oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Fluorose dental: fic o epidemiológica?  [cached]
Moysés Samuel Jorge,Moysés Simone Tetu,Allegretti Ana Cristina Vidal,Argenta Melissa
Revista Panamericana de Salud Pública , 2002,
Abstract: Objetivo. Revisar a literatura a respeito da fluorose dental e avaliar sua presen a em escolares da rede pública da Cidade de Curitiba, Paraná, Brasil. Métodos. Realizamos uma revis o da literatura internacional, com ênfase nas revis es críticas sistemáticas listadas em fontes eletr nicas (Medline, Lilacs, Biblioteca Cochrane e Scielo Saúde Pública) e publicadas entre 1998 e 2001. Além disso, realizamos um estudo transversal, no ano de 2000, com escolares de 12 anos (n = 1 494). Resultados. A literatura mostra que ainda existe controvérsia acerca do impacto da fluorose e dos benefícios da suplementa o de flúor. Em nosso estudo, observamos uma prevalência média de fluorose de 23%, incluindo os níveis 2, 3, 4 e 5 do índice de Dean. A fluorose observada teve pouco impacto sobre a saúde biopsicossocial dos escolares estudados, como mostrou a análise multivariada com regress o logística, que revelou que a presen a de fluorose n o se associou significativamente ao inc modo com a cor dos dentes. Houve, contudo, associa o entre o local de residência (variável independente) e a presen a de fluorose (P= 0,00), tanto na análise bivariada como na multivariada. Conclus es. é possível concluir que a fluorose dental, por ora, n o constitui um problema epidemiológico relevante para a popula o estudada, e que as iniciativas para controlar a fluorose devem levar em conta a autopercep o do problema da fluorose pela própria popula o. Mesmo assim, ainda é de extrema importancia o monitoramento rigoroso dos teores de flúor na água de abastecimento.
AS PESQUISAS SOBRE PROFESSORES INICIANTES NO BRASIL: UMA REVIS O
Priscila Monteiro Corrêa,Vanessa Cristina Maximo Portella
Olhar de Professor , 2012, DOI: 10.5212/olharprofr.v.15i2.0002
Abstract: Studies about teacher education are becoming more prominent in the academic production, although the rst years of teaching is a theme not fully explored within the broader teacher education agenda (Mariano, 2006a; Papi e Martins, 2010). The purpose of this paper is to contribute to standardize/organize current knowledge on Brazilian beginning teachers through the analysis developed by Papi and Martins (2010). The corpus about the early years of teaching are based on the ANPEd 2008, 2009, 2010 and 2011 proceedings as well as on the CAPES 2008, 2009, 2010 database. The conclusion presents some Brazilian initiatives concerning the early years of teaching. The paper also presents some evidence based on the review, such as the relevance of developing research about the topic in the different regions of the country. In addition, this paper reinforces that research should consider the work of teachers who act in different types of schools. The ndings emphasize previous considerations regarding the relevance of continuous research about the early years of teaching.Resumo: O campo da forma o de professores vem ganhando cada vez mais destaque na produ o acadêmica e o início da docência con gura-se como uma temática ainda pouco explorada dentro desse campo maior (MARIANO, 2006A; PAPI; MARTINS, 2010). O objetivo do trabalho é contribuir para a sistematiza o/organiza o da atual produ o do conhecimento sobre professores iniciantes no Brasil, a partir da síntese de Papi e Martins (2010), levantando e problematizando quest es que emergem dos estudos sobre essa temática. O corpus do artigo é constituído pelos trabalhos apresentados nas reuni es anuais da ANPED nos anos de 2008, 2009, 2010 e 2011 e pelos trabalhos registrados no banco de teses da CAPES nos anos de 2008, 2009 e 2010. Na conclus o s o apresentadas algumas iniciativas brasileiras destinadas à etapa de inicia o à docência e retomadas algumas evidências que emergiram da revis o realizada, tais como a importancia de realizar pesquisas sobre o assunto nas diferentes regi es do país e de considerar nas pesquisas o trabalho também com professores que exercem seu ofício em diferentes tipos de escola. Os achados do trabalho reiteram as sínteses anteriores no sentido de mostrar a importancia da continuidade dos investimentos em pesquisas sobre o início da docência.
REVIS O EXTERNA DE QUALIDADE DOS AUDITORES INDEPENDENTES DO BRASIL: UMA ANáLISE DOS RELATóRIOS EMITIDOS DE 2008 A 2010  [cached]
Bruna Teixeira,Evelyse Nicole Chaves de Amorim,Loreci Jo?o Borges
Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ , 2012,
Abstract: A qualidade dos servi os prestados por auditores independentes é atualmente objeto de discuss o. Paraassegurar essa qualidade, órg os reguladores e entidades profissionais elaboraram um conjunto de medidas, entre elas a Revis o Externa de Qualidade pelos Pares. Este trabalho procurou verificar qual o resultado da Revis o Pelos Pares do Brasil nos últimos anos. Para isso, foi realizada uma pesquisaenvolvendo revis o bibliográfica e documental, com coleta de dados secundários, nos relatórios emitidos pelo CRE – Comitê de Revis o Externa do Conselho Federal de Contabilidade nos anos de 2008 a 2010. Verificou-se como resultado, que 94,2% dos relatórios emitidos pelos revisores continham alguma ressalva ou recomenda o. No mais, observou-se que, de 2008 para 2010 n o houve uma redu o dosrelatórios que continham ressalvas e recomenda es de aprimoramentos e melhorias, o que demonstra quen o houve uma mudan a na qualidade das auditorias revisadas.
Uma Revis o Qualitativa Enfatizando Aspectos Climáticos da Amaz nia e da Regi o Nordeste do Brasil  [PDF]
Isimar de Azevedo Santos,Julio Buchmann
Anuário do Instituto de Geociências , 2010,
Abstract: O presente trabalho é uma revis o abordando diversos fatores físicos que afetam e definem o comportamento climático das regi es da Amaz nia e do Nordeste do Brasil. Evidenciam-se as altera es que podem ser debitadas à presen a e atua o do homem, em conjun o com as flutua es que a própria natureza imp e ao clima destas duas regi es em particular, como no caso da Oscila o Sul (El Ni o e La Ni a). Conclui-se com o entendimento de que é possível atuar de forma inteligente sobre o ambiente tropical sul-americano em favor do bem estar do mesmo homem que até agora foi agente destruidor. Contudo permanece o risco de que se ultrapasse o limiar que tornaria a degrada o irremediável.
Os Arquivos Brasileiros de Nutri o: uma revis o sobre produ o científica em nutri o no Brasil (1944 a 1968)  [cached]
Vasconcelos Francisco de Assis Guedes de
Cadernos de Saúde Pública , 1999,
Abstract: Este trabalho consiste em uma revis o de 209 artigos originais publicados pelos Arquivos Brasileiros de Nutri o (1944/1968), um periódico editado pelo médico-nutrólogo Josué de Castro, diretor-fundador do Instituto de Nutri o da Universidade do Brasil (atual Universidade Federal do Rio de Janeiro). A metodologia utilizada baseou-se na realiza o de uma análise quanti-qualitativa, buscando sumariar tanto os conteúdos temáticos abordados, como o perfil dos autores dos artigos. Os resultados deste estudo revelam, por um lado, que 134 destes artigos (64%) foram inseridos dentro da perspectiva biológica da nutri o e correspondem, na maioria, a pesquisas laboratoriais sobre a composi o química e o valor nutricional de alimentos nacionais. Por outro lado, a análise dos 75 artigos (36%) incluídos na perspectiva social atesta o esfor o dos primeiros nutrólogos brasileiros em construir e aperfei oar os instrumentos metodológicos específicos para investigar as condi es nutricionais de nossa popula o, bem como em contribuir para a consolida o do campo da nutri o no Brasil.
A trajetória histórica da visita domiciliária no Brasil: uma revis o bibliográfica  [cached]
Edirlei Machado dos Santos,Débora Isane Ratner Kirschbaum
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2008,
Abstract: A visita domiciliária (VD) constitui-se instrumento importante para prática de enfermagem na saúde coletiva, especialmente, na Estratégia Saúde da Família. Estudo de revis o bibliográfica que tem objetivo contextualizar historicamente, a prática da VD em saúde no Brasil e sua articula o com diferentes modelos assistenciais adotados no país. Pesquisa foi realizada entre agosto/setembro de 2006, nas bases LILACS, SciELO e BDENF utilizando descritores: visita domiciliar e assistência domiciliar. é possível depreender, da literatura estudada que VD, enquanto instrumento de trabalho nos servi os de saúde pública, esteve presente na prática dos servi os de assistência à saúde e de enfermagem em diferentes momentos históricos, embora sua finalidade e intensidade com que foi empregada como meio de trabalho, tenha mudado de acordo com o projeto político existente. Na atual conjuntura das políticas de saúde e dentro do modelo de reorganiza o do modelo assistencial a VD esta posta como possibilidade de concretiza o de a es de forma integral, haja vista que, este instrumento permite conhecer o cenário social em que cada indivíduo/família convive. Assim, este estudo permite refletir a forma como está se dando a realiza o da VD, considerando todo contexto histórico e social em que a mesma tem se desenvolvido no cenário dos servi os de saúde.
O comunitarismo crist o e suas influências na política brasileira – uma revis o bibliográfica sobre o comunitarismo católico no Brasil  [cached]
Robson Sávio Reis Souza
Horizonte : Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religi?o , 2009, DOI: 10.5752/439
Abstract: Resumo Apresentaremos neste artigo uma breve discuss o acerca das influências do comunitarismo crist o na vida social e política brasileira. Trata-se de um ensaio exploratório. O objetivo é uma revis o bibliográfica sobre o tema. A partir daquilo que foi possível selecionar, tentamos elaborar algumas ideias, no sentido de apresentar, mesmo que sucintamente, tópicos que podem indicar a importancia do comunitarismo crist o, tradi o forte e influente n o somente nas décadas de 1960 e 1970, mas que, sobretudo no atual contexto político, ainda desempenha um papel central na sociedade brasileira. Recorte especial é a análise sobre as influências do comunitarismo nas a es da Igreja Católica, no Brasil. Assim, a Teologia da Liberta o e as Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) derivariam do pensamento comunitarista. Por fim, o comunitarismo crist o é apresentado como uma rea o ao neoliberalismo, por priorizar "o valor inelutável da dignidade e da transcendência humana e uma resistência insuperável a deixar engolfar o destino humano em uma lógica mercantil, de individualismo possessivo. Essa tradi o, em grande medida identificada com as posi es hoje encarnadas pela CNBB, é responsável por vastas experiências de solidariedade entre os pobres e oprimidos brasileiros". Palavras-chave: Comunitarismo crist o; Igreja Católica; A o social; Política; Movimentos sociais. Abstract This article discusses briefly the influences of Christian Communitarianism on Brazilian social and political life. It is an exploratory essay aimed at a bibliographical review of the subject. Based on what was possible to select, we tried to elaborate some ideas to present topics that may indicate the importance of Christian Communitarianism, a strong and influent tradition, not only in the 1960s and 1970s, but especially in the current political context, still playing a central role in Brazilian society. A special point is the analysis of the influences of Communitarianism on actions of the Catholic Church in Brazil. Thus, the Theology of Liberation and the Base Ecclesial Communities (BECs) could have derived from the communitarian thought. Finally, Christian Communitarianism is presented as a reaction against neoliberalism, as it gives priority to "the inestimable value of human dignity and transcendence and an insuperable resistance to let human destiny be engulfed by a mercantile logic of possessive individualism. This tradition, largely identified with the positions assumed by CNBB, is responsible for vast experiences of solidarity between the Brazilian poor and oppressed".
A evolu o das configura es produtivas locais no Brasil: uma revis o da literatura  [cached]
Hasenclever Lia,Zissimos Isleide
Estudos Econ?micos (S?o Paulo) , 2006,
Abstract: A desconcentra o industrial, vivenciada pelo Brasil entre os anos 1970 e 2000, foi acompanhada pelo surgimento de novas configura es produtivas locais, consolida o de antigas, especialmente em rela o ao tamanho e à organiza o das empresas, e mudan as no perfil empresarial. Esse fen meno tornou-se objeto de estudo de diversos grupos de pesquisa. O objetivo deste trabalho é analisar criticamente esses estudos sobre o Brasil e a forma como os grupos de pesquisa tomaram emprestado defini es e modelos das diferentes escolas e programas de pesquisa fundados em contextos diferentes da realidade brasileira. Em geral, observou-se que os estudos sobre desenvolvimento econ mico local têm avan ado em rela o às metodologias quantitativas de identifica o das especializa es setoriais. Contudo, n o há consenso entre os diferentes grupos de pesquisa sobre as metodologias mais apropriadas para a realidade brasileira. Falta ainda avan ar nos métodos de mensura o e identifica o da densidade das redes de empresas e de seus aspectos qualitativos.
Estudos sobre ciclos e progress?o escolar no Brasil: uma revis?o
Barretto, Elba Siqueira de Sá;Sousa, Sandra Zákia;
Educa??o e Pesquisa , 2004, DOI: 10.1590/S1517-97022004000100003
Abstract: this article is a review of published studies about school cycles and school progression in this country, based on a survey of academic publications on this issue covering the period from 1980 to the first half of 2002, as well as more recent material. from the focal points identified during the preliminary review of the material carried out in the above-mentioned survey the text attempts to highlight: conclusions drawn from the historical recovery of the experiences of introducing cycles in schools; data on the coverage and current configuration of schools organized in cycles in brazil; dimensions emphasized, omitted or little explored in essays and research on school cycles; bibliographical sources for the study of specific experiences. special attention is given to recent articles that refer to the reforms carried out in state capital cities, which have introduced the cycle organization within innovative contexts, such as those conducted in s?o paulo, belo horizonte and porto alegre. as a conclusion, the authors consider that, although the literature examined does contain valuable elements to the comprehension of the current stage in which the issues related to school cycles find themselves, the ongoing policies demand further investigation covering the dimensions of formulation, implementation and impact; timely studies are not just those of a descriptive or analytical nature, but also those submitting proposals.
Epidemiological features and the neuropathological manifestations of canine distemper virus-induced infections in Brazil: a review Aspectos epidemiológicos e as manifesta es neuropatológicas associadas à infec o pelo vírus da cinomose canina no Brasil: uma revis o  [cached]
Selwyn Arligton Headley,Alexandre Mendes Amude,Alice Fernandes Alfieri,Ana Paula Frederico Rodrigues Loureiro Bracarense
Semina : Ciências Agrárias , 2012,
Abstract: This article provides a critical review of current epidemiological trends of canine distemper virus (CDV) and syndromes related to canine distemper encephalitis (CDE) with specific reference to the situation in Brazil. Epidemiological data relative to susceptible animal populations, prevalence, seasonal occurrence, and age-related patterns associated with CDV are discussed. The participation of mongrel dogs in maintaining CDV within rural and semi-urban canine populations and their importance in the epidemiology of canine distemper is highlighted. The economic impact of treating the clinical manifestations associated with CDV-induced infections in Brazil is estimated. Additionally, neurological and neuropathological manifestations of CDV in Brazil are discussed, and a novel manifestation of CDE is proposed. Esse manuscrito fornece uma revis o crítica das tendências epidemiológicas associadas ao vírus da cinomose canina (CDV) e às síndromes relacionadas à encefalite por cinomose com referência específica à situa o no Brasil. Os dados epidemiológicos relativos às popula es de animais suscetíveis, prevalência, sazonalidade e os padr es relacionados à idade foram discutidos. Também é enfocada nessa revis o a participa o de c es de rua na manuten o do CDV nas popula es caninas nas áreas rurais e nas regi es semiurbanas e a sua importancia na epidemiologia da cinomose. Foi ainda estimado o impacto econ mico relacionado ao tratamento das manifesta es clínicas associadas à cinomose no Brasil. Adicionalmente, as manifesta es neurológicas e neuropatológicas da cinomose no Brasil s o discutidas e uma manifesta o neuropatológica inédita da infec o é sugerida.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.