 5,28% (mínimo de 0,1 e máximo de 28,13%). A média de idade dos garanh es, quando nasceram seus filhos, foi 9,06 anos enquanto a das m es foi de 8,90 anos, proporcionando um intervalo médio de gera es de 8,98 anos. A idade ao primeiro parto, a dura o da gesta o e o intervalo de partos tiveram médias de 4,71 ± 1,832 anos, 327,94 ± 15,58 dias e 547,78 ± 316,62 dias, respectivamente enquanto o tamanho efetivo para o rebanho foi de 185,25 animais. Os acasalamentos endogamicos n o comprometeram as características reprodutivas do rebanho da ra a Mangalarga Marchador. Acasalamen
Estimativa do valor energético dos alimentos e valida o das equa es propostas pelo NRC (2001)
Rocha Júnior Vicente Ribeiro,Valadares Filho Sebasti?o de Campos,Borges álan Maia,Detmann Edenio
Revista Brasileira de Zootecnia , 2003,
Abstract: Neste trabalho objetivou-se estimar os valores energéticos dos alimentos, através das equa es propostas pelo último NRC para gado leiteiro, utilizando como banco de dados as "Tabelas Brasileiras de Composi o de Alimentos para Bovinos" e um experimento com ovinos, e validar essas equa es a partir de observa es referentes ao NDT e às fra es digestíveis da fibra em detergente neutro (FDND), proteína bruta (PBD), extrato etéreo (EED) e carboidratos n o fibrosos (CNFD), obtidas da literatura brasileira, a partir de experimentos in vivo, quando foram atendidas as exigências de manten a. O procedimento de valida o dos parametros avaliados foi realizado por intermédio do ajuste de modelo de regress o linear simples dos valores preditos e dos observados. Os valores de NDT observados e preditos, tanto para os alimentos volumosos como para os concentrados, foram similares. Entretanto, quando se considerou apenas a estimativa da FDND de alimentos volumosos, verificou-se rejei o de ambas as hipóteses de nulidade, ou seja, tanto o intercepto quanto o coeficiente de inclina o foram diferentes de zero e um, respectivamente. Para a fra o nitrogenada dos alimentos n o foi constatada nenhuma diferen a entre os parametros avaliados, havendo correspondência dos valores preditos aos observados. O EED de alimentos volumosos e concentrados, produzidos em condi es tropicais, é subestimado pela equa o utilizada pelo NRC, assim como os CNFD dos alimentos concentrados. Portanto, pode-se concluir que os valores de NDT obtidos a partir da equa o proposta pelo NRC foram compatíveis com os dados observados de alimentos produzidos em condi es brasileiras, todavia, sugere-se que sejam feitos alguns ajustes das equa es que estimam as fra es digestíveis da FDN, do EE e dos CNF.
Concentra es Plasmáticas de Progesterona e Metabólitos Lipídicos em Novilhas Mesti as Tratadas ou N o com Horm nio de Crescimento e Superovuladas
Borges álan Maia,Torres Ciro Alexandre Alves,Ruas José Reinaldo Mendes,Rocha Júnior Vicente Ribeiro
Revista Brasileira de Zootecnia , 2001,
Abstract: O objetivo do experimento foi estudar as concentra es plasmáticas de progesterona em novilhas mesti as, correlacionando-as com as concentra es de metabólitos lipídicos. Utilizaram-se 26 fêmeas divididas em dois tratamentos: T1 = aplica o de 500 mg de sometribove zinco (somatotropina bovina recombinante) no terceiro dia do ciclo estral superovulado e T2 = controle. As coletas de sangue foram feitas durante dois ciclos estrais: normal e superovulado, e as análises de progesterona e dos metabólitos foram realizadas por radioimunoensaio e pelo método enzimático, respectivamente. O período experimental do ciclo estral superovulado foi dividido em três fases: P1 = do estro à insemina o artificial (0 ao 15degrees dia); P2 = da insemina o artificial até a coleta de embri es (15degrees ao 21degrees dia) e P3 = da coleta de embri es até o final do período (21o ao 27degrees dia). Houve diferen a nas concentra es de progesterona entre os animais dos dois tratamentos durante o P1, porém n o diferiram nos P2 e P3. As concentra es plasmáticas de progesterona alcan aram valores superiores a 60 ng/mL após a superovula o. Os valores de colesterol total e de HDL foram diferentes entre os dois tratamentos, durante os períodos P2 e P3. N o houve correla es entre as concentra es plasmáticas dos metabólitos lipídicos e de progesterona durante os ciclos estrais estudados.
Resposta superovulatória de novilhas mesti as holandês-zebu tratadas com somatotropina bovina recombinante (rbST)
Borges álan Maia,Torres Ciro Alexandre Alves,Ruas José Reinaldo Mendes,Rocha Júnior Vicente Ribeiro
Revista Brasileira de Zootecnia , 2001,
Abstract: O objetivo do experimento foi estudar o efeito do pré-tratamento com 500 mg de sometribove (rbST) sobre a resposta superovulatória, o número e a qualidade dos embri es coletados de 26 novilhas mesti as holandês-zebu, divididas em dois tratamentos: T1 = tratadas com rbST (n=13) e T2 = controle (n=13). Foram feitas 13 superovula es entre o mês de setembro e o início de dezembro de 1997 (período 1) e 13 superovula es entre o final do mês dezembro de 1997 e fevereiro de 1998 (período 2), sendo que, para cada período, sete animais receberam 500 mg de rbST (T1) por via subcutanea, no terceiro dia do ciclo estral, e seis animais (T2) n o receberam medica o. Os animais foram superovulados com FSH a partir do 10o dia do ciclo estral, e as coletas foram realizadas entre os dias 7 e 8 após a insemina o artificial. A resposta superovulatória, o número total de estruturas, o número de embri es viáveis, de n o-viáveis e de ovócitos n o foram afetados pelo tratamento com somatotropina bovina. Foram coletadas médias de 15,3 ± 9,5 e 17,4 ± 10,9 estruturas totais, 8,5 ±8,3 e 11,5 ± 10,0 embri es viáveis, 4,6 ± 4,7 e 3,4 ± 1,3 embri es n o-viáveis, 2,2 ± 2,8 e 2,8 ± 4,0 ovócitos por coleta dos tratamentos 1 e 2, respectivamente. As mórulas e os blastocistos jovens foram os estádios de desenvolvimento coletados em maior percentagem, entre o sétimo e oitavo dia após a insemina o artificial.
Características da dinamica folicular e regress o luteal de vacas das ra as Gir e Nelore após tratamento com cloprostenol sódico
Borges álan Maia,Torres Ciro Alexandre Alves,Ruas José Reinaldo Mendes,Rocha Júnior Vicente Ribeiro
Revista Brasileira de Zootecnia , 2003,
Abstract:
Desempenho e características de carca a de bovinos Nelore e mesti os terminados em confinamento Performance and carcass characteristics of crossbred and Nellore bovines finished in confinement
Vicente Ribeiro Rocha Júnior,Fredson Vieira Silva,Ricardo Carvalho de Barros,Sidnei Tavares dos Reis
Revista Brasileira de Saúde e Produ??o Animal , 2010,
Abstract: Foram confinados 35 animais, Nelore e mesti os, com idade média de 24 ± 1 meses e peso médio inicial de 448,10 ± 26,52 kg. O abate ocorreu aos 50 dias de confinamento, com peso vivo médio final de 512,25 ± 30,03 kg. O ganho de peso diário e peso vivo final foram similares entre Nelore e mesti os, assim como os pesos de carca a quente e fria. No entanto, os rendimentos de carca a quente e fria foram maiores nos animais Nelore (52,96 versus 51,53% e 52,12 versus 50,75%, respectivamente). Nelore apresentou peso de traseiro de 6,95 kg a mais, o que refletiu diretamente na porcentagem do corte traseiro, sendo 51,63% para Nelore e 49,10% para mesti os. A porcentagem de dianteiro foi superior nos mesti os (38,35 versus 40,56%). A picanha dos animais Nelore foi mais pesada em 0,11 kg. N o houve diferen a para espessura de gordura e área de olho de lombo. Quanto aos escores de gordura e musculosidade, Nelore teve valores superiores (2,33 versus 1,93 pontos e 1,95 versus 1,71 pontos, respectivamente). O pH na carca a fria n o foi diferente. Bovinos Nelore e mesti os, confinados durante período de 50 dias, têm peso de carca a satisfatório, porém n o apresentam acabamento mínimo de 3 mm de gordura. Thirty-six animals (Nelore and crossbred) were confined, with age average of 24 months and initial average weight of 448.10kg. The slaughter occurred after 15 days adaptation and 50 days of experimental evaluation, totaling 65 days of confinement, with final average live weight of 512.25kg. The daily weigh gain and final live weight were similar between Nelore and crossbred, just like hot and cold carcass weights. Nevertheless, hot and cold carcass yields were bigger in Nelore animals (52.96 versus 51.53 and 52.12 versus 50.75%, respectively). Nelore exhibited hindquarter weight of 6.95kg more, which reflected directly in percentage of hindquarter cut, being 51.63% for Nelore and 49.10% for crossbred. The forequarter percentage was bigger in crossbred (40.56 versus 38.35%). The top sirloin cap of Nelore animals was 0.11kg heavier. There were no differences for fat thickness and loin eye area. About fat score and muscularity, Nelore had superior valuations (2.33 versus 1.93 points and 1.95 versus 1.71 points, respectively). Cold carcass pH was not different. Crossbred and Nelore animals, confined at a 65 days period, have satisfactory carcass weight, but did not present minimal fat finishing of 3mm.
Sugarcane or sugarcane bagasse ammoniated with urea replacing for sorghum silage for beef cattle in feedlot Cana-de-a úcar ou baga o de cana amonizado com uréia em substitui o à silagem de sorgo para bovinos de corte confinados
Ricardo Carvalho Barros,Vicente Ribeiro Rocha Júnior,Fredson Vieira Silva,Dorismar David Alves
Revista Brasileira de Saúde e Produ??o Animal , 2009,
Abstract: The objective of this work was to evaluate weight gain and carcass traits of finishing Nellore bulls fed different levels of sugarcane or sugarcane bagasse ammoniated with urea replacing sorghum silage. Thirty five young bulls were used with an average of 2 years old and initial body weight of 448,2 kg, being distributed into 7 treatments: T1 – 100% sorghum silage; T2 – 70% sorghum silage + 30% sugarcane; T3 – 30% sorghum silage + 70% sugarcane; T4 – 100% sugarcane; T5 – 70% sorghum silage + 30% sugarcane bagasse ammoniated with urea; T6 – 30% sorghum silage + 70% sugarcane bagasse ammoniated with urea and T7 – 100% sugarcane bagasse ammoniated with urea. Concentrate was provided in the amount corresponding to 1.2% of body weight. The replacement of sorghum silage by sugarcane did not affect (P>0.05) the average daily gain (ADG), but the replacement by sugarcane bagasse ammoniated with urea had a linear decreasing effect (P<0.05) on ADG. Hot carcass dressing percentage decreased linearly (P<0.05) as sorghum silage was replaced by both sugarcane and sugarcane bagasse. The replacement of sorghum silage by sugarcane had a linear effect on beefplate weight, which decreased, but a positive effect on ribeye area (REA), which increased linearly (P<0.05). Increasing levels of sugarcane ammoniated bagasse led to a linear reduction on hot carcass weight, cold carcass weight, hindquarter and forequarter weight, beefplate weight, but a linear increased on REA (P<0.05). Nelore bulls produced carcasses with similar quality when fed sorghum silage or sugarcane. However, carcass quality in terms of some quantitative characteristics decrease a sugarcane bagasse ammoniated with urea increase in the diet as roughage source. Objetivou-se com este trabalho avaliar o ganho de peso e as características de carca a de bovinos Nelore terminados em confinamento, com diferentes níveis de substitui o da silagem de sorgo por cana-de-a úcar ou baga o de cana amonizado com uréia. Foram confinados 35 animais machos inteiros com idade média de 24 meses e peso médio inicial de 448,2 kg, distribuídos em sete tratamentos: 100% silagem de sorgo; 70% de silagem de sorgo + 30% de cana-de-a úcar; 30% de silagem de sorgo + 70% de cana-de-a úcar; 100% de cana-de-a úcar; 70% de silagem de sorgo + 30% de baga o de cana amonizado com uréia; 30% de silagem de sorgo + 70% de baga o de cana amonizado com uréia e 100% de baga o de cana amonizado com uréia. O concentrado fornecido correspondeu a 1,2% do peso corporal. A substitui o da silagem de sorgo por cana-de-a úcar n o afetou (P>0,05) o ganho méd
Desenvolvimento luteal e concentra es plasmáticas de progesterona em vacas das ra as Gir e Nelore
Borges álan Maia,Torres Ciro Alexandre Alves,Ruas José Reinaldo Mendes,Rocha Júnior Vicente Ribeiro
Revista Brasileira de Zootecnia , 2003,
Abstract: A dinamica folicular e a regress o luteal foram avaliadas em 12 vacas da ra a Gir e em sete da ra a Nelore tratadas com cloprostenol sódico entre os dias 10 e 12 do ciclo estral. A porcentagem de sincroniza o foi superior a 92% para as duas ra as, e a ovula o do folículo dominante da segunda onda foi verificada em 72,7% da ra a Gir e em todas as vacas Nelore. O diametro do folículo ovulatório na ra a Nelore foi inferior (11,0 ± 0,9 mm) ao da ra a Gir (13,0 ± 1,7 mm). O intervalo médio da aplica o do luteolítico ao estro, à ovula o e o momento de ovula o após o início do estro foram de 88,7 e 91,6h, 119 e 113h, 26,5 e 24,3h para as ra as Nelore e Gir, respectivamente.
AGRONOMIC CHARACTERISTICS VALUE OF SILAGES OF FIVE SORGHUM [Sorghum bicolor (L.) MOENCH] GENOTYPES CULTIVATED IN THE WINTER
GERALDO MAGELA DE REZENDE,DANIEL ANANIAS DE ASSIS PIRES,POLIANA ROCHA FRAGA BOTELHO,VICENTE RIBEIRO ROCHA JúNIOR
Revista Brasileira de Milho e Sorgo , 2011,
Abstract: The experiment was carried out in the Experimental farm of Unimontes in Janaúba, MG, Brazil, aimingat determining the agronomic characteristics of five sorghum genotypes cultivated in the winter. The materials usedwere Volumax, AG 2005E, Qualimax, BRS 610 and AG 2501. The planting was accomplished in random blocks designin field trial, with four replications per genotype. The agronomic characteristics were assessed by counting number ofplants ha-1, number of lodged plants, number of broken plants, plant height. Through weighting, green matter yield,dry matter yield and stem proportions, leaves and panicle were evaluated. The number of plants ha-1 was superior inthe genotype AG 2501 for being of the type cut and grazing. The average height values ranged from 1.63 to 2.40 m.Concerning GMY.ha-1 and DMY.ha-1 the highest production rates were observed for BRS 610, Volumax and AG 2005Egenotypes. AG 2005E overcame all the others in leaf percentage. Regarding number of panicle, BRS 610, AG 2005E,Volumax and Qualimax genotypes were similar overcoming AG 2501. The highest stem percentage was observedfor the genotype AG 2501. The DM contents were superior in the AG 2501, BRS 610 and AG 2005E genotypes.The studied genotypes presented good green mass production and also agronomic characteristics appropriated to theproduction of silages with good fermentative pattern when cultivated in the winter.
Desenvolvimento luteal e concentra??es plasmáticas de progesterona em vacas das ra?as Gir e Nelore
Borges, álan Maia;Torres, Ciro Alexandre Alves;Ruas, José Reinaldo Mendes;Rocha Júnior, Vicente Ribeiro;Carvalho, Giovanni Ribeiro de;
Revista Brasileira de Zootecnia , 2003, DOI: 10.1590/S1516-35982003000200005
Abstract: the follicular dynamics and luteal regression were studied in 12 gir and seven nelore cows, treated with prostaglandin f2a analog, between days 10 and 12 of the estrous cycle. the synchronization rate was higher than 92% for the gir and nelore cows, and the ovulation of the second dominant follicle occurred in 72.7% of the gir and all the nelore cows. the nelore ovulatory follicle diameter was lower than gir cows ((11.0 ± 0.9 mm x 13.0 ± 1.7 mm). the intervals from treatment to estrus, treatment to ovulation time and from the onset of the estrus to ovulation were 88.7 and 91.6h, 119 and 113h, 26.5 and 24.3h for nelore and gir cows, respectively.
Page 1 /30874
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.