oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Ictiofauna associada a um cultivo de mexilh o Perna perna (Linnaeus, 1758) Norte Catarinense, Sul do Brasil = Ichthyofauna associated with a culture of mussel Perna perna in Northern Santa Catarina, Southern Brazil
Matheus Oliveira Freitas,Rafael Velastin
Acta Scientiarum : Biological Sciences , 2010,
Abstract: Durante os meses de outubro de 2004 e setembro de 2005, foram realizadas coletas para identifica o da ictiofauna associada a um cultivo de mexilh o Perna perna, no município de S o Francisco do Sul, Estado de Santa Catarina. Foi coletado o total de 511 peixes correspondentes a sete espécies e seis famílias (Blenniidae, Gobiidae, Labrisomidae, Serranidae, Gobiesocidae e Monacanthidae); as espécies Hypleurochilus fissicornis, Bathygobius soporator e Gobiesox strumosus foram as mais abundantes. H. fissicornis foi dominante nas amostragens e esteve presente, juntamente com G. strumusus, em todos os meses amostrados. B. soporator n o foi registrada no mês de outubro e as demais ocorreram em duas ou três amostragens, com exce o da espécie exótica Omobranchus punctatus, que ocorreu em uma única amostragem (setembro de 2005), corroborando seu registro na área de estudo. Os valores médios de biomassa e abundancia aumentaram nos meses próximos do ver o, ocorrendo pico de captura no mês de janeiro de 2005. Nas análises de agrupamento por tamanho da penca, uma maior similaridade foi observada, principalmente nas pencas amostradas nos meses de ver o, quando se observaram pencas com maiores comprimentos. Os cultivos de mexilh es criam um novo substrato favorável à ocupa o de diversas espécies marinhas, o que favorece o crescimento de estabelecimento de espécies potencialmente competidoras, comercialmente importantes e/ou amea adas. During the months of October 2004 and June 2005, collections were made to identify the fish fauna associated with a culture of Perna perna mussel located in the district of Paulas, in the municipality of San Francisco do Sul, Santa Catarina State. It collected a total of 511 fish corresponding to seven species and six families (Blenniidae, Gobiidae, Labrisomidae, Serranidae, Gobiesocidae and Monacanthidae), the species Hypleurochilus fissicornis, Bathygobius soporator and Gobiesox strumosus being the most abundant. H. fissicornis was dominant in the samples and was present, along with G. strumusus, in all sampling months. B. soporator was not recorded in the month of October, and the remaining species occurred in two or three samplings, with the exception of the exotic specie Omobranchus punctatus, which occurred in a single sample (September 2005), corroborating its record in the area. The average values of biomass and abundance increased in the months near summer, with peak capture occurring in the month of January 2005. In the analysis of grouping by hand size, greater similarity was observed mainly in the hands sampled during the su
Mangue’s historical memoirs of the saga of the islanders on the Paraiba do Sul River Delta As trilhas memorialísticas do Mangue na saga dos ilhéus da foz do Paraíba do Sul
Carla Simone Ferreira Machado Lombardi,Vania Cristina Alexandrino Bernardo
Vértices , 2010,
Abstract: Reading about daily life through a novel′s narrative, which from the author’s point of view of the real world is articulated as fiction and recreated in the author-reader relationship acquires meanings in this study about Mangue, a regional novel by Osorio Peixoto. Involving themes such as historical memory, culture and literature, this article prioritizes an analysis that emphasizes the character and lifestyle of islanders on Pessanha`s island, a scenery in which the characters circulate and weave life stories, marked by poverty, oppression, disregard of the authorities, inhumanities and lack of citizenship. Based on the review of the literature, the study presents a critical and reflexive analysis of the saga of riverside communities described in the book, a text, which links poetry and fiction. A leitura do cotidiano, pelo olhar da narrativa do romance, que a partir do ponto de vista do autor sobre o real, articula-se com a fic o em busca de caminhos que v o ser recriados na rela o autor-leitor, ganha significados nesse estudo sobre Mangue, romance regional de Osório Peixoto. O presente artigo, ao enredar temáticas como memórias, cultura e literatura, priorizou análise que enfatizou o modo de ser e viver dos ilhéus da ilha do Pessanha, cenário aonde as personagens circulam e tecem histórias de vida, marcadas pela pobreza, opress o, descaso das autoridades, desumanidades e ausência de cidadania. Trata-se de uma escritura, que com base na revis o da literatura sobre os temas referentes, discute a saga das comunidades ribeirinhas em uma análise crítico-reflexiva desse texto que une poesia e fic o.
Solos de mangue do estado de S o Paulo: caracteriza o química e física  [cached]
Marcio Rossi,Isabel Fernandes Aguiar Mattos
Revista do Departamento de Geografia , 2002, DOI: 10.7154/rdg.v0i15.66
Abstract: O estudo desenvolveu-se ao longo do litoral do estado de S o Paulo, Brasil, visando realizar uma análise dos solos existentes emáreas caracterizadas pelo ecossistema mangue. A defini o e descri o das áreas estudadas deram-se por meio de foto-interpreta o etrabalhos de coleta de campo, procedendo-se posteriormente a análises de solos em laboratório do material coletado. A análise doselementos estudados caracterizou esses solos como basicamente de textura arenosa, por vezes de textura média por causa da contribui ode silte; com caráter sálico e sódico, com presen a de tiomorfismo; ambiente extremamente rico em bases apesar de altos teores dealumínio trocável; classificando-os como Areias Quartzosas Hidromórficas salinas ou Solonchak Sódico tiomórfico (Neossolos QuartzarênicosHidromórficos salino-sódicos ou salino-solódicos), para os casos de textura arenosa, e apenas Solonchak Sódico tiomórfico (GleissolosSálicos sódicos ou solódicos tiomórficos) para os de textura média, em áreas com vegeta o predominante de Laguncularia racemosa.
Mineralogia e físico-química dos solos de mangue do rio Iriri no canal de Bertioga (Santos, SP)
Prada-Gamero R. M.,Vidal-Torrado P.,Ferreira T. O.
Revista Brasileira de Ciência do Solo , 2004,
Abstract: A influência de condi es halomórficas, hidromórficas e sulfato redutoras na mineralogia da fra o argila e na geoquímica de três solos de mangue foi estudada no manguezal do rio Iriri. A partir de uma transe o, foram escolhidos três perfis representativos dos solos de mangue da área nos quais foram descritas as condi es geoquímicas e sua conseqüência sobre a mineralogia de seus respectivos solos. A análise mineralógica (DRX e EDS) e as condi es físico-químicas encontradas revelam a ocorrência de processos de piritiza o na área de estudo. A assembléia mineralógica está composta tanto por argilominerais alóctones (caulinitas, micas e esmectitas) como por argilominerais autóctones (micas, esmectitas e pirita). A partir de evidências provenientes da DRX e EDS, especula-se a forma o de glauconita nestes solos. As condi es de halomorfia e hidromorfia determinam valores de Eh e pH sob os quais elementos como Fe2+ e SO encontram-se livres na solu o do solo com tendência à estabilidade da pirita (FeS2), favorecendo, portanto, o processo da piritiza o.
Varia o temporal da estrutura dos bosques de mangue de Suape-PE após a constru o do porto  [cached]
Souza Marta Maria de Almeida,Sampaio Everardo V. S. B.
Acta Botanica Brasilica , 2001,
Abstract: Para acompanhar o impacto da implanta o do porto de Suape, PE, na estrutura da vegeta o do mangue, foram comparados dados de 1988 e 1995, em seis áreas pouco antropizadas (PA), quatro muito antropizadas (MA), três em regenera o inicial (RI) e duas em regenera o antiga (RA). Em cada área foram alocadas seis parcelas de 10 x 10m e medidos altura das plantas e diametro dos caules. Quatro espécies foram encontradas, sem um padr o de zona o definido: Rhizophora mangle L., Laguncularia racemosa (L.) Gaertn., Avicennia schauerianna Stapf. & Leechman e Avicennia germinans L. Conocarpus erecta L. apareceu apenas na transi o mangue - restinga. A distribui o das espécies n o teve mudan as marcantes entre 1988 e 1995 e nem diferen as nas situa es de antropiza o. As áreas PA tiveram uma diversidade grande de estrutura (densidade, 917-5683 plantas/ha; área basal, 12,7-60,8m2/ha; diametros médios e máximos, 5,6-22,4 e 12-36cm; alturas médias e máximas, 6,7-16,3m e 10-18m) e mudan as, no período, indicando que tinham sofrido cortes seletivos, já sem marcas visíveis. Sem o acompanhamento no tempo, n o seriam bom padr o de referência. As áreas MA tinham sinais visíveis de corte seletivo e redu es na densidade de plantas com diametro >10 cm e nas áreas basais. As áreas em regenera o após aterro ou alagamento, antes (RA) e depois de 1988 (RI), tinham alturas, diametros e áreas basais inferiores tanto aos de PA e MA, mas as de RA tinham as maiores densidades (7150-11850 plantas/ha). Portanto, oito anos n o foram suficientes para sua recupera o.
Contribui??o de Melampus coffeus (Gastropoda, Ellobiidae) na degrada??o da serapilheira do médio estuário do rio Pacoti, Ceará, Brasil
Tavares, Diva S;Maia, Rafaela C;Rocha-Barreira, Cristina A;
Iheringia. Série Zoologia , 2011, DOI: 10.1590/S0073-47212011000100007
Abstract: the leaf litter decomposition in the middle estuary of the pacoti river was studied in the presence and absence of the gastropod melampus coffeus (linnaeus, 1758), aiming at examining the contribution of this invertebrate to the organic matter cycling in mangroves ecosystems. the local population density of m. coffeus and leaf distribution based on wet biomass, dry biomass, and abundance, were estimated. a field experiment was conducted using samples of rhizophora mangle (rhizophoraceae) leaves (with similar color, and wet and dry biomass) equally distributed in 64 leaf litter cages. groups of 14 individuals of m. coffeus were placed in 32 of these cages. the experimental cages were equally distributed with their respective control cages (leaves only) in the field among four points, totaling 64 cages. during eight weeks four pairs of cages (experimental and control) were collected weekly. once collected, the leaves showing signs of grazing by m. coffeus were counted. the wet and dry biomasses of samples were also determined. although m. coffeus can contribute to leaf litter degradation, in this study, its effect on leaf degradation was not significant when comparing experiment and control groups during the experimental time in the studied area.
Circular cidade: poesia e groove na express?o musical de quatro grupos da regi?o do mangue nordestino
Agerkop, Yukio;
Per Musi , 2010, DOI: 10.1590/S1517-75992010000200016
Abstract: introduction to the phenomenon consisting of three music groups from aracaju (brazil) -sulanca, naurêa, maria scombona - and one group from recife (brazil) -chico science e na??o zumbi, which developed a musical hybridization based on local and regional elements on one hand, and transnational elements on the other. the musicians and their fans are constructing an own sense of locale, stressing the characteristics of the region where they live, with its musical traditions, the current verbal arts, the regional portuguese, and the playful character of the different musical expressions. this study aims at providing an alternative vision of a specific cultural space, the mangue (mangrove) region of aracaju and recife, focusing on different kinds of artistic expressions, the discourse of the musicians who are influenced by urban life, regional cultural expressions and non-brazilian - or transnational - musical trends.
Aptid?o para reflorestamento das sub-bacias dos canais do Mangue e do Cunha, município do Rio de Janeiro
Gomes, Jo?o Bosco Vasconcellos;Lumbreras, José Francisco;Oliveira, R. P. de;Bhering, Silvio Barge;Zaroni, M. J.;Andrade, Aluisio Granato de;Calderano, Sebasti?o Barreiros;
Revista Brasileira de Ciência do Solo , 2005, DOI: 10.1590/S0100-06832005000300016
Abstract: the suitability for reforestation of parts of the north slope of the tijuca neighborhood not covered by buildings, the mangue and cunha watersheds, was studied. the plan was to subsidize the "mutir?o" reforestation program of the environmental department of rio de janeiro municipality. nutrient deficiency, water deficiency, erosion susceptibility and management impediments were considered in the evaluation of land suitability. the limitation degrees were evaluated for the components of soil survey units, considering soil and landscape information from the available maps. geographical information systems were used for data input, geoprocessing and results presentation. the studied area presented the following distribution of suitability classes for reforestation: 11.2 % regular, 81.5 % restricted and 7.3 % unsuitable. slope is the most limitant factor in the restricted class followed by the presence of rocks.
A cachoeira do padre como divisor da biodiversidade da ictiofauna do rio Claro, Minas Gerais, Brasil. DOI: 10.7902/ecb.v3i2.2  [cached]
Caroliny Helena Moreira Fernandes,Frederico Belei,Wagner Martins Santana Sampaio,Patrícia Giongo
Evolu??o e Conserva??o da Biodiversidade , 2012, DOI: 10.7902/ecb.v3i2.2
Abstract: O presente estudo busca fornecer dados sobre a ictiofauna do baixo curso do rio Claro, na regi o da Cachoeira do Padre e teve por objetivo investigar se a cachoeira do Padre atua como barreira geográfica para as popula es de peixes do rio Claro. Para a realiza o do inventário foram utilizados métodos de coletas quantitativos e qualitativos. Foram levantadas 26 espécies e pertencentes a nove famílias. Entre as espécies capturadas n o foram encontradas espécies amea adas de extin o, porém espécies de importancia econ mica foram registradas. A estrutura da assembleia de peixes local encontra se relativamente estável com espécies representativas de todas as categorias tróficas. Os resultados deste estudo demonstram que a cachoeira do Padre funciona como uma barreira natural para os peixes do rio Claro.
Artrodese do carpo em gatos associada à hidroxiapatita  [cached]
Dórea Neto Francisco de Assis,Padilha Filho Jo?o Guilherme,Oriá Arianne Pontes,Furlani Juliana Maziero
Ciência Rural , 2004,
Abstract: Realizaram-se artrodeses carpais em dois gatos como forma de tratamento para altera es severas na articula o carpiana. A hidroxiapatita foi empregada para preenchimento do espa o articular do carpo. Os animais foram encaminhados ao Servi o de Ortopedia do Hospital Veterinário, UNESP, Campus de Jaboticabal, S o Paulo - Brasil. O animal 1, Siamês, 10 anos de idade, apresentava apoio inadequado do membro torácico esquerdo, dor, hiperextens o, instabilidade, luxa o, degenera o articular e osteartrite da articula o radiocárpica. O animal 2, sem ra a definida, 8 meses de idade, apresentava apoio inadequado do membro torácico direito, hiperflex o da articula o cárpica, contra o dos tend es da regi o carpiana, rota o externa do olécrano e o membro voltado para dentro. Foram aplicados fixadores esqueléticos externos (tipo IIb) com barras de polimetilmetacrilato, em ambos os casos. As avalia es clínicas e radiográficas após os procedimentos, demonstraram que a hidroxiapatita é uma alternativa promissora como substituto para os enxertos ósseos.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.