oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Implementa o do Alojamento Conjunto: dificuldades enfrentadas na percep o de uma equipe de enfermagem  [PDF]
Ana Carolina de Faria,Luciana Magalh?es,Sonia Regina Zerbetto
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2010,
Abstract: O alojamento conjunto (AC) consiste em um sistema de interna o hospitalar em que m e e recém-nascido sadio permanecem juntos por 24 horas. Estudo descritivo-analítico, de abordagem qualitativa, que objetivou identificar por meio da perspectiva da equipe de enfermagem, as dificuldades encontradas para implementa o do Alojamento Conjunto em uma maternidade do interior de S o Paulo, bem como analisar se o sistema respeita as normas básicas para o AC, preconizadas pelo Ministério da Saúde. Os dados foram coletados em 2008, por meio de entrevista semi-estruturada, observa o livre e submetidos à análise de conteúdo temática. Emergiram quatro categorias temáticas: AC – espa o de rela es e de cuidados; dificuldades da equipe de enfermagem ao cuidar das m es; condi es limitadoras de trabalho ao desenvolvimento das atividades de enfermagem e infraestrutura do AC - recursos materiais, físicos e humanos. Os resultados apontaram que as maiores dificuldades dos profissionais de enfermagem envolveram a execu o de suas atribui es devido às instala es físicas inadequadas, redu o de recursos humanos e materiais e ao processo educacional e técnico durante a orienta o às m es, principalmente quanto à amamenta o e cuidados com o coto umbilical. Concluiu-se que o AC necessita ser revisto, considerando as recomenda es advindas do Ministério da Saúde.
Fototerapia  [cached]
Duarte Ida,Buense Roberta,Kobata Clarice
Anais Brasileiros de Dermatologia , 2006,
Abstract: Fototerapia é utilizada para tratar uma grande variedade de dermatoses. Desde o século passado a fototerapia tem sido utilizada em várias modalidades, com irradia o UVA ou UVB. Está indicada para todos os tipo de dermatoses inflamatórias e com período cr nico de evolu o, como vitiligo, pasoríase, parapsoríase, linfomas cutaneos de células T, eczemas cr nicos, demonstrando bons resultados terapêuticos. Pode ser utilizada como monoterapia ou associada a outras drogas, como retinóides, metotrexate, ciclosporina, com objetivo de diminuir o tempo de tratamento e as doses das medica es mencionadas. Como os demais tipos de tratamento, a fototerapia apresenta algumas limita es, como a necessidade de equipamentos específicos, a ades o do paciente, a possibilidade de indica o ao paciente e a dose cumulativa de irradia o UV. A fototerapia deve ser conduzida com seguimento criterioso para a obten o de resposta efetiva com poucos efeitos colaterais.
Implica es da interdisciplinaridade na organiza o do trabalho da enfermagem: estudo em equipe de cuidados paliativos
Eliane MatosI,Denise Elvira Pires de Pire,Francine Lima Gelbcke
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2012,
Abstract: Este trabalho trata-se de estudo exploratório-descritivo de natureza qualitativa, realizado com equipe interdisciplinar que presta cuidados paliativos a pessoas portadoras de cancer de uma institui o pública no sul do Brasil. Teve como objetivo identificar a influência da prática interdisciplinar na organiza o do trabalho da enfermagem. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas semiestruturadas com catorze profissionais de diversas categorias, observa o sistemática e estudo documental. Os resultados mostraram que a perspectiva interdisciplinar propicia a participa o no processo de tomada de decis o; contribui para a integra o das a es realizadas pelos diferentes profissionais e pelo conjunto dos profissionais de enfermagem; promove a valoriza o do trabalho de diversos integrantes da equipe, contribuindo para diminuir o conflito interno na enfermagem, promovendo melhorias na aten o aos usuários. Concluiu-se que os pressupostos orientadores da interdisciplinaridade contribuem para reorganiza o do trabalho de enfermagem em uma perspectiva mais colaborativa, satisfatória e integradora.
A enfermeira e a equipe de enfermagem: segundo m es acompanhantes  [cached]
Sugano Amélia Satiko,Sigaud Cecília Helena de Siqueira,Rezende Magda Andrade
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2003,
Abstract: Estudo realizado na unidade de interna o pediátrica de Hospital Escola do município de S o Paulo, durante o segundo semestre de 2000. Trata-se de pesquisa qualitativa cujo objetivo foi (1) compreender se m es acompanhantes identificavam a enfermeira, bem como os outros componentes da equipe de enfermagem (técnica e auxiliares), e (2) conhecer suas percep es acerca dos cuidados prestados pela equipe de enfermagem. Foram entrevistadas, individualmente, 8 m es acompanhantes das crian as internadas. Os discursos foram submetidos à análise temática de conteúdo. Obteve-se duas categorias: identifica o da enfermeira/equipe de enfermagem pelas m es acompanhantes e percep o das m es acompanhantes acerca da equipe de enfermagem. Na primeira categoria constatou-se dificuldade na identifica o dos componentes da equipe de enfermagem. Na segunda, constatou-se que a atividade de enfermagem é percebida como subordinada à área médica. Eventualmente as m es têm dificuldade para distingüir o que é realizado pela enfermeira ou pelos outros componentes da equipe, mas todos os cuidados s o avaliados como muito bons. Além disso, a enfermeira é percebida como aquela que resolve qualquer problema. Enfermagem é percebida pelas m es acompanhantes como atividade mediada pela representa o de maternidade. Conclui-se que o cuidado realizado por esta equipe, apesar de ser visto como muito bom, ainda precisa ser apresentado às m es como profissional e aut nomo, a fim de se superar a vis o estereotipada de enfermagem.
ENFERMAGEM E O CUIDADO HUMANíSTICO: PROPOSTA DE INTERVEN O PARA A M E DO NEONATO SOB FOTOTERAPIA ENFERMERIA Y EL CUIDADO HUMANISTICO: PROPUESTA DE INTERVENCION PARA LA MADRE DEL NEONATO BAJO FOTOTERAPIA NURSING AND HUMANISTIC CARE: PROPOSAL OF INTERVENTION FOR MOTHERS OF NEWBORN INFANTS UNDER PHOTOTHERAPY  [cached]
ANTONIA DO CARMO SOARES CAMPOS,MARIA VERA LUCIA MOREIRA,LEIT?O CARDOSO
Ciencia y Enfermería : Revista Iberoamericana de Investigacíon , 2006,
Abstract: Este estudo objetivou descrever interven es de Enfermagem baseadas em estratégias e técnicas de comunica o com a m e do neonato em uso de fototerapia. Estudo qualitativo, exploratório-descritivo. Os sujeitos foram cinco m es cujos recém-nascidos encontravam-se sob fototerapia em uma maternidade publica em Fortaleza-CE. Os dados foram coletados em novembro e dezembro de 2003 mediante entrevista semi-estruturada e foram analisados à luz da Teoria Humanística de Enfermagem de Paterson e Zderad. Os resultados demonstraram que a m e apresenta déficit de conhecimento acerca da fototerapia e a comunica o entre a equipe de saúde e a m e é deficiente. As interven es de Enfermagem envolveram a busca do diálogo genuíno entre enfermeiro e o bin mio m e-filho, aplica o de painéis ilustrados sobre a história e o tratamento sob fototerapia e a forma o de grupos de encontro de saúde Este estudio tiene como objetivo describir intervenciones de Enfermería con bases en estrategias y técnicas de comunicación con la madre del neonato en uso de fototerapia. Estudio cualitativo, exploratorio y descriptivo. Los sujetos fueron cinco madres, cuyos recién nacidos se encontraban bajo fototerapia en una maternidad pública en Fortaleza-CE. Los datos fueron recolectados en noviembre y diciembre de 2003 a través de la entrevista semiestructurada y analizados a la luz de la Teoría Humanística de Enfermería de Paterson y Zderad. Los datos demostrarán que la madre tiene falta de conocimiento acerca de fototerapia y la comunicación entre el equipo de salud y la madre del neonato es deficiente. Los resultados demostraran intervenciones de Enfermería, incluyó la búsqueda del diálogo genuino entre enfermero y el binomio madre-hijo, aplicación de paneles ilustrados sobre la historia y el tratamiento bajo fototerapia y la formación de grupos de encuentro de salud This study aimed to describe nursing interventions based in strategies and techniques of communication with the mother of newborn under phototherapy. It is a qualitative, exploratory-descriptive study. The subjects were five mothers whose newborn were under phototherapy in a public maternity ward in Fortaleza-CE. Data were collected in November and December 2003 through semi-structured interview and analyzed on the light of the Paterson and Zderad’s Humanistic Nursing Theory . The results showed that the mother has lack of knowledge about phototherapy the communication between the health team and the newborn’s mother is deficient. The nursing interventions involved the search for genuine dialogue between the nurse and the binomi
Cuidados intensivos com a pele do recém-nascido pré-termo  [PDF]
Louanna Silva de Macedo Adriano,Izaura Luzia Silvério Freire,Juliana Teixeira Jales Menescal Pinto
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2009,
Abstract: O cuidado com a pele do Recém-Nascido Pré-termo (RNPT) é uma preocupa o constante dos profissionais quetrabalham em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN), sendo este iniciado logo após o nascimento, com afinalidade de manter uma temperatura corporal ideal e contribuir significativamente para uma adapta o bemsucedida. Objetivamos nesse estudo realizar uma atualiza o bibliográfica e uma análise sobre a preven o deinfec es e les es de pele dos RNPTs e sobre os cuidados essenciais com a pele desses Recém-nascidos (RNs)internados em UTIN. Para tanto, realizamos um estudo bibliográfico, utilizando as bases de dados eletr nicas LILACS,BDENF e MEDLINE. Encontramos 222 artigos, desses, 29 tinham uma maior relevancia para o nosso estudo. Dos 29artigos, predominaram os estudos experimentais (19), no período de 1995 a 2000 (10) e os estudos bibliográficos(10) nos anos 2001 a 2006 (05). Os estudos bibliográficos, mesmo tendo um menor número de pesquisas, os autorestrabalham mais categorias em um mesmo estudo (30). Os dados obtidos mostram que ainda há uma falta deconsenso sobre determinadas técnicas desenvolvidas com os RNPT, apontando para a necessidade de pesquisas nessaárea de assistência.
Práticas cuidadoras que favorecem a integralidade do cuidado ao recém-nascido de alto risco: revis o sistemática  [PDF]
Elysangela Dittz Duarte,Roseni Rosangela de Sena,Tatiana Silva Tavares
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2010,
Abstract: A busca de um cuidado que contemple as dimens es biopsicossociais do recém-nascido, n o limitadas às que garantem a suasobrevida, tem sido promovida através de diferentes práticas que consideramos serem favorecedoras da integralidade. Nesteestudo realizou-se uma revis o bibliográfica sistemática com o objetivo de identificar práticas cuidadoras que favorecem aintegralidade do cuidado ao recém-nascido de alto risco. A busca foi realizada nas bases de dados BDENF, LILACS, MEDLINE,PAHO, WHOLIS e BVS INTEGRALIDADE, utilizando-se os indexadores Cuidados Integrais de Saúde, Neonatologia, Recémnascidoe Unidades de terapia intensiva neonatal, no período de 1988 a 2009. Foram selecionadas 17 publica es, em inglês,português e espanhol. Os resultados foram agrupados nas categorias: cuidado centrado no recém-nascido e na família,trabalho em equipe multiprofissional, participa o da m e e dos familiares no cuidado ao recém-nascido e continuidade daassistência. Concluiu-se que iniciativas s o tomadas para possibilitar um cuidado integral mas que, para constru o daintegralidade da assistência ao neonato de risco, ainda existem dificuldades a serem superadas, principalmente em rela o àamplia o do foco do cuidado e à reorganiza o do processo de trabalho em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal.
Dimensionamento da equipe de enfermagem da UTI-adulto de um hospital ensino  [PDF]
Kelly Cristina Inoue,Laura Misue Matsuda
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2009,
Abstract: Em UTI, quase sempre há elevada carga de trabalho para a equipe de enfermagem, pois os pacientes/clientes seencontram em iminente risco de morte, s o altamente dependentes e demandam cuidados complexos. Garantir aqualifica o e a quantifica o de pessoal de enfermagem contribui para a gest o do cuidado de qualidade, comredu o de custos na assistência e nos riscos à saúde da clientela e dos trabalhadores. Este estudo teve comoobjetivo verificar a adequa o quantitativa do pessoal de enfermagem de uma UTI-Adulto, à Resolu o COFEN n°293/2004. Foi realizado em um Hospital Ensino público, no período de 30 de mar o a 30 de junho de 2007. Utilizou-secomo instrumento de coleta de dados o Sistema de Classifica o de Pacientes proposto por Fugulin (1994), que foipreenchido observando-se diariamente os prontuários de 65 pacientes. Constatou-se que a maioria (72,09%) dospacientes requer cuidados intensivos; que o instrumento n o pontua muitas atividades desenvolvidas em UTI e que,por isso, o número de trabalhadores de enfermagem mostrou-se adequado à proposta do COFEN. Conclui-se que, emUTI, dada à complexidade e à quantidade elevada de atendimentos, o dimensionamento de pessoal de enfermagemmerece considera es distintas de outros setores/servi os.
Extravasamento de quimioterápicos: conhecimentos da equipe de enfermagem Chemotherapeutic's extravasation: knowledge of the nursing team  [cached]
Jefferson Nery Correia,Letiery Sanches Pereira Albach,Carlos Augusto Albach
Ciência & Saúde , 2011,
Abstract: Objetivo: Analisar o conhecimento da equipe de enfermagem que atua no setor de clínica oncológica de uma institui o hospitalar, quanto à preven o, identifica o e condutas no extravasamento de quimioterápicos intravenosos. Materiais e Métodos: Trata-se de um estudo descritivo exploratório com abordagem qualitativa, realizado por meio de entrevistas gravadas com auxílio de um roteiro semiestruturado, que foram posteriormente transcritas. A análise dos dados foi realizada pela análise de conteúdo e com a literatura pertinente ao assunto. Resultados: Identificaram-se três categorias: o conhecimento sobre quimioterápicos, o extravasamento de quimioterápicos e a necessidade de treinamento sobre quimioterapia. Foi possível observar que o conhecimento de cada indivíduo sobre o assunto é limitado. A equipe percebe a necessidade de educa o permanente, pois além de tratar-se de cuidados especializados, há mudan as dos medicamentos antineoplásicos disponíveis. Conclus o: O estudo evidenciou algumas falhas existentes no conhecimento dos profissionais que realizam os cuidados na administra o de quimioterápicos em rela o à preven o, identifica o e condutas na ocorrência de extravasamento. Infere-se que o treinamento da equipe de enfermagem antes do contato com os pacientes oncológicos e da quimioterapia seja necessário, como também a educa o continuada e permanente, garantindo desta maneira maior seguran a para os pacientes e atendimento mais humanizado e de qualidade. Objective: To assess the knowledge of the nursing team that works in the oncology section of a hospital, regarding the prevention, identification and conduct in the leakage of intravenous chemotherapeutics. Materials and Methods: This is an exploratory descriptive study with a qualitative approach, carried out through taped interviews using a semi-structured questionnaire, which was later transcribed. Data analysis was performed by the content analysis and compared with the literature available in the subject. Results: We identified three categories: knowledge on chemotherapeutic, the extravasation of chemotherapeutics, and the need for training on chemotherapy. It was observed a limited knowledge of each individual on this subject. The team realizes the need for continuing education, since this is an area of specialized care with constant changes in the anticancer therapy drugs available. Conclusion: The study revealed some gaps in the existing knowledge of professionals that administer the chemotherapeutics in relation to the prevention, identification and conduct in the event of leakage. In
Aloca o da equipe de enfermagem e ocorrência de eventos adversos/incidentes em unidade de terapia intensiva Distribución de la equipo de enfermería y ocurrencia de eventos adversos/incidentes en unidad de cuidados intensivos Nursing allocation and adverse events/incidents in intensive care units
Leilane Andrade Gon?alves,Rafaela Andolhe,Elaine Machado de Oliveira,Ricardo Luís Barbosa
Revista da Escola de Enfermagem da USP , 2012, DOI: 10.1590/s0080-62342012000700011
Abstract: A seguran a do paciente representa um desafio para a excelência da qualidade no setor saúde. Este estudo objetivou: verificar a adequa o entre a aloca o da equipe de enfermagem e as horas de cuidado requeridas pelos pacientes, bem como identificar a rela o entre essa aloca o com eventos adversos/incidentes (EA/I). Trata-se de pesquisa observacional, descritiva e prospectiva, desenvolvida nas Unidades de Terapia Intensiva Clínicas do 4o andar e 6o andar de um Hospital Universitário, do município de S o Paulo, Brasil, no período de 01/11/07 a 10/12/07, com 46 pacientes. Nas UTIs 4o andar e 6o andar, respectivamente, 43,3% e 10,3% das aloca es foram inadequadas (p = 0,000). Houve diferen a na frequência de EA/I nas aloca es adequadas e inadequadas da equipe de enfermagem da UTI 4o andar e UTI 6o andar, p = 0,0004 e p = 0,000, respectivamente. Concluiu-se que, quanto maior a diferen a entre as horas disponíveis e requeridas de cuidado nas aloca es de enfermagem, menor a frequência de EA/I. Este estudio tuvo como objetivos determinar la distribución de personal de enfermería conforme las horas de los cuidados requeridos por los pacientes y identificar la relación entre esta distribución con los eventos adversos/incidentes (EA/I). Estudio observacional, descriptivo y prospectivo, desarrollado en la UCI Clínicas de 4o y 6o piso de un hospital universitario, en Sao Paulo, Brasil, desde 01/11/07 hasta 10/12/07, con 46 pacientes. Los resultados apuntan que en la UCI 4o piso y en la UCI 6° piso, respectivamente, 43,3% y 10,3% de las distribuciones fueron inadecuadas (p=0,000). Hubo diferencia en la frecuencia de EA/I en la distribución de personal de enfermería adecuada e inadecuada en la UCI 4o y 6o piso, respectivamente, p = 0,0004 y p=0,000. Se concluyó que cuanto mayor la diferencia entre horas disponibles y necesarias de cuidados en la distribución de actividades del equipo de enfermería, menor es la frecuencia de EA/I. Patient safety is a challenge for the quality in health care system. This study aimed to analyze the appropriateness of the allocation of nursing staff according to the hours of care required by patients and to identify the relationship between this allocation and adverse events/incidents (EA/I). This research was observational, descriptive and prospective, developed in Clinics ICU located in the 4th floor and 6th floor at a university hospital, in S o Paulo, Brazil, from 01/11/07 to10/12/07, with 46 patients. In the 4th floor and 6th floor ICU, respectively, 43,3% and 10.3% of allocations were inadequate (p=0.000). There was a differen
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.