oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Sintomas de estresse em trabalhadoras de enfermagem de uma unidade de pronto socorro
Seleghim, Maycon Rogério;Mombelli, M?nica Augusta;Oliveira, Magda Lúcia Félix de;Waidman, Maria Angélica Pagliarini;Marcon, Sonia Silva;
Revista Gaúcha de Enfermagem , 2012, DOI: 10.1590/S1983-14472012000300022
Abstract: this is a sectional study carried out in an emergency room, with the purpose of identifying the association of socio-demographic, occupational and economic data in nursing workers presenting stress symptoms. data was collected from 33 subjects, in july and august 2009, using an inventory of stress symptoms for adults. results show that most of the workers presented stress symptoms at resistance and almost-exhaustion stages, with presence of psychological and physical symptoms. the highest occurrence was found in female younger workers that were married, graduated, catholic, without a second job, working as nursing technicians in the afternoon or at night, in the emergency room for more than six years, and in the nursing field for less than ten years. it was concluded that something should be done to treat the existing cases of stress in order to avoid their evolution to more serious stages, and prevent new occurrences.
TRABALHO VERSUS VIDA EM FAMíLIA: CONFLITO E CULPA NO COTIDIANO DAS TRABALHADORAS DE ENFERMAGEM
SPINDOLA,THELMA; DA SILVA SANTOS,ROS?NGELA;
Ciencia y enfermería , 2004, DOI: 10.4067/S0717-95532004000200006
Abstract: a quality survey of the quotidian life of the woman-mother-nurse including the description of her own appraisal of that life. the method employed was that of life stories. 25 female nurses of a rio de janeiro city public hospital were interviewed about their life stories. the following proposal was made them: let yourself talk freely about your life as a woman, a mother and a nurse. the analysis of the statements showed that they feel guilty for being out of home and not following family routine and the growing up of children. keeping the job interferes directly in their lives as they must serve the long hours of work and be away from home. they have to face division and struggle daily in the compromise of their activities. such ambivalence can get them to neglect self-care and their own sexuality and even to forget their woman essence.
TRABALHO VERSUS VIDA EM FAMíLIA: CONFLITO E CULPA NO COTIDIANO DAS TRABALHADORAS DE ENFERMAGEM TRABAJO VERSUS VIDA FAMILIAR: CONFLICTO Y CULPA EN EL COTIDIANO DE LAS TRABAJADORAS DE ENFERMERíA WORK VERSUS FAMILY LIFE: INNER STRUGGLE AND GUILT IN DAILY LIFE OF NURSES  [cached]
THELMA SPINDOLA,ROS?NGELA DA SILVA SANTOS
Ciencia y Enfermería : Revista Iberoamericana de Investigacíon , 2004,
Abstract: Trata-se de um estudo qualitativo com emprego do método de história de vida que teve como objeto o cotidiano da mulher-m e-trabalhadora de enfermagem, e como objetivos descrever o cotidiano da mulher-m e-trabalhadora de enfermagem e analisar a percep o da mulher-m e-trabalhadora de enfermagem em rela o ao seu cotidiano tomando como base sua história de vida. Foram entrevistadas 25 profissionais de enfermagem de um hospital geral público do município do Rio de Janeiro às quais apresentou-se a quest o: fale-me de sua vida, de seu cotidiano, como mulher, m e e trabalhadora de enfermagem. A análise dos relatos revelou que as trabalhadoras sentem-se culpadas pela ausência de casa e pelo n o acompanhamento do crescimento dos filhos e a rotina familiar. A atividade laboral interfere diretamente na sua vida, em fun o da sobrecarga de trabalho causada por longas jornadas, que as obrigam a permanecer afastadas do convívio familiar. No seu dia a dia convivem com ambivalência e conflito ao terem que decidir como conciliar seus diversos papéis, culminando por negligenciar o auto cuidado e a própria sexualidade, esquecendo-se até mesmo de ser mulher, tudo em prol das muitas atividades que realizam. Se trata de un estudio cualitativo con empleo del método de historia de vida, que tuvo como objeto el cotidiano de la mujer-madre-trabajadora de enfermería y como objetivo describir y analizar su percepción con relación a su historia de vida. Fueron entrevistadas 25 profesionales de enfermería de un Hospital General Público del municipio de Río de Janeiro y se presentó la siguiente orientación: hábleme de su vida, de su cotidiano, como mujer, madre y trabajadora de enfermería. El análisis de los relatos reveló que las trabajadoras se sienten culpables por la ausencia en el hogar y por no acompa ar el crecimiento de los hijos y la rutina familiar. La actividad laboral interfiere directamente en su vida, en función del exceso de trabajo causado por largas jornadas que las obligan a permanecer lejos de la convivencia familiar. Día a día conviven con ambivalencia y conflicto cuando tienen que decidir cómo conciliar los diversos papeles, culminando por descuidar el autocuidado y la propia sexualidad, olvidándose hasta de ser mujer, todo en función de muchas actividades que realizan A quality survey of the quotidian life of the woman-mother-nurse including the description of her own appraisal of that life. The method employed was that of life stories. 25 female nurses of a Rio de Janeiro City public hospital were interviewed about their life stories. The following proposal wa
Aspectos psicossociais do trabalho e distúrbios psíquicos entre trabalhadoras de enfermagem  [cached]
Araújo Tania M,Aquino Estela,Menezes Greice,Santos Cristiane? Oliveira
Revista de Saúde Pública , 2003,
Abstract: OBJETIVO: Avaliar a associa o entre demanda psicológica e controle sobre o trabalho e a ocorrência de distúrbios psíquicos menores entre trabalhadoras de enfermagem. MéTODOS: Estudo de corte transversal, incluindo 502 trabalhadoras de enfermagem de um hospital público de Salvador, Bahia. O Modelo Demanda-Controle, de Karasek, foi utilizado para avaliar as dimens es psicossociais estudadas. Para mensura o de distúrbios psíquicos menores (DPM), utilizou-se o SRQ-20. RESULTADOS: A prevalência de DPM foi 33,3%, variando de 20,0% entre enfermeiras a 36,4% entre auxiliares. Observou-se nítido gradiente tipo dose-resposta de associa o positiva entre demanda psicológica e DPM, e associa o negativa entre controle sobre o trabalho e DPM. A prevalência de DPM foi mais elevada (RP=2,6; IC95%: 1,81-3,75) no quadrante de trabalho em alta exigência (alta demanda, baixo controle), quando comparado às profissionais em trabalho de baixa exigência (baixa demanda, alto controle), depois de ajustado, num modelo de regress o logística múltipla, por potenciais confundidores. CONCLUS ES: Os achados refor am a relevancia da ado o de medidas de interven o na estrutura organizacional, de modo a elevar o controle sobre o trabalho e redimensionar os níveis de demanda psicológica.
Mulher e trabalho: a história de vida de m es trabalhadoras de enfermagem  [cached]
Spindola Thelma,Santos Rosangela da Silva
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2003,
Abstract: Trata-se de estudo qualitativo utilizando o método de história de vida, tendo como objeto o cotidiano das mulheres-m es-trabalhadoras de enfermagem. Os objetivos foram: descrever o dia-a-dia dessas profissionais, identificar a interferência da profiss o na vida dessa mulher e analisar a percep o dessa realidade tomando como base sua história de vida. A análise parcial dos dados revelou que a profiss o interfere na vida da mulher, especialmente pelo tipo de atividade que realiza e, em muitas situa es, provoca mudan a significativa na rotina familiar. A dupla jornada, vivenciada pela grande maioria, foi apontada como uma das causas de cansa o e estresse. Pode-se concluir que, embora a mulher valorize a atividade profissional, se sente sobrecarregada com o acúmulo de fun es, relevando a participa o do marido compartilhando o dia-a-dia em família.
Distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho em profissionais de enfermagem de um hospital universitário  [PDF]
Jo?o Renan Silva de Freitas,Wilson Danilo Lunardi Filho,Valéria Lerch Lunardi,Kênia da Silva Santos de Freitas
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2009,
Abstract: Os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT) representam o principal grupo de agravos à saúde, entre asdoen as ocupacionais em nosso país. Esta é uma pesquisa qualitativa, cujos dados foram coletados, por meio de questionáriocom perguntas abertas e fechadas e de exames físicos e complementares, junto a trabalhadores de enfermagem de umHospital Universitário. Teve como objetivos: verificar a ocorrência de DORT entre os membros da equipe de enfermagem;identificar os sintomas de DORT mais frequentes entre esses profissionais; identificar as regi es do corpo que maisfreqüentemente s o afetadas; verificar o número de dias n o trabalhados em decorrência dos DORT, no período de janeiro de2005 a outubro de 2006; identificar as características (sexo, categoria profissional e setor de trabalho) dos adoecidos. Dosvinte e um trabalhadores com queixas osteomusculares, no período de 1o de janeiro de 2005 a outubro de 2006,identificados com base em dados fornecidos pela chefia do Servi o de Enfermagem, quinze aceitaram participar da pesquisa eseis n o participaram, sem apresentar os motivos. Os resultados evidenciaram que auxiliar de enfermagem e técnico deenfermagem foram as categorias acometidas por DORT, sendo todos do sexo feminino, oito auxiliares de enfermagem e setetécnicas de enfermagem.
Análise retrospectiva dos registros de enfermagem em uma unidade especializada  [cached]
Ochoa-Vigo Kattia,Pace Ana Emilia,Santos Claudia Benedita dos
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2003,
Abstract: Estudo retrospectivo longitudinal, realizado em unidade especializada do interior do Brasil, teve como objetivo verificar as diferen as dos registros de enfermagem quanto ao modo de documentar a assistência oferecida ao paciente, em três períodos relacionados com a implementa o do Processo de Enfermagem. Coletaram-se os dados em 20% dos prontuários de pacientes acima de15 anos, selecionados aleatoriamente, segundo distribui o proporcional, que foram transcritos integralmente, no instrumento construído para essa finalidade, e classificados a partir das propostas do referencial. Para a análise, utilizou-se o Teste Binomial a 0,05% de significancia. Nos resultados, observou-se tendência para melhoria nos registros quanto à intelec o da escrita e descri o completa de sinais/sintomas no segundo período. Concluiu-se que houve diferen a entre os períodos inicial e de pré-implementa o, fato que expressa necessidade de rever o modo de desenvolver-se o Processo de Enfermagem como responsabilidade de toda a equipe de enfermagem.
Qualidade das anota es de enfermagem em unidade de terapia intensiva de um hospital universitário  [PDF]
Fabiane Gorni Borsato,Mariana ?ngela Rossaneis,Maria do Carmo Fernandez Louren?o Haddad,Marli Terezinha Oliveira Vannuchi
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2012,
Abstract: As anota es de enfermagem constituem fonte de informa es assistenciais que permitem comunica o multiprofissional.Objetivou-se neste trabalho avaliar a qualidade das anota es de enfermagem em terapia intensiva de um hospital universitário.Realizou-se pesquisa descritivo-quantitativa com coleta dos dados secundários, de relatórios da avalia o da qualidade das anota es de enfermagem realizada em 2009. Os resultados dos relatórios foram comparados segundo os critérios completo, incompleto, n o preenchido e incorreto, para os quais se adotou como satisfatório acima de 80%, abaixo de 15%, abaixo de 5% e 0%, respectivamente. Identificaram-se valores satisfatórios para a existência de uma anota o por turno, registros de cuidados inclusive pré e pós-operatórios/exames. Houve queda nos valores de registro de sinais e sintomas, intercorrências e resposta a prescri o de enfermagem. Quanto à estética textual, identifica o do autor e checagem de itens, os resultados foram insatisfatórios. Os resultados mostraram diversas inadequa es, necessidade de medidas educativas e aprimoramento técnico-assistencial dos profissionais.
Qualidade de vida e sintomas depressivos em residentes de enfermagem
Franco, Gianfábio Pimentel;Barros, Alba Lucia Botura Leite de;Nogueira-Martins, Luiz Antonio;
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2005, DOI: 10.1590/S0104-11692005000200002
Abstract: this study aimed to evaluate quality of life and prevalence of dysphoria/depressive symptoms in nursing residents at a medical school in s?o paulo, brazil. an exploratory, descriptive and cross-sectional study was carried out, involving 68 nursing residents from the first and second year of residency from all specialty areas, by applying the brazilian version of the quality of life questionnaire sf-36 (medical outcomes study 36 - item short-form health survey) and the brazilian version of the beck depression inventory (bdi). aspects related to quality of life were at risk in the mental component of sf-36: emotional aspects, vitality and mental health. dysphoria/depression were found in 27.9% of the nursing residents.
O tratamento espiritual no espiritismo: o caso das trabalhadoras em educa o de Goiania/GO
Genivalda Araújo Cravo dos Santos
Horizonte : Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religi?o , 2009, DOI: 10.5752/466
Abstract: Resumo Este artigo tem como objetivo divulgar os resultados da pesquisa realizada no mestrado em Ciências da Religi o da UCG/GO (2004). O objeto desta pesquisa foi o de compreender os motivos que levaram as trabalhadoras em educa o portadoras da síndrome de burnout e de depress o que atuam na educa o pública no município de Goiania a buscarem tratamento espiritual no espiritismo. Que papel a religi o desempenha na busca da saúde? Por que as trabalhadoras em educa o buscam o espiritismo como forma de tratamento da síndrome de burnout e de depress o? A metodologia que aplicamos na pesquisa partiu do olhar das entrevistadas, dos pesquisadores e do espiritismo, por meio de uma abordagem qualitativa e fenomenológica. Palavras-chave: Educa o; Burnout; Depress o; Tratamento espiritual; Espiritismo. Abstract This article aims at divulging the results of the research carried out in the Master’s Degree program of Sciences of Religion of UCG / GO (2004). The research focused on the reasons why professionals in education, working in public schools in the municipal district of Goiania and bearers of the burnout and depression syndrome, searched spiritual treatment in Spiritism. What part does religion play in the search for health? Why do professionals in education seek Spiritism as a form of treatment of the burnout and depression syndrome? The applied methodology was based on the interviewees’, investigators’ and Spiritism’s perspectives, making use of a qualitative and phenomenological approach. Key words: Education; Burnout sundrome; Depression; Spiritual treatment; Spiritism.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.