oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Mucosa gástrica ectópica na ampola de Vater: Uma causa de ectasia da via biliar Ectopic gastric mucosa in the ampulla of Vater: A cause of bile duct ectasia  [cached]
Ana Caldeira,Regina Gon?alves,Bruno Pereira,Rui Sousa
Jornal Português de Gastrenterologia , 2010,
Abstract: INTRODU O: A mucosa gástrica ectópica pode encontrar-se em qualquer segmento do tubo digestivo, na vesícula ou vias biliares. CASO CLíNICO: Apresenta-se o caso de uma doente, com episódio de dor no hipoc ndrio direito associado a dilata o da via biliar principal. A ecoendoscopia identificou vegeta o intraluminal justa-papilar podendo condicionar algum grau de obstru o da via biliar. A colangiopancreatografia retrógrada endoscópica confirmou ectasia da via biliar principal e vegeta o imediatamente adjacente à papila. O estudo histológico permitiu diagnóstico de mucosa gástrica ectópica, confirmado com cintigrama. Após esfincterotomia ampla, a doente apresentou remiss o das queixas álgicas e redu o do diametro da via biliar. CONCLUS O: A mucosa gástrica ectópica é, essencialmente, um diagnóstico histológico. Sendo, geralmente, um achado incidental é também uma entidade subdiagnosticada. INTRODUCTION: Ectopic gastric mucosa can be found in any segment of the digestive tract as well as in the gallbladder and bile ducts. CASE REPORT: A patient with episodes of pain in right hypochondrium associated with common bile duct ectasia. Ultrasound endoscopy identified an intraluminal juxta-papillary vegetation which was associated with some degree of obstruction in the bile duct. ERCP confirmed common bile duct ectasia and the vegetation immediately adjacent to the papilla. Histologic examination allowed the diagnosis of ectopic gastric mucosa, confirmed with scintigraphy. A wide sphincterotomy was performed, with remission of pain and reduction of the biliary duct dimension. CONCLUSION: Ectopic gastric mucosa is essentially a histological diagnosis. It is usually an incidental finding and so it represents an underdiagnosed entity.
Dilata??o Papilar com Bal?o de Grande Diametro Precedida de Esfincterotomia para Remo??o de Cálculos da Via Biliar Principal: Casuística de Um Ano
Rego,Ana Catarina; Nunes,Nuno; Pereira,José Renato; Paz,Nuno; Duarte,Maria Antónia;
Jornal Português de Gastrenterologia , 2011,
Abstract: introduction: papillary balloon dilation with tts-cre balloon (through the scope-controlled radial expansion) in association with sphincterotomy (est) has been used for removal of large bile duct stones. objectives: we present the 12 month experience of our department wherein we performed a est followed by papillary balloon dilation for removal of bile duct stones. efficacy, need for mechanical lithotripsy and occurrence of complications were evaluated. methods: papillary balloon dilation preceded by est was performed in 25 patients from october 2009 to september 2010. patients included in the present study had bile duct stones with a diameter greater than or equal to 10mm detected on cholangiogram obtained during endoscopic retrograde cho-langiopancreatography (ercp). we used tts-cre balloons with 12 to 20mm. results: of the 25 patients, 12 (48%) were female. average age was 73 years and 65% of patients had two or more stones. the average size of the stones was 15mm. six patients had residual bile duct stones with prior est. in 100% of cases complete removal of the bile duct stones was achieved in a single session. there was no need for mechanical lithotripsy. there were no complications. conclusion: the combination of the two methods proved effective, fast and safe for removal of large bile duct stones
Insuficiência tricúspide pós trauma associada a agnesia de músculo papilar anterior  [cached]
FONTES Ronaldo Ducceschi,SALERNO Hebert Donizete,LANZIERI Serafin D.,OLIVEIRA Suzana Aparecida
Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular , 2000,
Abstract: Relatamos o caso de paciente do sexo masculino com 36 anos de idade com sinais e sintomas de insuficiência cardíaca direita. A história revelou trauma torácico há aproximadamente cinco anos. Submetido a opera o para tratamento de insuficiência tricúspide, notou-se ausência do músculo papilar anterior da valva tricúspide, fenda na cúspide anterior e dilata o do anel tricuspídeo. Foi realizada sutura da fenda localizada na cúspide anterior e feita sua sustenta o utilizando-se tira de pericárdio bovino fixada na face atrial e base do músculo papilar posterior. A opera o foi completada com anuloplastia de Revuelta. O paciente obteve nítida melhora dos sintomas no pós-operatório imediato, mantendo-se em classe funcional I (NYHA), após 22 meses de evolu o.
Doen a de Caroli segmentar em homem de 73 anos Segmental Caroli's Disease in a 73 years male  [cached]
S. M?o de Ferro,M. Salazar,R. Tato Marinho,H. Glória
Jornal Português de Gastrenterologia , 2007,
Abstract: Caso Clínico: Homem de 73 anos. Colecistectomia há 9 anos. Colangite com 5 dias de evolu o. Ecografia abdominal e CPRM mostraram dilata o e litíase das vias biliares intra-hepáticas esquerdas, sugestivas de doen a de Caroli segmentar. Medicado com Imipenem. Quatro dias após a alta novo internamento por colangite. Efectuada CPRE com esfincterotomia e remo o dos cálculos da via biliar intra-hepática esquerda. Por recidiva e doen a segmentar, submetido a hepatectomia esquerda. Comentários: A doen a de Caroli é uma doen a congénita, frequentemente assintomática nos primeiros 5 a 20 anos e raramente durante toda vida. Consiste na dilata o das vias biliares intra-hepáticas, em 20% dos casos com envolvimento segmentar. Litíase intra-ductal e colangites de repeti o s o complica es frequentes. A cirurgia corrige a doen a segmentar. Case Report: A 73 year old male was admitted with cholangitis. Abdominal ultrasound and magnetic resonance cholangiopancreatography showed sacular dilation and stones in the left intrahepatic biliary tree, compatible with segmental Caroli's disease. He was treated with Imipenem. Four days after discharge he was readmitted with cholangitis and underwent a ERCP with sphincterotomy and removal of the stones. Due to recurrence of the symptoms a left hepatectomy was performed. Comments: Caroli's disease is a congenital condition, frequently asymptomatic before age 20 years or more rarely throughout the entire lifespan. It is characterised by intrahepatic ductal dilations. Segmental involvement is present in 20% of cases. Intraductal stones and cholangitis are frequent complications. Surgery is the treatment of choice for segmental disease.
Identifica o trans-operatória do óstio do Wirsung após a papilo-esfincterotomia
Silva A.L. da,Vieira M.I.,Souza I.K.F. de,Menezes L.M. de
Revista da Associa??o Médica Brasileira , 1999,
Abstract: OBJETIVO: Contribuir para o achado do óstio de Wirsung durante a técnica da papilo-esfincteroplastia, prevenindo a pancreatite aguda pós-operatória. CASUíSTICA E MéTODO: Foram estudados 27 pacientes submetidos a papilo-esfincteroplastia por coledocolitíase com ou sem odite. Após a papilo-esfincterotomia (PET) terapêutica, por via duodenal, realizou-se estudo da localiza o do óstio do ducto de Wirsung. A PET transforma a ampola de Vater em um triangulo isósceles, cujas medidas foram obtidas através de compasso. Utilizando-as, o óstio do Wirsung poderá ser facilmente identificado e cateterizado no trans-operatório, antes de se fazer a sutura muco-mucosa da papila seccionada. RESULTADOS: O óstio geralmente é encontrado medialmente na metade esquerda do triangulo e a uma distancia média de 0,19cm a 0,25cm acima da base do triangulo, considerando-se a ausência ou presen a de inflama o, respectivamente. CONCLUS O: A determina o transoperatória das distancias padronizadas neste estudo, permite a detec o e cateteriza o segura do óstio do Wirsung na presen a ou n o de odite.
A aplica o tópica de fluoretos deve ser precedida por profilaxia dos dentes  [cached]
Jorge Faber
Revista Dental Press de Ortodontia e Ortopedia Facial , 2005, DOI: 10.1590/s1415-54192005000300002
Abstract:
Estudo comparativo do anel valvar mitral e do ventrículo esquerdo na cardiomiopatia dilatada  [cached]
HUEB Alexandre Ciappina,JATENE Fabio B.,MOREIRA Luiz Felipe P.,POMERANTZEFF Pablo M. A.
Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular , 2001,
Abstract: OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi analisar o comportamento do anel valvar mitral e do ventrículo esquerdo na cardiomiopatia dilatada (CMD). MATERIAL E MéTODOS: Analisaram-se 68 cora es humanos adultos, fixados, sendo 48 portadores de CMD de etiologia isquêmica ou idiopática, e 20 cora es sem cardiopatia. Obteve-se imagens digitalizadas do perímetro do anel mitral, inser o da cúspide anterior e posterior e da por o fibrosa e muscular. Obteve-se também o perímetro interno do VE, distancia do septo ao músculo papilar anterior e posterior, distancia entre os músculos papilares, e extens o do septo interventricular. RESULTADOS: A análise dos resultados demonstrou proporcionalidade, tanto da por o fibrosa (r2= 0.98), quanto da por o muscular (r2= 0.99) do anel em rela o ao grau de dilata o da valva mitral. A regress o linear revelou que o perímetro de inser o das cúspides anterior (r2= 0.96) e posterior (r2 =0.98) também guardam rela o de proporcionalidade. Observou-se que a dilata o do VE ocorre de forma global e esférica em seus segmentos. N o se observou rela o de proporcionalidade entre o grau de dilata o do anel mitral e do VE. CONCLUS O: Ao contrário do que se pensava, na CMD de etiologia isquêmica ou idiopática, a dilata o do anel mitral ocorre de forma proporcional e n o apenas na sua por o posterior. N o é o grau de dilata o do VE que determina o grau de dilata o do anel mitral pois eles ocorrem de forma independente. Estas observa es abrem novas perspectivas para as técnicas de corre o da insuficiência valvar mitral na CMD.
O uso de corticoesteróides após dilata o esofágica em pacientes portadores de estenose por substancias corrosivas: estudo prospectivo, randomizado e duplo-cego  [cached]
Camargo Marcelo Amade,Lopes Luiz Roberto,Grangeia Tiago de Araújo Guerra,Andreollo Nelson Adami
Revista da Associa??o Médica Brasileira , 2003,
Abstract: OBJETIVOS: Determinar, através de um estudo randomizado e duplo-cego, o efeito de inje es intralesionais de triancinolona associadas à dilata o esofágica nos casos de estenose corrosiva. MéTODOS: Quatorze pacientes adultos (seis homens e oito mulheres) portadores de graves estenoses corrosivas do es fago foram randomizados em dois grupos: Grupo A: tratados com dilata o esofágica e posterior inje o intralesional de triancinolona 10 mg/ml; Grupo B: tratados com dilata o esofágica e posterior inje o de solu o fisiológica 0,9% (placebo). Aplica es subseqüentes foram feitas baseadas na sintomatologia do paciente. Foram analisados: a freqüência de dilata es, diametros obtidos e disfagia antes e após a pesquisa, durante 12 meses. RESULTADOS: Em nosso estudo, onze pacientes ingeriram soda cáustica, dois ingeriram amoníaco e um tomou ácido muriático. N o houve diferen a estatisticamente significativa (p > 0,05) em rela o à freqüência de dilata es e à disfagia entre os grupos estudados. Entretanto, foi observada melhora no diametro obtido no grupo que recebeu corticoesteróides, em rela o ao grupo controle (p < 0,05). Comparando-se antes e depois do uso de corticoesteróides, o resultado foi muito favorável (p < 0,01) no grupo A. CONCLUS ES: O uso de múltiplas inje es intralesionais de hexacetonido de triancinolona 10 mg/ml associado à dilata es esofágicas é eficaz no aumento do diametro obtido nas sess es subseqüentes.
Des d'un altre angle: evolució de la k llatina intervocàlica precedida d'una vocal àtona medial en català  [cached]
àlex Alsina i Keith
Llengua & Literatura , 1998, DOI: 10.2436/l&l.vi.1016
Abstract:
A na o de Renan  [cached]
Renato de Mello
Caligrama : Revista de Estudos Romanicos , 1999,
Abstract: Resumo: Tradu o da conferência Qu’est-ce qu’une nation? de Ernest Renan, feita em 11 de mar o de 1882 no grande anfiteatro da Sorbonne, precedida de uma apresenta o crítica. Palavras-chave: Literatura francesa; Ernest Renan; Qu’est-ce qu’une nation?. Keywords: French literature; Ernest Renan; Qu’est-ce qu’une nation?.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.