oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
O intelectual e a obra Raízes do Brasil: uma discuss o historiográfica
Júlia Silveira Matos
BIBLOS : Revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informa??o , 2006,
Abstract: A obra de Sérgio Buarque de Holanda, desde sua morte, ganhou inúmeros intérpretes e questionadores que se dispuseram a analisar seu enigmático conceito de “Homem Cordial”. Entretanto, a maioria das análises hoje existentes considera sua obra Raízes do Brasil uma síntese da história do país, voltada à cultura brasileira, e desconsideram seu caráter político e questionador frente aos cordialismos que deterioram nossa política. No presente trabalho, apresentamos as interpreta es tradicionais da obra desse autor e como muitas vezes estas foram produzidas de forma descontextualizada.
Heterogeneidade de variancia e avalia o genética de bovinos da ra a Holandesa no Brasil  [cached]
Torres Robledo de Almeida,Bergmann José Aurélio Garcia,Costa Claudio Napolis,Pereira Carmem Silva
Revista Brasileira de Zootecnia , 2000,
Abstract: Dados de 109.200 lacta es foram utilizados para verificar o efeito da heterogeneidade de variancia sobre a avalia o genética de vacas e touros da ra a Holandesa criados no Brasil. A produ o total de leite ajustada para idade adulta foi usada para classificar os rebanhos em três classes de desvio-padr o fenotípico: baixo (<1427 kg), médio (entre 1427 kg e 1625 kg) e alto (>1625 kg). Dados das primeiras lacta es foram analisados considerando a produ o total de leite ajustada para idade adulta (TOTAJU) e produ o total de leite ajustada para idade adulta e para 305 dias de lacta o (TAJU305). As produ es de leite médias e os componentes de variancia genética, residual e fenotípica aumentaram com o aumento do desvio-padr o da classe. Para as classes de baixo e médio, baixo e alto e médio e alto desvios-padr o, as correla es genéticas foram 0,97; 0,89; e 0,91 para TOTAJU e 0,97; 0,92; e 0,96 para TAJU305, respectivamente. As correla es entre os valores genéticos para as classes de baixo, médio e alto desvios-padr o obtidos nas análises conjuntas (considerando como diferentes a express o da característica nas três classes) e os obtidos na análise geral (todas as classes como única característica) foram próximas à unidade. Entretanto, os reprodutores apresentaram maiores valores genéticos em rebanhos das classes de alto desvio-padr o. Na avalia o genética, é importante considerar a variabilidade entre rebanhos, pois, sob sele o, as classes mais variáveis contribuíram com a maior parte dos animais, e a avalia o genética do animal poderia ser fun o n o apenas do seu potencial genético, mas também do ambiente no qual suas progênies expressaram a característica.
O poder do bacharel no espa?o organizacional brasileiro: relendo Raízes do Brasil e Sobrados e mucambos
Cruz, Breno de Paula Andrade;Martins, Paulo Emílio Matos;
Cadernos EBAPE.BR , 2006, DOI: 10.1590/S1679-39512006000300005
Abstract: this paper aims at analyzing the possession of an academic title as a form of power manifestation in the brazilian organizational space. based on sérgio buarque de holanda's raízes do brasil (1936) and gilberto freyre's sobrados e mucambos (1936) we proceed a historical-sociological analysis of the phenomenon in the order to investigate: (1) the agricultural aristocracy of the xix century in brazil, (2) the colonization and its influence in brazil, and (3) the overvaluation of an academic degree by colonizers. in this sense, the reading of these classics using the lens of "the power of the bachelor" in a segregated society in transition from agricultural to urban allowed to understand the "bacharelismo" in the organization studies in brazil as a conditional power (galbraith, 1999). the ownership of such a particular type of power represents capital stock that legitimates the exercise of authority upon those who are not provided with nobleness and/or academics distinctions.
Componentes de (co)variancia e parametros genéticos de características de crescimento da ra a Simental no Brasil  [cached]
Marques L.F.A.,Pereira J.C.C.,Oliveira H.N.,Pereira C.S.
Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , 1999,
Abstract: Informa es de genealogia e produ o, cedidas pela Associa o Brasileira de Criadores da Ra a Simental (ABCRS), relativas aos pesos desde o nascimento até um ano de idade, foram utilizadas para estimar, sob modelos alternativos, os componentes de variancia e os parametros genéticos em animais da ra a Simental no Brasil. A matriz de parentesco incluiu 25.812 animais dos quais 7587 com dados de produ o. O modelo 1 contém, além do erro, o efeito genético direto. Os modelos seguintes contêm os componentes do modelo 1, mais o efeito permanente de ambiente materno (modelo 2), ou o componente genético materno (modelo 3), ambos os componentes (modelo 5), os componentes do modelo 3 mais a covariancia entre os efeitos genéticos direto e materno (modelo 4) e todos os componentes citados (modelo 6). Os modelos foram comparados pelo teste de raz o de verossimilhan a pelo chi2 (P<0,01). Os componentes de variancia e os valores de herdabilidades, estimados para os efeitos direto e materno, foram decrescentes, desde o modelo 1 até o modelo 6, na raz o direta em que o modelo incorpora mais efeitos aleatórios. Para a fase de aleitamento foi encontrada variancia genética nula, entretanto, alto valor para a variancia de ambiente permanente. Os efeitos maternos, genético e de ambiente permanente s o importantes para a ra a Simental no Brasil e devem ser considerados em programas de sele o. Entretanto, os valores mais elevados de herdabilidade materna, encontrados com modelos sem efeito de ambiente permanente, sugerem que o método utilizado n o discrimina apropriadamente esses efeitos, oriundos de mesma fonte de varia o.
Qual "retrato do Brasil"? Ra a, biologia, identidades e política na era da gen mica  [cached]
Santos Ricardo Ventura,Maio Marcos Chor
Mana , 2004,
Abstract: Ao longo das últimas décadas, novas tecnologias, institui es, práticas e ideologias consolidaram-se em torno dos genes, o que veio a se constituir em uma revolu o tecnocultural de amplo espectro. Neste trabalho, analisamos um debate recente ocorrido no Brasil em torno da pesquisa Retrato Molecular do Brasil, que teve por objetivo elucidar as origens genéticas dos brasileiros", a partir do seqüenciamento de por es do DNA mitocondrial e do cromossomo Y. Esse estudo, que lan ou m o de enfoque gen mico, toca em aspectos nevrálgicos da história e da constitui o da identidade biossocial/racial da sociedade brasileira. Ao focalizar a recep o dessa pesquisa, exploraremos algumas das novas, intensas e abundantes formas de rela o entre "natureza/genética" e "cultura/sociedade", nas quais o DNA aparece como ator saliente em uma disputa entre modalidades de interpretar e transformar realidades sociais e políticas no Brasil.
"Psicologia das ra as" e religiosidade no Brasil: uma intersec o histórica  [cached]
André Luis Masiero
Psicologia: Ciência e Profiss?o , 2002, DOI: 10.1590/s1414-98932002000100008
Abstract: Neste artigo discutiremos como eram apreciadas as manifesta es religiosas afro-descendentes pelas ciências psicológicas no Brasil, sob forte influência das teorias raciais e eugenia, na virada do século XIX-XX. In this article we will discuss how the afro-descending religious manifestations were viewed by the psychological sciences in Brazil, under the strong influence of the racial theories and eugenics, in the turning of the XIX-XX century.
Ra a e desigualdade entre as mulheres: um exemplo no sul do Brasil  [cached]
Olinto Maria Teresa Anselmo,Olinto Beatriz Anselmo
Cadernos de Saúde Pública , 2000,
Abstract: Através de dados epidemiológicos este estudo pretende evidenciar as propor es sócio-econ micas das distin es criadas pelo "racismo contemporizador" da sociedade brasileira. Foi realizado um estudo transversal de base populacional com uma amostra representativa de 2.779 mulheres, de 15 a 49 anos vivendo em uma cidade no sul do Brasil. As mulheres negras e pardas apresentaram menor escolaridade, renda familiar, piores condi es de moradia do que as mulheres brancas. Ao mesmo tempo, usavam menos métodos contraceptivos, tinham mais filhos e apresentavam maior perda fetal do que as mulheres brancas. Chama a aten o que praticamente todos esses resultados apresentaram tendência linear entre as categorias, isto é, à medida que havia um "escurecimento" da pele, piores ficavam as condi es sócio-econ micas das mulheres. Também foi observado que as mulheres negras eram mais separadas, divorciadas ou viúvas, evidenciando mais um aspecto de pauperiza o das mulheres negras, principalmente pelo limitado acesso dessas ao mercado de trabalho. Os resultados deste estudo demostram que as rela es raciais entre as mulheres s o uma problemática que deve permear a discuss o sobre cidadania no Brasil.
Sorovares de Salmonella isolados de matérias-primas e de ra o para aves no Brasil
Hofer Ernesto,Silva Filho Sebasti?o Januário da,Reis Eliane Moura Falavina dos
Pesquisa Veterinária Brasileira , 1998,
Abstract: Foram caracterizadas antigenicamente amostras de Salmonella isoladas de matérias-primas e de ra o para aves em 1976 e durante doze anos consecutivos (1979-1991). As 2293 culturas analisadas provieram de sete regi es distintas do país e possibilitaram o reconhecimento de 151 sorovares, classificados bioquimicamente nas subespécies I (99,6%) IIIa (0,33%) e IV (0,04%), respectivamente. Os sorovares identificados se distribuiram por 17 sorogrupos, com predominancia de O:7 (30,4%), O:4 (24,5%), O:3,10 (19,1%), O:13 (7,8%), O:1,3,19 (4,9%) e O:18 (3,7), que representam 90% dos grupos sorológicos caracterizados e constituídos de 103 (68,2%) sorotipos. Dentre os dez sorovares mais frequentemente reconhecidos citam-se S. Montevideo, S. Senftenberg, S. Havana, S. Mbandaka, S. Tennessee, S. Infantis, S. Agona, S. Anatum, S. Cerro e S. Bredeney. Alguns aspectos de caráter epidemiológico foram discutidos, envolvendo particularmente, determinados sorotipos e inclusive confrontando-se os resultados obtidos com aqueles oriundos de investiga o conexa em aves.
Parametros genéticos e nível de endogamia em bovinos da ra a Santa Gertrudis no Brasil
Ribeiro P.M.T.,Ferraz J.B.S.,Eler J.P.
Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia , 2000,
Abstract: O presente trabalho teve o objetivo de estimar os parametros genético, fenotípico e de ambiente e do nível de endogamia em bovinos da ra a Santa Gertrudis. As características estudadas foram peso ao nascer (PN), peso aos 120 dias de idade (P120), peso à desmama (PD), peso a um ano de idade (PANO) e peso ao sobreano (PSANO). Foram utilizados dados de produ o de 12.737 animais e dados de pedigree de 17.184 animais de 10 gera es anteriores aos animais com dados de produ o, num total de 29.921 animais. As análises genéticas foram feitas por meio de metodologia de modelos mistos sob modelo animal. A média da endogamia observada n o foi elevada (0,0395). As estimativas de herdabilidade para essa popula o podem ser consideradas de média a baixa magnitude, o que sugere que processos seletivos ter o eficiência apenas a longo prazo. As estimativas de herdabilidade dos efeitos genéticos direto foram: PN = 0,16; P120 = 0,06; PD = 0,13; PANO = 0,12; PSANO = 0,12.
Política de memória no Brasil: Ra a e história em Oliveira Vianna Gilberto Freyre  [cached]
Jaime Ginzburg
Araucaria , 2006,
Abstract: This essay tries to examine politics of memory in Brasil, according to ideas presented by Nelly Richard, Pieter Duvenage and Theodor Adorno. The purpose is to show how images of the past can bring trouble to the ways we develop contemporary debates. Considering information referring to 1920- 1945, we consider as a strong case the debate between Gilberto Freyre and Oliveira Vianna. It is wrong to develop reflections corcerning this period, without considering the differences between their positions, referring to racial issues.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.