oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
O ENSINO SUPERIOR EM PONTA GROSSA NO CONTEXTO DA EXPANS O E INTERIORIZA O
Célia Regina de Souza e Silva
Revista de História Regional , 2007,
Abstract: O artigo analisa a expans o do ensino superior no Brasil e, o processo de interioriza o do 3o grau no Paraná, que viabilizou a cria o da Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Ponta Grossa ao final da década de 40, no sul e demais faculdades ao norte na década de 50 nas cidades de Londrina e Maringá complementando-se ao início dos anos 70 com a cria o das Universidades Paranaenses instaladas em Ponta Grossa, Londrina e Maringá. The present article analyses the expansion of the College Education in Brazil, that education politics enabled at the State of Paraná to develop focused on the creation of the Colleges in the hinterland at the end of the 1940s, when the Philosophy, Sciences and Letters College of the State of Paraná, in Ponta Grossa, was created, process which was completed in the beginning of the 70s with the installation of the State University in Ponta Grossa and also other Universities in Londrina and Maringá, installed on the Northern part of the state.
O ensino de empreendedorismo nos cursos de gradua o em administra o: um estudo comparativo entre as Universidades Estaduais de Londrina e Maringá The teaching of entrepreneurship in courses of management: a comparative study at State Universities of Londrina and Maringa
Saulo Fabiano Amancio Vieira,Gerson Antonio Melatti,Paula Regina Ribeiro
Revista de Administra??o da UFSM , 2011,
Abstract: Verifica-se, atualmente, a importancia do empreendedorismo no desenvolvimento econ mico e social e, com isso, a necessidade de se construir uma sociedade empreendedora. O melhor caminho é através do ensino, que pode estimular e desenvolver, nos alunos, habilidades e capacidades necessárias à gest o de um empreendimento. A efetiva aprendizagem da disciplina de Empreendedorismo depende da ado o de métodos e práticas de ensino específicas, e n o mais dos modelos da educa o tradicional. Assim, este trabalho tem como objetivo compreender de que forma o empreendedorismo é tratado em duas das principais institui es públicas de ensino superior do Paraná. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, apresentada na forma de um estudo comparativo entre as universidades estaduais de Londrina e de Maringá, ambas localizadas no Paraná. Os resultados apontam que o empreendedorismo é tratado sob diferentes enfoques em cada institui o, sendo que, na Universidade Estadual de Londrina (UEL), os métodos s o mais aplicados, voltados à cria o de negócios. Também se identificou rela o entre o perfil do coordenador do curso e o foco dado pelo currículo à disciplina, bem como certo descompasso entre as necessidades acadêmicas e a resposta institucional para o ensino do empreendedorismo. The importance of the entrepreneurship in economic and social development is verified currently with the necessity of constructing an enterprising society. An effective way is through education, that can stimulate and develop in the pupils necessary abilities and capacities to the management of an enterprise. The effective learning of disciplines of Entrepreneurship depends on the adoption of specific practical and methods of education, and not more than the models of the traditional education. Thus, this work has as objective to understand the education of entrepreneurship in public institutions of superior education of the south of the country, analyzing, among others aspects, the academic profile of the coordinators of the course of Administration and the didactic-pedagogical practices used for the education of discipline of entrepreneurship. This work is a qualitative research, presented in the form of a comparative study enters the state universities of Londrina and Maringá, both located in the Paraná. Among others aspects, the results point the trend of curricular adaptation to the new academic and market necessities, followed of the lack in the support to pedagogical practices turned to the entrepreneurship.
Panorama da inclus o de alunos com deficiência no ensino superior em Juiz de Fora, MG  [cached]
Emerson Rodrigues Duarte,Maria Elisa Caputo Ferreira
Revista Educa??o Especial , 2010,
Abstract: Resumo Este trabalho procurou colaborar para que o atual paradigma educacional da inclus o de pessoas com deficiência seja rompido possibilitando o estabelecimento de novos processos educacionais. Justifica-se pela necessidade contemporanea de estabelecer processos e metodologias, em políticas educacionais, que contemplem o Ensino Superior atento à diversidade humana. Para tanto, buscou-se recorrer aos conhecimentos já produzidos a respeito do tema inclus o, especificamente, nesta etapa de ensino, com base nos autores, tais como Mansini e Bazon (2006), Delpino (2004), Moreira (2005), Gomes e Lima (2006), perini (2006), Chahin (2006), Pellegrin (2006), Ferreira (2006), Pacheco e Costas (2006), Rodrigues (2007), Pereira (2007). O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento dos alunos auto declarados com deficiência em processo de inclus o nas Institui es de Ensino Superior de Juiz de Fora. Metodologicamente, esta pesquisa foi realizada através de um Survey, em que foi possível levantar quem s o os alunos com deficiência matriculados nas Institui es de Ensino Superior, na cidade de Juiz de Fora. O instrumento utilizado foi entrevista semiestruturada aplicada aos coordenadores de cursos de dez Institui es de Ensino Superior (IESs) privada e de uma IES pública. Conclui-se que a inclus o nos cursos superiores em Juiz de Fora vem acontecendo. Atualmente, s o 45 alunos com deficiência em processo de inclus o, sendo 82,2% na rede privada e 17,8% na rede pública. Em sua maioria alunos com deficiência visual (40%) , do sexo masculino (62,2%). Estudam no período noturno (84,4%) e há maior procura pelos cursos da área de Humanidades (71,1%). Palavras-chave: Ensino Superior. Inclus o. Pessoas com deficiência.
Eficiência técnica na gest o de recursos em institui es privadas de ensino superior  [PDF]
Alencastro, Luciano Delfini,Fochezatto, Adelar
Análise , 2006,
Abstract: A percep o da importancia da educa o no processo de desenvolvimento das na es tem motivado o surgimento de novas técnicas para avaliar os sistemas educacionais. No Brasil, um dos objetivos da administra o pública em rela o à educa o é justamente a inclus o dos jovens no ensino superior. A redu o dos custos do ensino privado contribui para a consecu o desse objetivo, o que pode ser mais facilmente atingido pela aloca o eficiente dos recursos. Este trabalho procura avaliar a eficiência técnica dos cursos de gradua o de uma universidade privada, utilizando a análise envoltória de dados. Esta técnica, baseada em programa o linear, é muito utilizada para avaliar a eficiência relativa de unidades administrativas. A partir dos resultados, elaborou-se uma curva de eficiência relativa, gerando, assim, um ranking entre os cursos, tornando possível sugerir alternativas para aumentar a eficiência do sistema educacional.
Atua o do departamento de marketing em uma institui o de ensino superior – IES
José Vorlei Guimar?es Martins,Renato Marcelo Teixeira de Menezes,Leonides da Silva Justiniano
Revista Gest?o Universitária na América Latina : Revista GUAL , 2011, DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2011v4n2p110
Abstract: O mercado educacional vive momentos de intensas transforma es, principalmente em raz o da grande concorrência do setor. O presente artigo tem por objetivo fazer uma análise geral desse mercado, evidenciando a ótica do marketing, sua importancia e a necessidade de adapta o à nova economia e suas exigências. Para tal, utilizamos a metodologia da pesquisa bibliográfica e documental. Os resultados apontam para a necessidade de a es estratégicas de marketing, visando ao fortalecimento das Institui es de Ensino Superior – IES na acirrada concorrência existente no setor. Percebemos que, até a bem pouco tempo, grande parte das IES focava seus investimentos em prédios e laboratórios, sem a devida preocupa o de identificar as expectativas e desejos dos alunos e as exigências do mercado. Concluímos que a nova realidade exige, hoje, um posicionamento transparente e que a reputa o da marca e os valores a ela agregados ganham cada vez mais importancia, o que implica no desenvolvimento de a es internas e externas, dentro de uma óptica que classifica o aluno como cliente, n o apenas como estudante.
Considera??es acerca da compreens?o em leitura no ensino superior
Oliveira, Katya Luciane de;
Psicologia: Ciência e Profiss?o , 2011, DOI: 10.1590/S1414-98932011000400003
Abstract: the aim of this study was to explore the reading comprehension of students in different states, universities and courses. 1022 university students from administration, law, psychology, nursing, dentistry, physical education e mathematics courses from public and private universities in the states of s?o paulo, minas gerais and paraná participated in the study. a text of 250 words, prepared according to the cloze technique, in its traditional version which omits all the fifth words of the text was used. the application was collective and the data were submitted to inferential and descriptive statistics. the skill of reading comprehension was low and there was no difference in difficulty related to the grammatical classes. the data were discussed in terms of their implications for the psychoeducational assessment area.
Acesso e expans o do ensino superior noturno em goiás: perspectivas de democratiza o / Access and expansion of higher education in late goiás: prospects for democracy  [cached]
Jo?o Ferreira de Oliveira,Jandernaide Resende Lemos
Reflex?o & A??o , 2009,
Abstract: O presente texto analisa a evolu o da oferta de educa o superior, no turno noturno, em Goiás, tendo por base as reformas implementadas, sobretudo a partir da década de 1990. Busca-se compreender, em especial, como vem se estruturando a oferta de educa o superior em Goiás e sua rela o com as políticas públicas de educa o superior no Brasil. O propósito básico é verificar se a expans o das matrículas dos cursos noturnos nas Institui es de Ensino Superior(IES), públicas e privadas, vem contribuindo com uma efetiva democratiza o do acesso a esse nível de ensino. Abstract This paper analyzes the evolution of the supply of higher education, on the night shift, in Goias, based on the reforms implemented, particularly since the 1990s. We seek to understand, inparticular, as has been structuring the provision of higher education in S o Paulo and their relationship with the public policies of higher education in Brazil. The basic purpose is to ensure that the expansion of enrollment in night courses at Higher Education Institutions (HEIs), public and private, has contributed to an effective democratization of access to that level of education.
A utiliza o do observatório da educa o como inteligência competitiva em uma institui o de ensino superior
Oscar Dalfovo,Fabio Rodrigues Schirmann,Rion Brattig Correia
Revista Eletr?nica de Estratégia e Negócios , 2011,
Abstract: Devido a grande demanda de cursos e a acirrada competi o no mercado educacional, torna-se imprescindível que as Institui es de Ensino Superior (IES) tenham em m os informa es e dados relevantes para a tomada de decis o. Surge neste processo a Inteligência Competitiva para auxiliar a tomada de decis o dos gestores, criando assim uma vantagem competitiva adquirida com as informa es sobre que est o disponíveis no mercado. Os programas de pós-gradua o a nível stricto sensu em administra o passam por uma reestrutura o na tentativa de se adequar as constantes mudan as externas e internas da educa o superior. O SIOE, Sistemas de Informa o Observatório da Educa o, provê para estas IES, uma possibilidade de acompanharem o desempenho de produ o dos seus docentes, podendo assim, realizar ajustes ao longo do trajeto, que auxiliem o alcance das metas organizacionais. A amostra das IES estudadas para este trabalho é composta por 4 institui es em Blumenau. O presente trabalho tem como objetivo identificar a percep o e conhecimento dos entrevistados a respeito de Inteligência Competitiva, a forma na qual ela é utilizada na organiza o e como funciona tal processo. Para isto, apresenta-se como modelo o SIOE, que tem por objetivo servir como avaliador de desempenho dos docentes pertencentes ao quadro do programa, fornecendo dados e informa es que sejam pertinentes à gest o e que os mesmos possam tomar as melhores decis es guiando a organiza o à cria o de uma vantagem que seja o mais sustentável possível.
Módulos instrucionais: uma experiência no ensino de imunologia clinica  [cached]
Edna Maria Vissoci Reiche
Semina : Ciências Sociais e Humanas , 1985, DOI: 10.5433/
Abstract: The aim of this study was to appraise the use of modular instruction and its effect in terms of academic performance, student’s initiative and participation for 10 students of clinical immunology in the Pharmacy-Biochemical course on the Universidade Estadual de Londrina, PR. The results showed an academic performance equal or even superior to the minimum expected standard of 80% as stipulated by the researches. The students also revealed significant increases in levels of initiative and participation reaching minimum grades of 51.3% and 73.8%. It is concluded that modular instruction will eventually prove to be an individualized efficient method, proper for the teaching of clinical immunology. O estudo envolveu a testagem de um modelo de ensino individualizado - instru o modular - em dez alunos da disciplina de Imunologia Clínica, do curso de Farmácia e Bioquímica da Universidade Estadual de Londrina. Teve como objetivos avaliar a utiliza o da instru o modular e seus efeitos, em termos de rendimento acadêmico, iniciativa e participa o dos alunos, bem como verificar a opini o dos mesmos em rela o à instru o modular e também correlacionar a variável rendimento acadêmico com as variáveis iniciativa e participa o dos alunos, quando submetidos ao ensino da Imunologia Clínica, através da instru o modular. Os resultados evidenciaram um rendimento acadêmico igual ou superior ao critério mínimo de 80%, estipulado pela pesquisadora. Ao mesmo tempo, os alunos demonstraram níveis significativos de iniciativa e participa o, tendo como valores mínimos 51,3% e 73,8%, respectivamente. Conclui-se que a instru o modular mostrou serum método de ensino individualizado eficiente para o ensino da disciplina de Imunologia Clínica.
Didática e práticas pedagógicas no ensino superior: a vis o dos alunos de um curso de gradua o em Ciências Biológicas  [cached]
Carolina Buso Dornfeld,?ngela ?ngela Coletto Morales
Educa??o : Revista do Centro de Educa??o UFSM , 2009, DOI: 10.5902/19846444247
Abstract: O objetivo deste trabalho foi identificar aspectos da didática e da prática pedagógica de professores do ensino superior sob a vis o dos alunos de um curso de gradua o em Licenciatura em Ciências Biológicas. Foi aplicado um questionário que enfocou os aspectos de estratégias de ensino, comportamentos e atitudes do professor. Foram respondidos 69 questionários, sendo que as respostas indicaram que a maioria das aulas é expositiva, porém que os alunos têm preferência por aulas com discuss o e debates. Os alunos enfatizaram a importancia do domínio de conteúdo, considerando-o o componente mais importante para o bom professor, bem como a utiliza o de diferentes estratégias de ensino e a rela o professor-aluno. Observou-se que os apontamentos dos alunos corroboram a bibliografia disponível sobre o processo de ensino-aprendizagem e didática, especialmente quando se pensa a didática como algo superior ao saber ensinar. Constatou-se também que as práticas pedagógicas aplicadas poderiam ser alteradas para melhorar a aprendizagem e a motiva o dos alunos em freqüentarem as aulas. Enfim, o estudo teve grande importancia no levantamento das principais quest es que ocorrem no cotidiano da sala de aula e das características que o professor deveria possuir para se tornar um bom professor. Palavras-chave: Ensino superior. Didática. Vis o dos alunos.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.