oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Modelos de servi os hospitalares para casos agudos em idosos  [cached]
Coelho Filho Jo?o Macedo
Revista de Saúde Pública , 2000,
Abstract: Embora a aten o ao idoso seja uma prioridade emergente no Brasil, pouca ênfase tem sido dada a modelos de organiza o de servi os hospitalares para pacientes geriátricos. S o revisados modelos de servi os hospitalares para admiss o e manuseio de casos agudos em idosos, com ênfase na discuss o sobre o papel e o posicionamento da medicina geriátrica (incluindo sua interface com especialidades e com a clínica médica) no ambito da aten o hospitalar. Foi realizada pesquisa na base de dados Medline (1989-1999), bem como nos principais livros-texto de geriatria e de gerontologia, buscando identificar descri es de servi os hospitalares para cuidado agudo de pacientes idosos. As características dos modelos identificados foram compiladas e descritas à luz de sua adequa o à realidade dos servi os de saúde no Brasil. Exemplos de interven es em geriatria, com efetividade demonstrada através de revis es sistemáticas, foram também citadas. Os modelos mais freqüentemente relatados foram cuidado prolongado, tradicional, baseado na idade cronológica, n o especializado e integrado. Adapta es e variantes de alguns desses modelos foram freqüentemente relatadas, assim como seu impacto potencial na efetividade do cuidado geriátrico. Evidências sobre o melhor modelo a seguir n o foram identificadas, mas aqueles modelos favorecendo a integra o da geriatria com a clínica geral pareceram mais adequados à nossa realidade. Ressalta a necessidade de reestrutura o de servi os de saúde para responder às novas demandas que surgem com o envelhecimento da popula o, bem como do delineamento de servi os hospitalares para casos agudos, importantes para a efetividade do cuidado geriátrico e que devem ser objeto de maior debate e pesquisa no Brasil.
Turistas em S o Raimundo Nonato – PI: perfil e grau de satisfa o quanto aos servi os de alimenta o  [cached]
Eveline Porto Sales Aguiar,Stella Maria Sousa Carvalho
Revista Turismo em Análise , 2012,
Abstract: ResumoSabendo-se que S o Raimundo Nonato, é um dos destinos turísticos do Estado do Piauí, levantou-se a necessidade de conhecer o que o turista espera encontrar nos servi os de alimenta o do município. Assim, este trabalho tem como objetivo principal caracterizar o perfil do turista que visita a cidade e tra ar seu grau de satisfa o quanto aos servi os de alimenta o do município. Desta forma, foi utilizada uma amostra de 97 turistas que estiveram na cidade, com diferentes propósitos de viagem em quatro diferentes meios de hospedagem. Foram realizados questionamentos, inicialmente, sobre o perfil do turista, seguido do levantamento da percep o deste quanto à oferta alimentar local, focando principalmente nos atributos de escolha de um servi o de alimenta o, assim como também, uma avalia o sobre: sabor, capacidade de despertar o apetite, apresenta o do prato, higiene e pre o. A análise estatística do estudo apontou que fatores como higiene e limpeza, um bom atendimento (18%) e qualidade dos alimentos (17%) interferem de forma significativa na escolha de um servi o de alimenta o. Todavia, os turistas apontaram itens como: cardápio, decora o e equipamentos de lazer como elementos que poderiam ser diferenciais nos estabelecimentos de alimenta o. Os resultados apontaram um nível satisfatório na qualidade dos servi os e produtos ofertados. Em consequência, os servi os de alimenta o foram considerados aceitáveis, confiáveis e que atendem às necessidades dos clientes. Foram apontadas recomenda es em ambito turístico e alimentício, para contribuir para o desenvolvimento turístico da cidade, podendo ser reconhecida como um polo de referência. Palavras–chave: perfil dos turistas; servi os de alimenta o; satisfa o. Knowingthat SanRaimundoNonato, is one of tourist destinations in thestate of Piaui, arose the need to knowwhat the touristexpects to findin thefood servicesof the municipality.Thus, this study's main objective is to characterize the profileof touristsvisiting the cityand drawtheir degree ofsatisfaction withfood servicestothe municipality.Thus, we used asample of 97tourists whowere in town, with differentpurposesof travel byfourdifferentmeans of accommodation. Questionswere conductedinitiallyon the profile oftourists, followed by thesurveyon theperceptionoflocal foodsupply, mainly focusingon the attributes o
Elementos de satisfa o e insatisfa o no trabalho operacional:revisitando Herzberg
Carolina Riente de Andrade,Ludiano Zille Pereira,Ivan Beck Ckagnazaroff
Revista Gest?o & Tecnologia , 2010,
Abstract: Este artigo tem por objetivo descrever fatores que contribuem para a satisfa o e insatisfa o de trabalhadores de nível operacional, a partir de um estudo de caso com três empresas de presta o de servi o situadas no estado de Minas Gerais.
Elementos de satisfa o e insatisfa o no trabalho operacional:revisitando Herzberg  [cached]
Carolina Riente de Andrade,Ludiano Zille Pereira,Ivan Beck Ckagnazaroff
Revista Gest?o & Tecnologia , 2007,
Abstract: Este artigo tem por objetivo descrever fatores que contribuem para a satisfa o e insatisfa o de trabalhadores de nível operacional, a partir de um estudo de caso com três empresas de presta o de servi o situadas no estado de Minas Gerais.
Satisfa o de pacientes protetizados em um servi o de alta complexidade Satisfaction of patients fit with a hearing aid in a high complexity clinic  [cached]
Fernanda Soares Aurélio,Simone Pereira da Silva,Liliane Barbosa Rodrigues,Isabel Cristiane Kuniyoshi
Brazilian Journal of Otorhinolaryngology , 2012, DOI: 10.5935/1808-8694.20120011
Abstract: O processo de sele o e adapta o de próteses auditivas só será eficaz e terá bons resultados se o indivíduo fizer uso efetivo deste dispositivo. Para isto, é necessário que o mesmo esteja satisfeito com os resultados sentidos. OBJETIVO: Verificar a satisfa o auditiva de pacientes adultos e idosos protetizados em um servi o de alta complexidade, credenciado ao Sistema único de Saúde, e relacionar este achado com as variáveis idade, gênero, tempo de adapta o, tempo de uso diário e tipo de aparelho de amplifica o sonora. MéTODO: Estudo transversal de caráter descritivo no qual foram avaliados 60 sujeitos com utiliza o do questionário Satisfaction with Amplification in Daily Life, aplicado por meio de apresenta o oral, em entrevista individual, pelas pesquisadoras. Este instrumento é dividido nas subescalas efeitos positivos, servi os e custos, fatores negativos e imagem pessoal. RESULTADOS: Foi evidenciado que os sujeitos encontram-se muito satisfeitos com a utiliza o do aparelho auditivo. Verificou-se diferen a significativa ao relacionar o tempo de uso diário dos aparelhos com a satisfa o global e o escore da subescala imagem pessoal. CONCLUS O: Constatou-se que os participantes do estudo est o muito satisfeitos com a utiliza o dos aparelhos auditivos, porém, satisfa o n o tem rela o com as variáveis idade, gênero, tempo de adapta o e tipo de dispositivo. De maneira geral, os participantes com maior tempo de uso diário est o mais satisfeitos. The process of selecting and fitting hearing aid devices is only effective and only bring about good outcomes if the individual makes effective use of the device. Therefore, the individuals need to be happy with the outcome. AIM: To check the satisfaction of adults and elderly patients concerning their hearing aid in a high complex care clinic accredited by the Unified Health System, and to correlate this outcome with the variables related to age, gender, fitting period, daily use, as well as the type of sound amplifying device. METHODS: This is a descriptive cross-sectional study in which 60 subjects were evaluated using the questionnaire: Satisfaction with Amplification in Daily Life, applied by means of oral presentation, in individual interviews by the researcher. This instrument is divided into subscales: positive effects, service and costs, negative factors and personal image. RESULTS: It was shown that the subjects of this study were very happy with the use of hearing aid devices. There was significant difference in relating the daily use of the devices with the overall satisfaction score and subs
A importancia dos servi os suplementares no setor de servi os: uma análise do nível de satisfa o do cliente Importance of supplementary services in the service sector on customer satisfaction  [cached]
Sandro Magaldi,Edson Crescitelli
Rege : Revista de Gest?o , 2008,
Abstract: Muitas vezes, os processos n o relacionados ao negócio central do servi o prestado têm mais influência no nível de satisfa o do cliente do que os processos relacionados ao servi o-fim. A forma o geral da satisfa o de um consumidor é resultado de sua intera o com todos os processos correlatos ao servi o prestado e n o somente com aqueles relacionados exclusivamente ao servi o essencial. Este artigo se prop e discutir sobre o nível de influência dos servi os complementares no nível de satisfa o do cliente. O método de investiga o adotado inclui revis o teórica sobre presta o de servi os e satisfa o do cliente, complementada por uma pesquisa de campo de caráter exploratório com clientes de uma empresa do setor de servi os que promove eventos para executivos. Os resultados obtidos mostram que o nível de influência dos elementos do servi o secundário est o fortemente relacionados com a satisfa o geral do consumidor de servi os. Supplementary services, not directly related to the main service of a business, often have a great influence on customer satisfaction. The overall level of a customer satisfaction is the result of an interaction of all aspects of the service given and not only with those related to the essential service. The importance of the influence of supplementary services was investigated with a theoretical review about rendering services and customer satisfaction and complemented by a field survey of customers of a service company that promotes events for executives. Results obtained indicated that the influence of supplementary services is strongly related to overall customer satisfaction with the service rendered by this company.
Servi o de informa o nas unidades hospitalares administradas pela secretaria de estado de saúde de Santa Catarina
Ivete Marisa Blatt
Revista ACB , 2001,
Abstract: [Portuguese]Destaca a contribui o do Programa de Residência Médica, do Programa Brasileiro de Acredita o Hospitalar e de outras a es na área de informa o em Saúde para a cria o dos Centros de Estudos nas Unidades Hospitalares. Apresenta os resultados da pesquisa realizada com o objetivo de avaliar a situa o dos servi os de informa o nas unidades hospitalares administradas pela Secretaria de Estado de Saúde em Santa Catarina. O estudo avaliou os seguintes aspectos: tipo de acervo; tratamento técnico do acervo; produtos e servi os oferecidos, recursos humanos; materiais e financeiros. [English]This paper points contribution of Brazilian Medical Residence Program of the Brazilian Validation Program ando f some others actions in health information áreas in order to create Research Centers at Hospitals. It presents the results of the study realized to evaluate the information services at the hospitals managed by the Health Departament of the State of Santa Catarina. The study evaluated followings aspects: kind of documents and treatment of the collection, products and services offered, personal, material and financial resources.
Determinantes da satisfa o e atributos da qualidade em servi os de hotelaria Satisfaction determinants and quality attributes in hotel services  [cached]
Gabriela Musse Branco,José Luis Duarte Ribeiro,Maria Auxiliadora Cannarozzo Tinoco
Produ??o , 2010,
Abstract: Este artigo apresenta a identifica o de atributos de qualidade percebida e a constru o de um modelo de associa o entre os determinantes da satisfa o de clientes para servi os de hotelaria. A pesquisa foi realizada através de um levantamento (survey) conduzido junto a 100 clientes do servi o em estudo. A principal contribui o deste trabalho é a proposi o de um modelo que detalha a for a do relacionamento entre os determinantes da satisfa o dos clientes e a hierarquiza o dos atributos que exercem maior influência sobre a qualidade percebida para servi os de hotelaria. Os resultados obtidos podem ser utilizados pelos gestores de hotéis para melhorar a satisfa o dos clientes, contribuindo para o crescimento da organiza o. O trabalho desenvolvido complementa estudos realizados na área de qualidade e satisfa o de clientes nos servi os de hotelaria. This paper addresses the identification of quality attributes and the construction of a model to describe the relationship among satisfaction determinants for hotel services. The research was conducted surveying 100 clients of the service under focus. The principal contribution of this study concerns the proposal of a model which details the strength of the relationship among satisfaction determinants and ranks the attributes that influence customer-perceived quality in hotel services. Results can be used by hotel managers to achieve customer satisfaction and improve the company's income. This research complements other studies on quality and customer satisfaction in hotel services.
Patient Satisfaction and Self-perceveid Health in Primary Care A satisfa o do usuário e a autopercep o da saúde em aten o primária
Leonardo Can?ado Monteiro Savassi
Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade , 2011, DOI: 10.5712/rbmfc5(17)135
Abstract: O vasto campo de conhecimento da Medicina de Família e Comunidade e da Aten o Primária à Saúde (APS) envolve uma série de conceitos-chave para a obten o da melhor qualidade da aten o. Nesse ambito, quest es relativas ao acesso a servi os de saúde, adscri o de clientela e boa rela o médico-paciente s o influenciados diretamente por fatores como a satisfa o do usuário com o servi o de saúde e a autopercep o em saúde. Um dos aspectos fundamentais da qualidade de um servi o refere-se à satisfa o de seu usuário. A percep o do usuário interferirá na acessibilidade, na cria o de vínculos e na consequente horizontalidade do cuidado, e terá reflexos na capacidade da equipe para coordenar o cuidado. A satisfa o do usuário é perseguida pelos profissionais do servi o, pesquisadores e gestores. Alguns fatores parecem comuns a todos os cenários, como viver próximo ao Centro de Saúde e ter menor remunera o. Os usuários geralmente demonstram maiores índices de satisfa o em rela o a médicos e menores em rela o a exames; geralmente, a insatisfa o se relaciona à medica o fornecida nas unidades ou na demora em servi os de propedêutica. Mesmo em rela o aos profissionais de saúde, a maioria das queixas se refere a problemas de comunica o, e menos em rela o a sua competência profissional1. A avalia o da qualidade do cuidado à saúde pode dar-se em seus três componentes: estrutura, processo de cuidado e desfechos2. Quatro fatores principais podem determinar a satisfa o: características dos pacientes (sociodemográficas; expectativas; estados de saúde); características dos profissionais (personalidade, qualidade técnica e perfil); aspectos da rela o médico-paciente; fatores estruturais e ambientais. Todos eles podem ser agrupados em fatores relativos ao servi o e aos seus provedores, e fatores inerentes aos usuários3. A sistematiza o da avalia o da satisfa o do usuário é um conceito recente e complexo, que utiliza modelos teóricos ainda pouco ou razoavelmente consistentes, com predomínio de estudos de base empírica. No Brasil, os estudos ampliaram-se na década de 1990, com a consolida o do controle social nos processos de planejamento e avalia o. O país tem especificidades nesse sentido, e a satisfa o vai além do aspecto humanitário e da informa o recebida, e se amplia com o simples acesso aos servi os e a disponibilidade de insumos3. As teorias em satisfa o do usuário originaram-se de referenciais teóricos do marketing e da psicologia social, nem sempre reprodutíveis no campo da saúde, onde a satisfa o expressa pelo usuário pode ser avaliada como d
Fatores associados às interna es hospitalares no Brasil
Castro M?nica Silva Monteiro de,Travassos Cláudia,Carvalho Marília Sá
Ciência & Saúde Coletiva , 2002,
Abstract: O objetivo foi identificar fatores associados às admiss es hospitalares no Brasil, analisando se essa utiliza o é eqüitativa e identificando características associadas aos grandes usuários. A PNAD/1998 foi analisada, utilizando regress o logística e regress o logística multinomial, com pesos normalizados e técnicas estatísticas para corre o do efeito de desenho. O modelo teórico utilizado foi o Comportamental de Andersen. No modelo ajustado por necessidade de saúde e fatores capacitantes, pessoas com menor renda apresentaram maior chance de se internar; o contrário ocorreu no modelo ajustado somente por necessidade de saúde. Todas as variáveis de necessidade mostraram-se menos relacionadas ao uso nas pessoas com duas interna es, em compara o com aquelas com mais do que duas interna es. N o houve associa o entre variáveis sociais e ocorrência de duas interna es, mas essa associa o ocorreu para três ou mais interna es. A redu o das desigualdades sociais nos aspectos que "capacitam" ao uso de admiss es hospitalares reduziria as desigualdades neste uso. Um sistema de saúde que ofere a um "servi o de uso regular", além de baixo ou nenhum pagamento no ato do consumo, seriam medidas de impacto positivo na eqüidade do consumo de servi os hospitalares no Brasil.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.