oalib

Publish in OALib Journal

ISSN: 2333-9721

APC: Only $99

Submit

Any time

4 ( 1 )

2020 ( 7 )

2019 ( 45 )

2018 ( 179 )

Custom range...

Search Results: 1 - 10 of 102906 matches for " custo de transi o "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /102906
Display every page Item
Reforma da previdência social e custo de transi o: simulando um Sistema Universal para o Brasil Social Security reform and transition cost: simulating a Universal System for Brazil
Hélio Zylberstajn,Luís Eduardo Afonso,Andre Portela Souza
Revista Contabilidade & Finan?as , 2006, DOI: 10.1590/s1519-70772006000500005
Abstract: Este artigo apresenta uma proposta de reforma da previdência social brasileira. O novo sistema está fundamentado nos princípios de justi a atuarial, incentivo à formaliza o, universaliza o e simplifica o da estrutura previdenciária. Foi calculada a alíquota de contribui o necessária a esse sistema. Também é estimado o passivo previdenciário, na situa o atual e no sistema proposto. Finalizando, é calculado o custo de transi o entre os dois sistemas. Os resultados mostram que esse custo é elevado, embora esteja distribuído ao longo do tempo. This article presents a proposal to reform Brazil's pension system. The new system is based on the principles of actuarial fairness, incentive to formalization, universalization and simplification of the social security structure. We calculated the contribution rate needed to balance the system. The social security debt is also estimated in the present situation and in the proposed system. Finally, the transition cost of shifting to the new system is calculated. The results show that, although,distributed over time, this cost is high.
Transitional Justice in Balance: Comparing processes, weighing efficacy, de Tricia D. Olsen, Leigh A. Paine, Andrew G. Reiter
Pádua Fernandes
Prisma Jurídico , 2011,
Abstract: Transitional Justice in Balance apresenta uma notável tentativa de analisar estatisticamente os diferentes modelos de justi a de transi o adotados no mundo de 1970 a 2007. A expressiva base de dados organizada pelos autores compreende 161 Estados e 854 mecanismos de justi a de transi o.
Uma amplia o dos espa os políticos de luta: entrevista com José Carlos Moreira da Silva Filho
José Carlos Moreira da Silva Filho,Pádua Fernandes
Prisma Jurídico , 2010,
Abstract: José Carlos Moreira da Silva Filho é doutor em Direito das Rela esSociais pela Universidade Federal do Paraná (UFPR); Mestre em Teoriae Filosofia do Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC); Bacharel em Direito pela Universidade de Brasília (UnB);Professor da Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católicado Rio Grande do Sul (PUCRS), no Programa de Pós-gradua o emCiências Criminais – Mestrado e Doutorado – e na Gradua o emDireito; Conselheiro da Comiss o de Anistia do Ministério da Justi a;Membro-Fundador do Grupo de Estudos sobre Internacionaliza o doDireito e Justi a de Transi o (IDEJUST).
O paradigma do custo negativo The paradigm of negative cost
Luiz Fernando Dalmonech
Rege : Revista de Gest?o , 2005,
Abstract: The current view that cost must be equal to or greater than zero (C ≥ O) was subject to question. Considering the present and the future, a cost that can also be negative was foreseen. With the development of information (IT) and communication (CT) technologies as well as globalization, new ways of doing business are at hand for identification, evaluation, measurement and investigation. Development of these new ways will give rise to a concept of cost that may vary from a negative infinite to a positive infinite - ∞ to + ∞.
Análise de custo de produ o e lucratividade de bananeira 'Nanic o Jangada' sob duas densidades de cultivo em Ilha Solteira-SP
ZONETTI PATRICIA DA COSTA,TARSITANO MARIA APARECIDA ANSELMO,SANTOS PEDRO CéSAR DOS,SILVA SIM?O CORRêA E
Revista Brasileira de Fruticultura , 2002,
Abstract: Em fruticultura, existe hoje uma grande tendência de aumento da densidade de cultivo, procurando com isso uma maior produ o por área. Pretendeu-se, neste trabalho, desenvolvido em Ilha Solteira-SP, estimar e analisar comparativamente o custo de produ o e a lucratividade de bananeira-'Nanic o Jangada', sob duas densidades de cultivo: 1666 plantas (3,0mx2,0m) e 2500 plantas (2,0mx2,0m). Para o cálculo do custo, utilizou-se a estrutura do custo total de produ o (CTP). Considerando os dois ciclos produtivos do bananal, o espa amento de plantio mais adensado (com maior número de plantas por área) apresentou resultados econ micos mais satisfatórios que os obtidos para o cultivo menos adensado. A cultivar 'Nanic o Jangada' é uma alternativa de cultivo viável para a regi o de Ilha Solteira-SP.
Avalia o econ mica da termina o em confinamento de novilhos jovens e superjovens de diferentes grupos genéticos
Pacheco Paulo Santana,Restle Jo?o,Vaz Fabiano Nunes,Freitas Aline Kellermann de
Revista Brasileira de Zootecnia , 2006,
Abstract: Objetivou-se avaliar economicamente a termina o em confinamento de novilhos jovens e superjovens dos grupos genéticos 5/8Charolês (CH) 3/8Nelore (NE) e 5/8NE 3/8CH. A idade média dos animais ao final do período experimental foi de 22,8 meses para os jovens e de 15,2 meses para os superjovens. Os animais foram terminados em confinamento até atingirem o peso de abate previamente estabelecido (430 kg), sendo alimentados com dieta contendo 10,25% de proteína bruta e 3,18 Mcal de energia digestível/kg de MS, com rela o volumoso:concentrado de 60:40. As características econ micas avaliadas nos animais superjovens foram comparadas de duas maneiras: PF - até atingirem peso final similar ao dos jovens e ECF - até atingirem estado corporal final (ECF) similar ao dos jovens. Entre os componentes do custo total de produ o de um hectare de volumoso (silagem de milho), os insumos de maior representatividade foram, em ordem decrescente, adubo utilizado no plantio (23,27%), adubo nitrogenado utilizado em cobertura após emergência (16,05%), sementes (11,56%), inseticida (9,97%), herbicida pós-emergente (9,40%) e lona (6,85%). Na estimativa do custo da dieta experimental, o volumoso representou 23,75% e o concentrado, 76,25%. O custo por kg de ganho de peso foi similar entre as categorias jovem e superjovem PF (R$1,29/kg) e superior para os superjovens ECF (R$1,18/kg). As lucratividades total e mensal foram, respectivamente, de 25,79 e 4,19% para os novilhos jovens, de 26,19 e 2,68% para os superjovens PF e de 28,11 e 3,60% para os superjovens ECF, demonstrando que a redu o no período de alimenta o em confinamento de novilhos de corte promoveu aumento na lucratividade deste sistema de termina o. Entre os grupos genéticos, os animais 5/8CH 3/8NE apresentaram a maior receita líquida total e as mais altas lucratividades total e mensal.
Falácias acadêmicas, 11: o mito da transi o do capitalismo ao socialismo
Paulo Roberto Almeida
Revista Espa?o Acadêmico , 2009,
Abstract: Análise critica do conceito de modo de produ o na tradi o marxista e revis o histórica dos processos de desenvolvimento do capitalismo e do socialismo ao longo do século 20, tanto no plano conceitual como empírico. Exp e as contradi es do modelo analítico marxista e suas insuficiências teóricas, concluindo pela inaplicabilidade desse modelo para as condi es concretas das economias de mercado contemporaneas, e a falência intelectual e prática do aparato conceitual marxista para explicar os desenvolvimentos ocorridos nessas economias e nas alegadamente socialistas.
MATRIZ DE TRANSI O PARA SIMULA O DA DIN MICA DE FLORESTAS NATURAIS SOB DIFERENTES INTENSIDADES DE CORTE
Carlos Roberto Sanquetta,Doádi Ant?nio Brena,Humberto Angelo,Jefferson Bueno Mendes
Ciência Florestal , 1996,
Abstract: é descrito e demonstrado um método quantitativo para auxiliar ao manejador na tomada de decis o quando cortes periódicos s o efetuados em povoamentos florestais ineqüianeos. O método utiliza matriz de transi o. Os dados utilizados na constru o do simulador s o de uma floresta natural do Jap o, remedida por 10 anos. Os parametros necessários à aplica o do método s o a matriz de transi o de mudan a nas freqüências por classe diamétrica, estimativas de mortalidade natural e por danos, estimativas de aumento de recrutamento com a abertura de dossel e a taxa estimada de acelera o no crescimento provocado por interferências no povoamento. Um exemplo de aplica o do modelo proposto é mostrado, apresentando um cenário das possibilidades de simula o sob diferentes intensidades de corte. Concluiu-se que o modelo proposto é potencialmente um instrumento valioso para o manejador, uma vez que o crescimento e o ciclo de corte de povoamentos florestais ineqüianeos podem ser preditos.
Pela reinterpreta o da Lei de Anistia: a sociedade brasileira aguarda justi a
Diogo Mamoru Ide
Meridiano 47 : Boletim de Análise de Conjuntura em Rela??es Internacionais , 2008,
Abstract: A análise visa argumentar que a interpreta o predominante da Lei de Anistia brasileira é incompatível com o regime internacional de direitos humanos.
Uma análise das tecnologias de informa o e comunica o, em rela o à redu o de custos, sob a ótica da nova economia institucional
Stefano Caetano Silveira,Régis Rathmann
Estudos do CEPE , 2011,
Abstract: O presente artigo prop s-se a apresentar uma breve análise das Tecnologias de Informa o e Comunica o (TICs), em rela o à redu o de custos, sob a ótica da Nova Economia Institucional (NEI). Partindo de um estudo de caso realizado junto à Junta Comercial do Estado do Rio Grande do Sul (JUCERGS), buscou-se avaliar se ocorre a diminui o tanto dos custos de transa o por gerenciamento, quanto dos custos de produ o em face do crescimento da produtividade. Com base no arcabou o teórico da NEI, e no referido estudo de caso, concluiu-se que a utiliza o de TICs torna os processos mais ágeis e transparentes, permitindo uma queda tanto dos custos de produ o como dos custos de transa o. Isto é possível devido ao arrefecimento dos custos de barganha, negocia o, tomada de decis o, monitoramento e cumprimento das cláusulas vigentes nos contratos. Abstract The article aims to present a brief analysis of the Information and Communication Technologies (ICTs) for the reduction of production costs and transaction costs, from the perspective of New Institutional Economics (NIE). . Starting from a case study conducted by JUCERGS, aimed to assess whether there is a decrease in both the transaction costs for management, as production costs in the face of productivity growth. Based on the theoretical framework of NIE, and in that case study, it was concluded that the use of ICTs makes processes more transparent and agile, enabling a fall both of production costs how transaction costs. This is possibly due to cooling costs bargaining, negotiation, decision making and monitoring compliance with clauses in existing contracts.
Page 1 /102906
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.