oalib

Publish in OALib Journal

ISSN: 2333-9721

APC: Only $99

Submit

Search Results: 1 - 10 of 42 matches for " Protestantismo "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /42
Display every page Item
Resenha: FERREIRA, Valdinei Aparecido. Protestantismo e Modernidade no Brasil- da utopia à nostalgia.
César Rocha Lima
Horizonte : Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religi?o , 2012, DOI: 10.5752/3943
Abstract: A resenha exp e o trabalho do autor - Valdinei Aparecido Ferreira, o qual faz a conceitua o de Protestantismo e Modernidades nos principais expoentes da sociologia clássica e contemporanea. Aplicando estes conceitos para o século XX na América Latina e, principalmente no Brasil, trabalhando com a implanta o do protestantismo no Brasil e sua influência.
CAMINHOS DO ECUMENISMO
Agemir de Carvalho Dias
Revista de História Regional , 2007,
Abstract: This paper aims to show the transformation variety presence in ecumenical movement beginning which occurred in Protestantism and produced an original religious approach. This approach contains self characteristics that led to the protestants unity search and transformed several life aspects of modern society. O objetivo deste trabalho é demonstrar que na origem do movimento ecumênico temos diversas transforma es que ocorreram no protestantismo e que produziram uma nova elabora o religiosa com características próprias que levou a uma busca da unidade entre os protestantes com repercuss o em vários aspectos da vida da sociedade moderna.
RENDEN O E CONFORMISMO EM UMA LINDA MULHER Reden o e conformismo em Uma Linda Mulher
Alexander Martins Vianna
Revista Espa?o Acadêmico , 2011,
Abstract: Este artigo pretende demonstrar a forma como os temas da renden o individual e do conformismo social s o acionados no desenvolvimento da trama nostálgica e na caracteriza o dos personagens principais do filme “Uma Linda Mulher”, assim como, visa a demonstrar o quanto que tais temas est o referidos a um habitus cultural que determina escolhas conjunturais de estereótipos raciais/morais e de formas estéticas que configuram um tipo de emo o para o enredo que leva à aceita o da solu o caridosa burguesa ‘Middle Class’, em chave protestante, de resgate moral e mobilidade social. Este artigo pretende demonstrar a forma como os temas da renden o individual e do conformismo social s o acionados no desenvolvimento da trama nostálgica e na caracteriza o dos personagens principais do filme “Uma Linda Mulher”, assim como, visa a demonstrar o quanto que tais temas est o referidos a um habitus cultural que determina escolhas conjunturais de estereótipos raciais/morais e de formas estéticas que configuram um tipo de emo o para o enredo que leva à aceita o da solu o caridosa burguesa ‘Middle Class’, em chave protestante, de resgate moral e mobilidade social.
PROTESTANTISMO, POLíTICA E EDUCA O NO BRASIL: A PROPAGANDA DO PROGRESSO E DA MODERNIZA O
Mariana Ellen Santos Seixas
Revista Brasileira de História das Religi?es , 2010,
Abstract: Repensando as estratégias de consolida o do Protestantismo no Brasil, este artigo tem por objetivo identificar alguns dos principais setores da sociedade oitocentista que foram alvos de investidas de grupos proselitistas, enfatizando a importancia de personagens que, ainda na primeira metade do século XIX, antes de come ar a "pregar", se esmeraram em garantir condi es mínimas de sobrevida jurídica e institucional para os missionários que chegariam nas décadas seguintes. A princípio, tratarei da constru o da rela o direta entre protestantismo e progresso, uma propaganda política que conseguiu adeptos importantes; num segundo momento, mostrarei como as deficiências educacionais do Brasil, foram tomadas como um problema que poderia ser suprido pelas iniciativas protestantes; e, por fim, como a educa o feminina esteve presente no periódico protestante de maior circula o, mostrando as mulheres como parte fundamental do processo de moderniza o e moraliza o do Brasil.
Protestantismo, Moderniza o e Estado Leigo: Luteranos confessionais entre a ortodoxia e a laicidade nos inícios da era Vargas
Arnaldo érico Huff Júnior
REVER : Revista de Estudos da Religi?o , 2008,
Abstract: O protestantismo é regularmente identificado a processos de moderniza o, quer seja como padr o e controle disciplinadores de condutas, quer como um passo geral rumo à livre escolha religiosa e, conseqüentemente, à individua o moderna. Tal pré-concep o pode, todavia, emba ar a vista de quem observa algumas manifesta es protestantes, eminentemente aquelas ortodoxas ou fundamentalistas. Pretendo aqui, a partir da análise de um episódio que envolveu, ao redor da discuss o sobre ensino religioso e ensino laico nos anos 1930, o Sínodo Evangélico Luterano do Brasil e a Coliga o Pró-Estado Leigo, problematizar tais liga es naturalizadas entre protestantismo e moderniza o. A estrutura ortodoxa que permeava os discursos e práticas daqueles protestantes luteranos, ainda que os tenha levado a sustentar a separa o entre Igreja e Estado, diferia em muito do que hoje se possa compreender como moderniza o ou processos de individua o. Em se falando em protestantismo e moderniza o, se faz necessário um olhar complexo e contextualizado por sobre um fen meno que é plural.
Racionalización y comunización en la esfera económica. Los matices del individualismo en la teoría de la modernidad weberiana
Emiliano Torterola
Papeles del CEIC , 2010,
Abstract: La lectura de textos clave de la teoría de la modernidad en Weber –como La ética protestante y el espíritu del capitalismo e Historia económica general- podría llevarnos a afirmar que la racionalización de la esfera económica conduce a una constante impersonalización y formalización de las relaciones societales. Sin embargo, tal teoría presenta ciertos matices, tanto desde una perspectiva histórico-cultural como a la luz de algunas categorías sociológicas weberianas. El presente artículo, tiene por objeto complejizar las interpretaciones más usuales de la teoría sociológica de comienzos del siglo XX –incluyendo la de Weber- en torno a la formación del individualismo económico moderno como epicentro del pasaje de los cálidos lazos comunitarios a los instrumentalizados vínculos asociativos. / By reading Weber’s main texts about the theory of modernity – such as The Protestant Ethic and the Spirit of Capitalism and General Economic History- the con-clusion could be reached that the rationalization of the economic sphere leads to an ongoing depersonal-ization and to the formalization of societal relationships. However, his theory does have certain shades to it, both from a historical-cultural perspective as under the light of some main Weberian sociological categories. The aim of this article is to discuss the complexities concealed by the most usual interpretations of the sociological theory at the beginnings of the 20th Cen-tury –including that of Weber– concerning the development of the modern economic individual as epicenter of the passage from the warm communal bonds to the instrumental associative relationships.
O PROTESTANTISMO NO ADVENTO DA REPúBLICA NO BRASIL: DISCURSOS, ESTRATéGIAS E CONFLITOS.
Lyndon de Araújo Santos
Revista Brasileira de História das Religi?es , 2010,
Abstract: O artigo discute o lugar do protestantismo nas mudan as políticas, sociais e culturais vividas pela sociedade brasileira no advento da República. Compreende-se o início o processo de protestantiza o do campo religioso brasileiro, quando dadas identidades culturais e religiosas foram sendo elaboradas, por meio de discursos, estratégias e conflitos. Foram analisadas fontes documentais, bibliográficas e o olhar do jornalista Jo o do Rio na virada dos séculos XIX/XX no Rio de Janeiro, ao perceber a diversifica o das religi es no cenário carioca. A experiência do sagrado, desde ent o, tem se diversificado até hoje pelo deslocando da Igreja Católica como institui o matriz única do sentido religioso. O protestantismo fez parte desta diversifica o paralelamente a outras express es religiosas.
HISTóRIA OU SOCIOLOGIA? A éTICA PROTESTANTE E O ‘ESPíRITO’ DO CAPITALISMO EM DEBATE
Carlos Eduardo Sell
Revista Brasileira de História das Religi?es , 2011,
Abstract: O mais conhecido texto de Max Weber – A ética protestante e o ‘espírito’ do capitalismo – é um livro que, ainda hoje, provoca inúmeras controvérsias. De fato, a vincula o estabelecida por Weber entre determinadas formas de conduta religiosa e seus reflexos na esfera econ mica já engendrava polêmicas logo após a publica o do livro deste pensador. O objetivo deste artigo será retomar estas polêmicas, contextualizando o debate. Na primeira parte situam-se as obras antecedentes com as quais Weber estava em diálogo e, na parte seguinte, contemplam-se os esclarecimentos do autor a seus críticos diretos. Através da revis o da história da obra pretende-se contribuir para o esclarecimento da natureza epistemológica, bem como levantar subsídios para a determina o específica do conteúdo deste importante escrito weberiano.
Las ciudades norteamericanas: planta ortogonal y etica protestante
Richard Sennett
Bifurcaciones , 2004,
Abstract: Richard Sennett ofrece una renovada interpretacion a la planta ortogonal -damero- de las ciudades norteamericanas, traduciendo a la dimension espacial las propuestas de Max Weber
“Bola de Neve”: Um Fen meno Pentecostal Contemporaneo ("SnowBall Church”: a Contemporary Pentecostal Phenomenon). DOI: 10.5752/P.2175-5841.2012v10n26p500
Lidice Meyer Pinto Ribeiro,Danilo da Silva Cunha
Horizonte : Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religi?o , 2012, DOI: 10.5752/p.2175-5841.2012v10n26p500
Abstract: Quase que diariamente presenciamos no Brasil o aparecimento de novas alternativas religiosas, assim como uma intensa fragmenta o institucional dentro das igrejas protestantes já estabelecidas. Nesse cenário, surgem igrejas aut nomas, voltadas a certos públicos específicos, oferecendo produtos simbólicos mais próximos à realidade desses grupos. Enquadra-se entre as voltadas a “tribos urbanas” específicas a “Bola de Neve Church”, oficializada em 1999. Neste artigo, faz-se a análise antropológica da Igreja Evangélica Bola de Neve, situada no bairro Tatuapé, na Zona Leste da cidade de S o Paulo, visando a compreender a estrutura de culto, o perfil dos membros e trabalhando o tipo de comunica o que é utilizada, tendo como método de pesquisa o trabalho de campo, leituras específicas sobre o neopentecostalismo no Brasil e entrevistas e análises pessoais dos membros que ali congregam. Também se levanta a possibilidade de essa igreja, bem como outras voltadas a públicos específicos, poder ser interpretada como uma quarta onda do pentecostalismo dentro da teoria das ondas de Paul Freston, onde imperaria a Teologia da Autonomia. Palavras-chave: Bola de neve. Pentecostalismo. Protestantismo. Tribos urbanas. Abstract: In Brazil, we witness the emergence of new religious alternatives almost daily, as well as a strong institutional fragmentation within the established Protestant churches. In this scenario, emerge autonomous churches with target specific audiences, offering symbolic products that match the needs of those audiences. For example, churches focused on "urban tribes" such as "Igreja Evangélica Bola de Neve" ("Snowball Church"), incorporated in 1999, on the Tatuapé neighborhood of S o Paulo, SP, Brazil. This article presents an anthropological analysis of "Snowball church", seeking to understand the structure of worship, the profile of members, and the kind of communication that is used in there. The research methodology was field work, targeted readings about neopentecostalism in Brazil, and interviews with church members. It also raises the possibility of this church and others focused on “urban tribes” be interpreted as a fourth wave of pentecostalism in Paul Freston`s wave theory, where a Theology of Autonomy prevails. Keywords: Snowball. Pentecostalism. Protestantism. Urban tribes.
Page 1 /42
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.