oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Tratamento cirúrgico para claudica o intermitente em pacientes que n o melhoram com o tratamento clínico
Wolosker Nelson,Munia Marco Antonio S.,Rosoky Ruben,Fidelis Ronald J.
Arquivos Brasileiros de Cardiologia , 2004,
Abstract: OBJETIVO: Estudar prospectivamente os resultados obtidos com o tratamento cirúrgico de portadores de claudica o intermitente que n o obtiveram melhora clínica com o tratamento conservador, acompanhados, em média, por 6 anos. MéTODOS: De janeiro/1992 a janeiro/2002 foram acompanhados 26 pacientes tratados cirurgicamente de um grupo de 1380 portadores de claudica o intermitente, admitidos num ambulatório de doen a arterial obstrutiva periférica e claudica o intermitente, representando 1,88% do total. RESULTADOS: N o referiam limita o para deambular após a cirurgia 16 pacientes. Experimentaram melhora nove, porém com algum grau de limita o, e dois, pequena melhora na distancia máxima de marcha. N o houve mortalidade intra-operatória. Três pacientes apresentaram trombose da artéria tratada 6,48 e 60 meses após o procedimento e passaram a apresentar claudica o intermitente para as distancias prévias à cirurgia. Durante o seguimento a longo prazo observamos uma mortalidade de 23,0% devido a infarto agudo do miocárdio (4 casos), insuficiência renal (um) e acidente vascular cerebral (um). Dois pacientes foram submetidos a revasculariza o do miocárdio 2 e 4 anos após a reconstru o arterial e um ainda necessitou angioplastia coronariana com 3 anos de seguimento. O tempo de seguimento médio foi de 73 meses. CONCLUS O: O tratamento cirúrgico diminuiu sintomas isquêmicos da claudica o intermitente em muitos pacientes, com excelente taxa de patência (88,4%) dos enxertos, tornando-se em pacientes que n o apresentam melhora com tratamento clínico, boa alternativa com baixas taxas de complica es e bons resultados a longo prazo.
Identifica o tomográfica da bainha epineural dos nervos poplíteos durante anestesia regional intermitente do pé: relato de caso
Geier Karl Otto
Revista Brasileira de Anestesiologia , 2002,
Abstract: JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Bloqueios nervosos regionais dos membros inferiores s o comumente realizados para procedimentos cirúrgicos e analgesia pós-operatória. O objetivo deste estudo é demonstrar um raro e casual registro tomográfico sobre o posicionamento de cateter na fossa poplítea, originalmente destinado ao nervo ciático, e a dispers o da solu o anestésica durante analgesia intermitente num trauma de pé. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 54 anos, estado físico ASA III, com trauma grave do pé esquerdo foi submetido a bloqueio do nervo ciático através de cateter colocado no ápice do triangulo poplíteo. Como inje es de 10 ml de bupivacaína a 0,375% com epinefrina a 1:400.000 permitiram curativos e desbridamentos diários com preserva o da sensibilidade plantar, o fen meno foi investigado radiologicamente. Estudos radiográficos e tomográficos contrastados da regi o poplítea permitiram mostrar o posicionamento do cateter e a dispers o da solu o anestésica sob a bainha de cada um dos componentes do nervo ciático. CONCLUS ES: Os relevantes achados tomográficos contrastados da regi o poplítea comprovaram recente estudo anat mico sobre a individualiza o da bainha neural, envolvendo os nervos poplíteos com implica es no desfecho do bloqueio nesta regi o. A analgesia obtida por cateter mantido na fossa poplítea demonstrou ser efetiva apenas no dermátomo do nervo fibular superficial (dorso medial do pé e hálux).
Processo e Modelo de Identifica o de Elementos Relevantes em Documentos Textuais a Partir de Informa es da Prática de Defini o de Atividades Instrucionais  [cached]
Robinson Vida Noronha,Clovis Torres Fernandes
Revista Brasileira de Informática na Educa??o , 2009,
Abstract: Resumo: Atualmente n o há metodologia que auxilie ao professor na tarefa de identifica o de fatos principais e relevantes em documentos textuais para alguma atividade instrucional. Os documentos textuais considerados neste trabalho s o textos aplicáveis em atividades instrucionais ou execu o de exercícios. Professores, usualmente, identificam quais fatos s o relevantes para as atividades instrucionais enquanto lêem tais documentos, realizando anota es ou destacando, através de caneta ou lápis, trechos do documento. Nesse artigo prop e-se um novo processo de auxílio na atividade de identifica o, sele o e ordena o desses fatos representados na forma de frases. O processo é automatizado e guiado por algumas informa es instrucionais, tais como o objetivo da atividade instrucional, as metas instrucionais e os conceitos relevantes ou palavras-chave do domínio. Essas informa es s o estruturadas com base em um novo modelo de representa o de informa es instrucionais. Esse modelo também é proposto aqui. A principal contribui o do trabalho reside em mostrar como utilizar algumas informa es pedagógicas para selecionar fatos principais e fragmentos de informa o. Os resultados de um experimento preliminar indicam que tanto o modelo quanto o processo poderiam ser utilizados para auxiliar professores na tarefa de identifica o de fatos e frases relevantes a um dado assunto instrucional de documentos textuais.
IDENTIFICA O DE áREAS SUSCEPTíVEIS à DESERTIFICA O EM BACIA INTERMITENTE SAZONAL NO SEMI-áRIDO BRASILEIRO  [cached]
Flávio Rodrigues do Nascimento
Boletim Goiano de Geografia , 2009,
Abstract: O presente trabalho tem como escopo avaliar as bases geoambientais, identificar e mapear as áreas degradadas susceptíveis à desertifica o na Bacia Hidrográfica do Acaraú, na Regi o Nordeste do Brasil. A análise geoambiental integrada foi o norte metodológico perseguido. Usou-se, como procedimento técnico o processamento digital de imagens de satélite (TM e ETM + LANDSAT 5 e 7, cenas 217/63, 218/62 218/63. 1:250.000). A Bacia Hidrográfica foi destacada como unidade de planejamento e gest o geoambiental. As áreas mais susceptíveis a desertifica o est o compreendidas nas unidades geoambientais da regi o de montante, médio-alto curso, em sert es semi-áridos. à jusante, no médio-baixo curso, embora predominem as formas agradacionais, notou-se que também há áreas sofrendo com mudan as ambientais, que podem comprometer a capacidade-suporte dos ecossistemas. Dados empíricos mostram que os impactos das atividades humanas sobre o ambiente físico se d o pela urbaniza o, desmatamento, irriga o, mudan as no uso da terra e minera o. Para combater a desertifica o é necessário articular o conhecimento científico, políticas públicas com a a o das comunidades organizadas nesta bacia.
Identifica o de indicadores contábeis relevantes para previs o e proje o de rentabilidade  [cached]
Flávio Leonel de Carvalho,Andrei Aparecido de Albuquerque,RaPHaEl PaZZEtto gon?alvEs
Revista de Educa??o e Pesquisa em Contabilidade , 2010,
Abstract: Vários estudos utilizando indicadores contábeis para a previs o de insolvência têm sido desenvolvidos desde as décadas de sessenta e setenta. Esses trabalhos buscam prever um possível estado de deteriora o do desempenho financeiro das empresas, utilizando-se de modelos estatísticos. A presente pesquisa buscou identificar quais os indicadores contábeis mais significativos para a previs o de rentabilidade das empresas, propondo uma fun o que utilize indicadores passados como base para prever rentabilidade futura. Foram empregadas informa es de todas as empresas n o financeiras que estavam ativas e possuíam a es negociadas na Bolsa de Valores de S o Paulo (Bovespa) nos anos de 2004, 2003 e 2002. Utilizando-se a análise descritiva e empregando o modelo de regress o linear múltipla, verificaram-se quais foram as variáveis mais significativas com suas respectivas Pondera es. Conclui-se com uma fun o de previs o de ROA, contendo cinco variáveis independentes estatisticamente significantes ao nível de 5% (cinco porcento) das doze selecionadas para o modelo inicial.
Quantifica o de claudica o intermitente. Modelo experimental em ratos  [cached]
Souza AC,Prado WA,Cunha FQ,Messias A
Acta Cirurgica Brasileira , 2000,
Abstract:
Identifica o dos fatores relevantes na decis o da aloca o dos recursos econ micos visando um transito seguro Identification of relevant factors in deciding the allocation of economic resources aiming at a safe traffic
érico Veras Marques,Marco Aurélio Machado
Revista de Administra??o Pública , 2010, DOI: 10.1590/s0034-76122010000600006
Abstract: A municipaliza o do transito no Brasil, a partir do final da década de 1990, transformou o município em um importante agente social no cenário contemporaneo da educa o no transito. A expans o das receitas dos órg os executivos de transito coloca em pauta novos desafios de atua o do município, exigindo maior profissionalismo na aplica o dos recursos arrecadados, num contexto social que espera que os municípios produzam e transpare am resultados efetivos de suas a es. Diante desta realidade, a possibilidade de se identificarem os fatores capazes de traduzir a complexa problemática de aplica o dos recursos arrecadados dos órg os executivos de transito n o é uma tarefa simples. A maioria das iniciativas para isso acaba falhando, principalmente pela multiplicidade de aspectos a serem considerados na abordagem do problema. Muitas vezes s o omitidos ou desprezados os aspectos que deveriam ser contemplados, resultando em simplifica es que acabam por produzir estruturas de avalia o incapazes de representar a realidade do processo. O presente estudo prop e-se a identificar os fatores relevantes na tomada de decis o para aplica o dos recursos arrecadados com multas de transito, a partir das vis es dos diversos especialistas de transito e dos gestores de órg os executivos de transito das capitais brasileiras. A identifica o desses fatores foi possível a partir da utiliza o da Técnica Delphi, a qual foi realizada através de sete rodadas de entrevistas com 12 especialistas e aplica o de um questionário junto aos gestores de 10 das maiores capitais do pais. O produto final da pesquisa foi a constru o da estrutura hierárquica desses fatores e suas respectivas dimens es. The decentralisation of traffic in Brazil, since the late 1990s, transformed the city into an important social agent in the contemporary scene of traffic education. The traffic executive bodies' increase in revenue brings forth new challenges in the action of the municipality, demanding more professionalism in applying the takings, in a social context that expects, from municipalities, the production and transpiration of their actions' effective results. Given this reality, the possibility of identifying factors capable of translating the complex issues of applying the funds raised by executive bodies of traffic is not a simple task. Most of the initiatives thereby will eventually fail, mostly due to the multiple aspects to be considered in addressing the problem. Aspects that should be contemplated are often overlooked or neglected, resulting in simplifications that tend to produce evaluat
Limita??o funcional e claudica??o intermitente: impacto das medidas de press?o arterial
Silva, Rita de Cássia Gengo e;Giribela, Cassiana Rosa Galv?o;Wolosker, Nelson;Consolim-Colombo, Fernanda Marciano;
Arquivos Brasileiros de Cardiologia , 2012, DOI: 10.1590/S0066-782X2012005000001
Abstract: background: arterial hypertension is an important risk factor for lower-limb occlusive arterial disease (lload). however, the correlation between blood pressure and pulse pressure (pp) with lload severity and functional impairment resulting from this disease is not well established in the brazilian population. objective: to verify whether there is a correlation between blood pressure, pp, lload severity and functional capacity in patients with symptomatic lload. methods: a total of 65 patients (62.2 + 8.1 years, 56.9% males) were evaluated. they were divided into two groups: normal (a) and high (b) blood pressure. lload severity was assessed using the ankle-brachial index (abi) and functional capacity by the total and pain-free walking distance at the 6-minute walking test (6mwt). results: group a consisted of 17 (26.1%) patients. the systolic (sbp), diastolic blood pressure (dbp), and pp were, respectively, 125.4 ±11.7, 74.5 ± 9.1 and 50.9 ± 10.0 mmhg in group a and 160.7 ± 19.6, 90.0 ± 12.2 and 70.7 ± 20.2 mmhg in group b. the abi was significantly lower in group b (0.66 ± 0.12 vs. 0.57 ± 0.13, p <0.05). sbp and pp correlated with lload severity and the distances walked at the 6mwt. patients with pp > 40 mmhg walked shorter distances. conclusion: sbp and pp significantly correlated with the distances walked in the 6mwt, suggesting they are clinical markers of functional capacity impairment in patients with symptomatic lload.
Tradu??o e valida??o do Walking Impairment Questionnaire em brasileiros com claudica??o intermitente
Ritti-Dias, Raphael Mendes;Gobbo, Luis Alberto;Cucato, Gabriel Grizzo;Wolosker, Nelson;Jacob Filho, Wilson;Santarém, José Maria;Carvalho, Celso Ricardo Fernandes;Forjaz, Cláudia Lúcia de Moraes;Marucci, Maria de Fátima Nunes;
Arquivos Brasileiros de Cardiologia , 2009, DOI: 10.1590/S0066-782X2009000200011
Abstract: background: the walking impairment questionnaire (wiq) has been used to evaluate walking impairment in subjects with intermittent claudication (ic). however, this questionnaire has yet to be translated to brazilian portuguese, which limits its use in brazilian subjects. objective: to translate and analyze the validity and reliability of wiq in brazilian subjects with ic. methods: forty-two patients with ic, determined by the ankle-brachial index < 0.90, participated in the study. after translation and re-translation, carried out by two independent translators, the construct validity of the wiq was analyzed by correlating the wiq scores with the medical outcome study questionnaire short form 36 (sf-36) scores and the physical fitness performance (treadmill and strength tests). the reliability was analyzed with a 7-day interval between two questionnaire applications. results: significant correlations between the wiq domains and the sf-36 (functional capacity, physical aspects, bodily pain and emotional aspects) and physical fitness performance (treadmill and strength tests) were observed. moreover, the intraclass coefficient correlation ranged from 0.72 to 0.81, and there were no differences in wiq scores between the two questionnaire applications. conclusion: the brazilian portuguese version of the wiq is valid and reliable to be used in brazilian subjects with ic.
Respostas cardiovasculares ao teste ergométrico em indivíduos com claudica??o intermitente
Cucato, Gabriel Grizzo;Rodrigues, Lausanne Barreto de Carvalho Cahú;Farah, Breno Quintella;Lins Filho, Ozéas de Lima;Rodrigues, Sergio Luiz Cahú;Forjaz, Claudia Lúcia de Moraes;Marucci, Maria de Fátima Nunes;Dias, Raphael Mendes Ritti;
Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano , 2011, DOI: 10.5007/1980-0037.2011v13n3p208
Abstract: studies suggest that patients with intermittent claudication (ic) present abnormal cardiovascular responses during treadmill exercise. however, it remains unclear whether this response is influenced by the severity of the disease. the objective of this study was to analyze the impact of ic severity on cardiovascular responses to an exercise test in subjects with peripheral arterial obstructive disease. forty-seven men and women with ic, with a mean age of 65±9 years, participated in the study. the subjects underwent an exercise test on a treadmill using a specific protocol for this population. the subjects were divided into three groups according to the distance walked in the test: 1st tertile, walked from 210 to 420 m; 2nd tertile, walked from 450 to 700 m, and 3rd tertile, walked from 740 to 1060 m. systolic (sbp) and diastolic blood pressure (dbp), heart rate (hr) and rate-pressure product (rpp) were measured at rest, in the first stage of the treadmill test, and during peak exercise. sbp and dbp increased along the exercise test in the three tertiles. hr and rpp increased along the test in the three tertiles, and these increases were higher in the 1st tertile than in the other tertiles in the first stage. however, similar hr and rpp were observed for the three tertiles during peak exercise. in conclusion, the severity of ic did not affect blood pressure responses during treadmill exercise. however, hr and rpp were higher during submaximal exercise in subjects with more severe ic.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.