oalib

Publish in OALib Journal

ISSN: 2333-9721

APC: Only $99

Submit

Any time

2015 ( 1 )

2013 ( 7 )

2012 ( 49 )

2011 ( 27 )

Custom range...

Search Results: 1 - 10 of 495 matches for " Professor Unoesc "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /495
Display every page Item
Nota Editorial
Carlos Luiz Strapazzon, Doutor, Professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: NOTA editorial V. 13, n. 1
Nota Editorial
Carlos Luiz Strapazzon, Doutor, Professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: Editorial
Editorial
Carlos Luiz Strapazzon, Doutor, Professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: Em portugues e em ingles
Nota Editorial
Carlos Luiz Strapazzon, Doutor, Professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: Em inglês
Resumo de Tese de Doutorado
Carlos Luiz Strapazzon, Doutor, Professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: TESE 1 Título: Reserva da intimidade: uma possível tutela da dignidade no espa o relacional da conjugalidade Autor: Silvana Maria Carbonera TESE 2 Título: As origens doutrinárias e a interpreta o da fun o social dos contratos no Código Civil brasileiro Autor: Gerson Luiz Carlos Branco TESE 3 Título: Capitalista coletivo ideal: o Estado e o projeto político de desenvolvimento nacional na Constitui o de 1988 Autor: Matheus Felipe de Castro
Flexibiliza o dos direitos trabalhistas: a es afirmativas da dignidade da pessoa humana como forma de resistência
Rodrigo Goldschmidt, Doutor em Direito (UFSC), professor Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: A tese apresenta uma constru o teórica de resgate da dignidade da pessoa humana nos campos filosófico e jurídico, acoplando esse aporte às especificidades do Direito do Trabalho. A constru o da tese, inédita nesse aspecto, fornece ao Direito do Trabalho as condi es para fazer frente ao fen meno da flexibiliza o, limitando ou impedindo os seus efeitos deletérios, respaldando as a es afirmativas da dignidade da pessoa do trabalhador, aqui propostas, também, com ineditismo. O estudo divide-se em quatro capítulos, sistematicamente ligados e estruturados. O primeiro parte da no o de dignidade da pessoa humana, plasmada em partes da filosofia e da ciência política. Estuda a dimens o jurídica da dignidade da pessoa humana, acompanhando a sua positiva o nos tratados internacionais e na constitui o. O segundo aborda a base principiológica e a crise do Direito do Trabalho contemporaneo, estabelecendo uma análise inicial da globaliza o econ mica neoliberal e seus efeitos no mundo do trabalho. O terceiro estuda o fen meno da flexibiliza o dos direitos trabalhistas, abordando temas conexos, como globaliza o, privatiza o e terceiriza o, estabelecendo o conceito e a tipologia da flexibiliza o e seus efeitos nocivos para o Direito do Trabalho. O quarto e derradeiro resgata as no es teóricas estabelecidas ao longo da pesquisa, defendendo a tese das a es afirmativas da dignidade da pessoa humana como forma de opor resistência aos efeitos nocivos da flexibiliza o dos direitos trabalhistas, destacando o papel que o Estado, a Sociedade Civil e o particular podem assumir no contexto. O método de abordagem é o indutivo e o de procedimento é o monográfico. As técnicas de pesquisa s o a bibliográfica e a documental. O resultado final da pesquisa evidencia que as a es afirmativas do princípio da dignidade da pessoa humana, levadas a cabo pelo Estado, pela Sociedade Civil e pelos particulares, além de atualizarem e fortalecerem as bases do Direito do Trabalho, constituem meios eficazes de resistência contra os efeitos nocivos da flexibiliza o.
A problemática dos Direitos Humanos Fundamentais na América Latina e na Europa: Desafios materiais e eficaciais
Robison Tramontina, Doutor em Filosofia (PUC-RS), Professor da Unoesc, Brasil
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2012,
Abstract: Trata-se de uma obra que reúne pesquisadores de universidades brasileiras e espanholas, que tem como escopo refletir sobre o tema dos direitos humanos fundamentais na América Latina e Europa. As investiga es levadas a cabo inserem-se num projeto conjunto da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) e da Càtedra de Cultura Jurídica da Universidade de Girona – Espanha. Entretanto, as contribui es têm origens institucionais diversas; do Brasil, há artigos de professores pesquisadores de várias institui es, a saber: Unoesc, Uninove, UFSC, Unisc e da Unifor; da Espanha, das seguintes Universidades: Girona, Santo Antonio de Murcia, Rey Juan Carlos, Nacional de Educación a Distancia. Além das contribui es brasileiras e espanholas, há uma americana, da Universidade de Connecticut. Esta dividida em três capítulos e apresenta vinte e dois artigos sobre os diversos ramos do direito, sempre com as lentes voltadas, direta ou indiretamente, para os direitos humanos fundamentais. O primeiro capítulo trata da Teoria Geral dos direitos humanos fundamentais e sua trasnacionalidade, destacando aspectos históricos, filosóficos, sociológicos, doutrinários e jurisprudenciais dos direitos humanos fundamentais. O segundo e o terceiro capítulos abordam as dimens es materiais e eficaciais dos direitos humanos fundamentais civis e sociais, respectivamente
The alloying behaviour of gold
Professor G. V. Raynoy
Gold Bulletin , 1976, DOI: 10.1007/BF03216628
Abstract:
Preventing Corruption Through Spiritual Leadership in Organisations
Radha R. sharma, Professor
Organization and Management , 2010, DOI: 10.2478/v10166-010-00010-y
Abstract:
Co-Opetition in Network Relations Between Businesses
Joanna Cygler, Associate Professor
Organization and Management , 2010, DOI: 10.2478/v10166-010-0005-8
Abstract: In the contemporary business world co-opetition plays a significant role in the relations between competitors. Co-opetition occurs not only between two competing sides but also in network relations. It may develop both within network relations and also between whole network systems. In the intra-network co-opetition the position of the companies depends on several factors: number and importance of concluded relations, access to strategic assets (tangible and intangible) and status. Intensity of intra-network co-opetition depends on the intensity of competitive and co-operative relations among its members. The inter-network co-opetition emerges mainly in the context of fierce competition for technological standards (e.g. Symbian vs. Microsoft). Co-opetition between network systems of the companies may appear both at the intra-network and inter-network levels. Dynamic development of network relations becomes both the cause and the result of enterprises' co-opetition.
Page 1 /495
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.