oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
As teorias de aprendizagem e suas implica es no ensino de Matemática = Learning theories and their implication on mathematical teaching
Clélia Maria Ignatius Nogueira
Acta Scientiarum : Human and Social Sciences , 2007,
Abstract: Este trabalho é fundamentado em ampla pesquisa bibliográfica realizada para a elabora o de um texto didático1 destinado à forma o de professores, acerca das diferentes teorias de aprendizagem e suas implica es no ensino de matemática. Dentre as diversas teorias estudadas, focalizamos aqui, as teorias que analisam os processos de desenvolvimento e aprendizagem considerando o sujeito cognitivamente ativo e que s o mais difundidas entre os professores, a saber: Piaget e a Psicologia Genética; Vygotsky e a Psicologia Sócio-Histórica e a Teoria das Inteligências Múltiplas do estudioso norte-americano Howard Gardner, sempre destacando suas implica es no ensino da Matemática. This paper is grounded on a wide bibliographical research with a view to the elaboration of a didactic text for the development of teachers on the different learning theories and their implications in mathematics education. Among the different theories studied, the focushere is on the theories which analyze the processes of development and learning considering the subject as cognitively active. They are Piaget′s Genetic Psychology, Vygotsky′s Sociohistorical Psychology, and the Multiple-Intelligence theory by the North American theorist Howard Gardner and their implications in the teaching of Mathematics.
IMPLICA ES DO TRABALHO SEXUAL COMO ATIVIDADE LEGALMENTE RECONHECIDA: Um acercamento ao trabalho sexual desde suas dimens es sociológicas e econ micas  [cached]
Misael Tirado Acero
Prolegómenos. Derechos y Valores , 2011,
Abstract: Historicamente, em fun o de suas fortes implica es e barreiras difusas entre o legal/ ilegal, normal/patológico e moral/n o moralmente aceito, as atividades enquadradas na presta o de servi os sexuais têm desencadeado múltiplas controvérsias a partir de dimens es distintas, como a jurídica, a econ mica ou a sociológica. No presente texto é feito um acercamento às transa es comerciais que o trabalho sexual representa como o disfemismo das rela es amorosas no mercado dos bens simbólicos, um dos pontoschave das divergências em torno do fen meno, levando a discuss es como aquelas que atualmente ocorrem na normatividade colombiana, onde é marcada uma ruptura com a emiss o da senten a T-629 de 13 de agosto de 2010, reconhecendo os direitos trabalhistas das pessoas que exercem esta atividade. Por outro lado, s o apresentadas algumas das implica es econ micas do fen meno que tornam imperativa a realiza o de aproxima es às dinamicas econ micas em nível macro e microecon mico, o que permite vislumbrar o impacto do desenvolvimento normativo sobre tal fen meno.
Proposta de gest o de pessoas em unidade de informa o especializada: a for a da motiva o e suas implica es no processo de gest o de pessoas
Silvana Beatriz Bueno
Revista ACB , 2005,
Abstract: [Portuguese]O presente artigo exp e uma proposta de gest o de pessoas em uma unidade de informa o especializada. Destaca a importancia da motiva o no ambiente pessoal e profissional do indivíduo e sua rela o com os colegas de trabalho. Prop e a melhoria da qualidade dando ênfase à motiva o, estimulando a comunica o, o relacionamento globalizado entre usuários, funcionários e gestores. [English] The present article exposes a proposal of people's management in an unit of specialized information. It detaches the importance of the motivation in the individual's personal and professional atmosphere and his relationship with the work friends. It proposes the improvement of the quality giving emphasis to the motivation, stimulating the communication, the relationship global among users, employees and managers.
Análise das qualidades psicométricas do Inventário de Gest o de Pessoas (Ingepe)  [cached]
Cristiano Mauro Assis Gomes
Psicologia em Revista , 2007,
Abstract: Este artigo apresenta as qualidades psicométricas do Inventário deGest o de Pessoas (Ingepe) e discute suas implica es para a áreade gest o de pessoas. O Ingepe foi elaborado para mensurar valoresd e t r a b a l h o s o b r e a r e l a o e n t r e f o r m a s d e g e s t o e odesenvolvimento cognitivo do trabalhador. Ele foi aplicado em826 estudantes do curso de Administra o, Ciências Contábeis,Di r e i t o , H i s t ó r i a e L e t r a s , d e uma f a c u l d a d e d a R e g i oMetropolitana de Belo Horizonte. Somente foram analisados osd a d o s d o s p a r t i c i p a n t e s q u e r e s p o n d e r am t o t a lme n t e a oinstrumento. Foram empregados procedimentos de análise fatorialexploratória, método dos componentes principais e método doseixos principais, scree test, critério do autovalor maior do que um,máxima verossimilhan a, análise paralela por permuta o e rota ooblimin. Os resultados indicam que o Ingepe é capaz de mensurartrês dimens es de valores de trabalho, denominados de “valorestayloristas”, “valores humanistas” e “valores de maximiza o doslucros”.
Gest o de recursos humanos: teorias e práticas
Santos Maria Jo?o Nicolau
Sociologias , 2004,
Abstract: é um facto que perante as actuais transforma es sócio-económicas as empresas têm alterado significativamente o modo como gerem os recursos humanos. Todavia, ainda persiste um profundo hiato entre um discurso de gest o muito centrado na valoriza o do factor humano e as práticas efectivamente desenvolvidas pelas empresas. Ao nível teórico e conceptual tem havido uma redobrada aten o quanto à importancia do potencial criativo das pessoas como estratégia crucial de adapta o das empresas à mudan a. Este factor surge como condi o básica de sobrevivência das empresas face a um contexto altamente competitivo e profundamente incerto. A actual difus o de conceitos e teorias sobre capital intelectual, gest o do conhecimento, inteligência emocional s o um exemplo claro desta redobrada importancia atribuída ao elemento humano. Contudo o funcionamento do sistema económico e social é bastante mais complexo. Evidencia uma realidade multifacetada que nem sempre se enquadra nesta abordagem conceptual, nem corresponde efectivamente às políticas empresariais veiculadas. Em vez da t o generalizada valoriza o do potencial humano, verifica-se antes a emergência de práticas dualistas e uma segmenta o dos recursos humanos no interior das empresas. Relativamente ao mercado de trabalho, apesar de frequentemente se defender uma progressiva desregulamenta o, geralmente em nome de uma maior flexibiliza o económica e cria o de emprego, o facto é que esta diversifica o das rela es contratuais, tem estado frequentemente associada uma crescente precariza o das rela es de trabalho e de emprego. A reflex o sobre estes múltiplos movimentos e contradi es entre pressupostos teóricos e as práticas concretas desenvolvidas pelas empresas ser o objecto da nossa análise.
Dimens es conflitantes: entre o organizacional e o técnico na gest o do conhecimento  [cached]
Jairo Simi?o Dornelas
Cadernos EBAPE.BR , 2003, DOI: 10.1590/s1679-39512003000200006
Abstract: Este artigo busca identificar efeitos potenciais e concretos do uso de ferramentas afinadas com a tecnologia groupware numa pesquisa vinculada à gest o de conhecimento. A abordagem se insere num projeto mais amplo, que visa buscar um modelo de gest o de conhecimento para uma empresa brasileira de grande porte. O estudo se fundamenta no conceito de que a gest o do conhecimento é uma premissa administrativa que se vale da tecnologia da informa o para ser concretizada com sucesso e trafega por um conflituoso universo: o do dilema entre o técnico e o organizacional. A partir dessa constata o -parcialmente consagrada na literatura pesquisada -, é feita a pesquisa de campo (a empresa) e s o entrevistados coordenadores de células organizacionais, para saber suas impress es quanto à tecnologia e seu uso na gest o do conhecimento (pela ótica organizacional). Nessa linha, as entrevistas trabalham dimens es organizacionais e tecnológicas, visando destacar a percep o das pessoas sobre o tema, sua pertinência em seu ambiente de trabalho e a tendência da empresa a adotar a prática como uma estratégia organizacional. Nesse sentido, uma análise das entrevistas leva a interessantes conclus es sobre o que efetivamente se tenta gerenciar sob o rótulo de "conhecimento". A conclus o apresentada, entretanto, é parcial, posto que apenas uma parte da primeira fase foi cumprida. De toda forma, os achados preliminares s o promissores. The present article aims to identify potential and concrete effects of tools applications combined with groupware technology in a research about knowledge management. The approach used here is part of a wider project that aims to search for a knowledge management model to a big Brazilian company. The concept in which the study is based indicates that knowledge management makes use of information technology in order to be successfully reinforced and it walks through a conflicting universe: the dilemma between technical and organizational dimensions. From that evidence, which is sustained to a large extent by the consulted literature, the report chooses to make an incursion into the field (the company) as well as interviews with organizational cells coordinators, intending to recover impressions about technology (the technical) and its use for the task of knowledge management (in organizational view). Following this line, the interviews call attention to organizational and technological dimensions and intend to show people's perception about the subject, their relevance in the work environment and the company's inclination to adopt practices as an
A síndrome de Usher e suas implica es educacionais  [cached]
Alex Garcia
Revista Educa??o Especial , 2001,
Abstract: Através deste trabalho pretendemos focalizar as quest es que abarcam a Síndrome de Usher e suas implica es educacionais. Esta Síndrome que é considerada atualmente a principal síndrome óculo-auditiva conhecida, conseqüentemente a principal causa de surdocegueira pós lingüística no mundo. N o obstante a estas quest es levantaremos algumas atitudes, comportamento e adapta es que nós educadores devemos conhecer para colaborarmos com o fortalecimento da confian a e independência dos portadores desta síndrome, dando-lhe suporte para seu pleno desenvolvimento no ambiente escolar-pedagógico.
INDICADORES BIOGEOGRáFICOS EM FRAGMENTOS DE MATA ATL NTICA INSULAR E CONTINENTAL E SUAS POSSíVEIS IMPLICA ES PALEOAMBIENTAIS  [cached]
Sueli Angelo Furlan
Revista do Departamento de Geografia , 1996, DOI: 10.7154/rdg.v0i10.194
Abstract: INDICADORES BIOGEOGRáFICOS EM FRAGMENTOS DE MATA ATL NTICA INSULAR E CONTINENTAL E SUAS POSSíVEIS IMPLICA ES PALEOAMBIENTAIS
O forame de Huschke e suas implica es clínicas  [cached]
Melga?o Camilo A.,Penna Letícia M.,Seraidarian Paulo I.
Revista Brasileira de Otorrinolaringologia , 2003,
Abstract: Durante a forma o e desenvolvimento da por o timpanica do osso temporal, podemos verificar a presen a de um forame na regi o central da parede posterior da fossa articular (parede anterior do meato acústico externo). Este forame (forame de Huschke) está presente em todos os indivíduos, e sua luz oblitera-se por um processo natural de calcifica o ao redor dos 5 anos de vida, podendo persistir, em uma porcentagem da popula o, na idade adulta. A persistência do forame de Huschke foi relatada por diversos autores como sendo possível etiologia de diversas altera es, distúrbios e patologias relacionadas com as articula es temporomandibulares (ATM), ouvidos e estruturas adjacentes. Tendo em vista suas implica es e importancia clínica, torna-se fundamental que profissionais da saúde que atuam nestas regi es reconhe am as conseqüências da presen a e persistência do forame de Huschke.
Impress es e sentimentos das gestantes sobre a ultra-sonografia e suas implica es para a rela o materno-fetal no contexto de anormalidade fetal  [PDF]
Gomes, Aline Grill,Piccinini, Cesar Augusto
Psico , 2007,
Abstract: O confronto entre o filho imaginário e o real assume uma dimens o muito maior, diante de um diagnóstico de anormalidade fetal e tende a repercutir intensamente no ambito familiar. O presente estudo buscou investigar as impress es e os sentimentos das gestantes sobre a ultra-sonografia e suas implica es para a rela o materno-fetal no contexto de anormalidade fetal. Participaram do estuto três gestantes primigestas cujos bebês apresentavam diagnóstico de anormalidade fetal. Elas tinham entre 21 e 30 anos, e a idade gestacional era de 28 a 35 semanas. As participantes foram entrevistadas três meses depois da notícia do diagnóstico de anormalidade. A análise de conteúdo qualitativa das entrevistas revelou que a ultra-sonografia foi vista com ambivalência pelas gestantes que reconheceram tanto aspectos positivos como negativos do exame. Após o diagnóstico, as m es revelaram uma vis o bastante positiva em rela o aos bebês, além de uma intensifica o do vínculo com ele, o que sugere a necessidade da m e de assegurar amor e admira o mesmo diante da anormalidade do bebê.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.