oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
A pós-gradua o em Psicologia: história e perspectiva
Ilka Franco Ferrari,Maria Ignez Costa Moreira
Psicologia em Revista , 2009,
Abstract: Este artigo trata da trajetória das pós-gradua es lato e stricto sensu no Instituto de Psicologia. Apresenta a experiência pioneira da Residência em Psicologia (1992-1996), o Mestrado Interinstitucional realizado pelo Programa de Pós-gradua o em Psicologia da UFRJ, e a implanta o e consolida o do Mestrado em Psicologia (2003), e a perspectiva de amplia o do Programa de Pós-gradua o, com a inclus o do Doutorado em Psicologia. Essas experiências s o analisadas à luz do contexto histórico da PUC Minas e da Psicologia brasileira, nos campos da forma o e do exercício profissional
A Psicologia Social do Programa de Pós-Gradua o em Psicologia da PUCRS e suas conex es com a revista Psico =Social Psychology in PUCRS Post-Graduate Program and its Connections with Psico Journal  [PDF]
Pizzinato, Adolfo et al.
Psico , 2011,
Abstract: Este texto apresenta um levantamento de temas e autores publicados na área de Psicologia Social no decorrer dos quarenta anos de existência da revista Psico. Tal esfor o é relevante pela importancia dessa área para a consolida o do Programa de Pós-Gradua o, especialmente a partir de 1983, com a cria o do Curso de Especializa o em Psicologia Social, que tornou ainda mais visível a necessidade da produ o de conhecimentos por meio de pesquisas e a sua consequente divulga o. Desse modo, os processos de constru o e fortalecimento da área na Pós-Gradua o teve – e tem – na revista Psico uma importante fonte para consultas e apoio aos processos de investimento em pesquisa e socializa o do conhecimento produzido. This text presents a survey of themes and authors published in the Social Psychology field in the course of the forty years of existence of Psico journal. This effort is relevant because of the importance of that field for the consolidation of the Post-Graduate Program, especially from 1983, with the creation of the Graduate Specialization Course in Social Psychology, which made even more visible the necessity of production of knowledge by means of researches and their publication. Thereby, the processes of construction and fortification of the field in the Post-Graduate Program had – and has – in the Psico journal an important research source, as well as support for the processes of investment in research and socialization of the produced knowledge.
A teoria dos jogos como metodologia de investiga o científica para a coopera o na perspectiva da psicologia evolucionista  [PDF]
Alencar, Anuska Irene,Yamamoto, Maria Emília
Psico , 2008,
Abstract: A teoria dos jogos é uma abordagem matemática que estuda formalmente o conflito e a coopera o entre indivíduos. Trata-se de uma teoria científica suficientemente coerente para a constru o de conhecimentos nas mais diversas áreas como Economia, Política, Biologia, Psicologia e Sociologia, pois possibilita a investiga o de conflitos de interesses presentes na tomada de decis o entre cooperar e n o. Apresentamos, neste artigo, sua aplica o para o estudo da coopera o descrevendo os jogos na sua aplica o em estudos evolucionistas. Concluímos que essa metodologia pode auxiliar os pesquisadores na compreens o dos mecanismos que nos levam a cooperar ou trapacear em nossas intera es sociais. Trata-se de uma descri o teórica do que vem a ser a teoria dos jogos e exemplos de aplica o.
Contribui es para o estudo da adolescência sob a ótica de Winnicott para a Educa o  [cached]
Daniella Machado de Oliveira,Leopoldo Pereira Fulgencio
Psicologia em Revista , 2010,
Abstract: Este artigo é uma síntese de minha disserta o de mestrado, Contribui es para o estudo da adolescência sob a ótica de Winnicott para a educa o, defendida no Programa de Pós-gradua o em Psicologia da PUC Campinas (2009), sob a orienta o do prof. Dr. Leopoldo Fulgencio. Este estudo teve sua origem numa série de observa es que vivenciei como professora de adolescentes, de 2006 a 2008, de ambos os sexos, em um colégio particular.Este artigo tem por objetivo apresentar algumas das contribui es de Winnicott sobre a fase da adolescência, com vistas especialmente para o trabalho dos educadores de adolescentes. Winnicott enfatiza a adolescência como um período em que o jovem é, essencialmente, imaturo, um ser isolado, que n o aceita falsas solu es e que procura sentir-se real, buscando experiências para isso. Apoiado na sua teoria do amadurecimento afetivo, mostram-se tanto as dinamicas presentes no amadurecimento do adolescente quanto quais as fun es que se espera que um ambiente adequado (familiar, escolar, cultural) deve realizar para sustentar esse amadurecimento. S o essas formula es, entre outras, dirigidas à adolescência que ser o explicadas neste artigo. Com este estudo, espera-se contribuir, por meio deste recorte da obra de Winnicott, para a compreens o dos adolescentes, seja para eles mesmos seja para pais, professores e todos aqueles que lidam com eles
Perspectivas em Psicologia Institucional: investiga o/interven o em escolas públicas da Maré Perspectives in Instutional Psychology: an investigation and intervention in Mare's public schools  [cached]
Angela Maria Dias Fernandes,Adriana Rozenowicz,Elaine Cristine de Moura Freitas,Joseane Pessanha Ferreira
Psicologia: Ciência e Profiss?o , 2003, DOI: 10.1590/s1414-98932003000400009
Abstract: Este texto pretende apresentar os resultados da investiga o realizada em escolas públicas da Maré/RJ. O objetivo da pesquisa era tornar visíveis os efeitos das a es de um programa social que se desenvolvia nas escolas, buscando a constru o de um instrumento de avalia o de projetos sociais assentada na perspectiva de participa o e coletiviza o. A metodologia adotada é denominada de investiga o/interven o, tendo como base ferramentas da Análise Institucional. Foi possível apreender a dinamica das rela es sociais produzidas a partir da inser o de novos atores sociais no cotidiano escolar, ganhando visibilidade as práticas instituídas e os limites das for as que se pretendem instituintes. This text intends to present the results of a research done in the public schools of Maré, Rio de Janeiro. The objective of the research was to bring light to the effects of the actions of a social program that was developed in the schools, looking for the construction of an evaluation instrument for social projects based on the perspective of participation and collectivity. The methodology adopted is called investigation/intervention, having Institutional Analysis as base tools. It was possible to apprehend the dynamics of the social relations produced by the insertion of new social actors in the school daily life, what highlighted the established practices and the limits of the forces that considered themselves instituted.
Psicologia da saúde: extens o de servi os à comunidade, ensino e pesquisa  [cached]
Miyazaki M. Cristina O. S.,Domingos Neide Ap. Micelli,Valerio Nelson I.,Santos Ana Rita Ribeiro dos
Psicologia USP , 2002,
Abstract: O trabalho de psicólogos na área da saúde vem se desenvolvendo de forma crescente. O objetivo deste relato é descrever o desenvolvimento e estágio atual do Servi o de Psicologia do Hospital de Base da FAMERP, iniciado em 1981 com a contrata o de uma psicóloga para atuar na enfermaria de Pediatria. Atualmente, o hospital conta com 40 psicólogos (docentes, contratados e aprimorandos) desenvolvendo atividades de extens o de servi os à comunidade, ensino e pesquisa em Psicologia da Saúde. A atua o abrange os níveis primário, secundário e terciário de atendimento e é realizada no ambulatório, no hospital, em Centro de Saúde Escola e na comunidade, principalmente em equipes interdisciplinares. O ensino envolve aulas para os cursos de gradua o em medicina e enfermagem, estágio para alunos de psicologia, um Programa de Aprimoramento em Psicologia da Saúde, Cursos de Extens o, de Especializa o e docência e orienta o no Programa de Pós-Gradua o em Ciências da Saúde (mestrado e doutorado) da FAMERP. As pesquisas visam principalmente o estudo das rela es entre comportamento e saúde, abordando temas como promo o da saúde, preven o e auxílio no tratamento e manejo de doen as. Embora a área esteja em expans o, é preciso pensar que a manuten o da credibilidade e do espa o conquistado dependem de uma sólida forma o profissional, de um desempenho ético e do desenvolvimento de pesquisas na área.
Psicologia em Betim: um caso de paix o, de compromisso social e de trabalho ético-político  [cached]
Rosana Figueiredo Vieira,Manoel Deusdedit Junior,éser Técio Pacheco
Psicologia em Revista , 2009,
Abstract: Este artigo trata da história da implanta o do curso de Psicologia da PUC Minas em Betim. A história do curso teve início em outubro de 1998, foi implantado em fevereiro de 1999, tendo como mentores do projeto a Profa Vania Carneiro Franco e o Colegiado de Coordena o Didática do Curso de Psicologia da PUC Minas. Trata-se de um recorte feito a partir dos principais projetos desenvolvidos pelo curso ao longo destes 10 anos de história.
A forma o da atitude clínica no estagiário de psicologia  [cached]
Aguirre Ana Maria de Barros,Herzberg Eliana,Pinto Elizabeth Batista,Becker Elisabeth
Psicologia USP , 2000,
Abstract: Neste artigo visamos destacar aspectos que consideramos fundamentais para o processo de ensino / aprendizagem em Psicologia Clínica, baseados na nossa experiência como supervisores da disciplina de psicodiagnóstico para estagiários da gradua o em Psicologia. Delineamos nossa sistemática de trabalho na disciplina, que segue um referencial psicanalítico e enfocamos particularmente a quest o da forma o da atitude clínica do estagiário em rela o ao cliente. Procuramos mostrar as inter-rela es da mesma com o enquadramento de trabalho e com o processo de forma o da identidade profissional do psicólogo, enfatizando o papel da supervis o. Apontamos a necessidade de novos estudos e pesquisas, bem como de discuss es entre supervisores, psicólogos e estudantes, sobre assuntos tais como o processo de ensino/aprendizagem clínicos e a habilita o de psicólogos para o exercício clínico.
Da psicologia social à psicologia societal  [cached]
Doise Willem
Psicologia: Teoria e Pesquisa , 2002,
Abstract: O principal fator que diferencia os psicólogos sociais, para além dos diferentes paradigmas científicos, é sua posi o em rela o à legitimidade e à necessidade de uma psicologia societal. O objetivo desta psicologia sempre foi o de articular explica es no nível do indivíduo e explica es de ordem social, mostrando como o indivíduo disp e de processos que lhe permitem funcionar em sociedade e, de uma maneira complementar, como as dinamicas sociais, particularmente interacionistas, posicionais ou de valores e de cren as gerais, orientam o funcionamento desses processos.
Alguns registros em torno da história do curso de Psicologia da PUC Minas no Cora o Eucarístico  [cached]
Wanderley Chieppe Felippe *
Psicologia em Revista , 2009,
Abstract: Trazer à reflex o da comunidade universitária e, de modo especial, do grande grupo que integra a categoria dos psicólogos brasileiros alguns registros colhidos ao longo da existência do Instituto de Psicologia da PUC Minas, da posi o privilegiada de observador participante, em diversos papéis, sem a pretens o de fazer história, no sentido acadêmico do termo, eis a tarefa a que me propus neste texto. O percurso de 50 anos do Instituto de Psicologia é exposto pela descri o de um panorama de multiplicidade teórico-prática e seus avan os conquistados por um posicionamento claro do compromisso da Psicologia com a sociedade e sua transforma o. Integrar o saber acadêmico com a forma o profissional tem sido um desafio enfrentado cotidianamente, sobretudo a partir de um maior nível de qualifica o dos docentes, da implanta o do Programa de Pós-gradua o Stricto Sensu em Psicologia, do crescimento da pesquisa e da produ o acadêmica, e, mais recentemente, da busca de integra o entre ensino, pesquisa e extens o.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.