oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Imagens da áfrica no cinema: o potencial da mídia no ensino de história/Images of Africa in the movies: the potential of media in history teaching
Delton Aparecido Felipe,Teresa Kazuko Teruya,Dircéia Cristina da Silva,Paulo Sérgio Souza Junior,Leilah Santiago Bufrem,Sandra de Fátima Santos,Dartel Ferrari de Lima,,Dartel Malacarne,Francisco Neto Pereira Pinto,Hilda Dutra Gomes Magalh?es,Diléia Aparecida Martins,Vera Lúcia de Carvalho Machado,Rita Ribes Pereira,Stevan de Camargo Corrêa,Larissa Medeiros Marinho dos Santos,Leilah Santiago Bufrem,Tidra Viana Sorribas,Cesar Augusto Alves da Silva,Josué Laguardia,Margareth Portela
ETD : Educa??o Temática Digital , 2009,
Abstract: Este artigo apresenta uma leitura crítica do conteúdo de dois filmes que abordam o preconceito racial. Foram selecionados os filmes: Um grito de liberdade e Sarafina o som da liberdade, como fonte de pesquisa. O objetivo é investigar os aspectos culturais, econ micos, sociais e políticos da áfrica, a fim de propor uma metodologia de análise fílmica, com base nos Estudos Culturais. De que maneira o cinema, ao mostrar os conflitos sociais gerados pelas leis raciais, pode contribuir para formar professores mais preparados e capazes de lidar com o racismo e o preconceito na sala de aula? No espa o escolar, esses filmes analisados na perspectiva de Douglas Kellner, Michel Foucault e Stuart Hall, podem ampliar a nossa compreens o sobre a lógica da domina o pela segrega o racial e contribuir para mobilizar a es de valoriza o e de reconhecimento da história e cultura africana e afro-brasileiro. This article presents a critical reading of the contents of two films dealing with racial prejudice. Were selected films: Um grito de liberdade and Sarafina o som da liberdade, as source of research. The goal is to investigate the cultural, economic, social and political in Africa, to propose a methodology of film analysis, based on Cultural Studies. How does the film by showing the social conflicts generated by the racial laws, can help to train teachers better prepared and able to deal with racism and prejudice in the classroom? At school, the films from the perspective of Douglas Kellner, Michel Foucault, Stuart Hall, may enhance our understanding of the logic of domination by racial segregation and help mobilize actions for recovery and recognition of African history and culture and African-brazilian. Keywords Mídia na educa o --- Apartheid --- Estudos culturais --- Ensino de História --- Media in schooling --- Apartheid --- Cultural Studies --- Teaching history
O teste de Cloze na avalia o da compreens o em leitura  [cached]
Santos Acácia A. Angeli dos,Primi Ricardo,Taxa Fernanda de O. S.,Vendramini Claudette M. M.
Psicologia: Reflex?o e Crítica , 2002,
Abstract: Este trabalho investigou as propriedades psicométricas de um instrumento de avalia o da compreens o em leitura utilizando a técnica de Cloze. Participaram 612 estudantes ingressantes de quatro cursos de uma universidade particular, cuja tarefa era preencher a lacuna do texto com a palavra que julgassem mais apropriada. Observou-se um bom ajuste ao modelo de dois parametros da Teoria de Resposta ao Item, sendo que a escala formada pela soma do número de lacunas corretamente completadas provou possuir consistência interna alta (KR-20 = 0,84). Os itens formaram dois grupos em raz o da dificuldade: um grupo com itens muito fáceis e outro com itens muito difíceis. Parte da variabilidade dos índices de dificuldade p de ser explicada pela classe gramatical da palavra a ser descoberta (r=0,62, p <0,001). Do maior ao menor nível de complexidade foram observados: adjetivos, verbos, advérbios, substantivos, pronome, preposi o e artigo. Analisando-se os processos cognitivos que poderiam explicar as diferen as de dificuldade correlacionadas com as classes gramaticais e aliando-se a aplica o da Teoria de Resposta ao Item (TRI), discutiu-se o avan o das interpreta es de proficiência em leitura referenciadas nos itens.
Compreens o de leitura: estratégias de tomar notas e da imagem mental  [cached]
Ferreira Sandra Patrícia Ataíde,Dias Maria da Gra?a Bompastor Borges
Psicologia: Teoria e Pesquisa , 2002,
Abstract: Objetivou-se verificar e comparar o efeito do treinamento das estratégias de Tomar Notas e da Imagem Mental sobre a compreens o de leitura entre crian as de oito a 14 anos com dificuldades nesta área, de escolas públicas e particulares. Primeiramente, foram classificadas nos Grupos de Pouca e Muita Dificuldade de Compreens o (GD1 e GD2) e distribuídas em três grupos: dois grupos experimentais (GE1 e GE2) e um grupo controle (GC). Depois, o GE1 utilizou a atividade de Tomar Notas e o GE2, a estratégia da Imagem Mental. O GC n o recebeu treinamento, mas realizou a mesma tarefa que os grupos experimentais. Os resultados demonstram um desempenho significativamente melhor do GE1 frente ao GE2 e ao GC. Verificou-se que o GD1 progrediu mais sobre as quest es inferenciais do que o GD2. As crian as das escolas públicas foram as mais beneficiadas. Ambas estratégias possibilitaram a emergência de respostas às quest es literais e inferenciais.
As representa es sociais e a experiência da doen a  [cached]
Gomes Romeu,Mendon?a Eduardo Alves,Pontes Maria Luiza
Cadernos de Saúde Pública , 2002,
Abstract: O artigo objetiva analisar as rela es entre representa es sociais e a experiência da doen a. O estudo é uma revis o crítica sobre a discuss o da doen a. O trabalho é constituído de: (a) resgate da utiliza o do conceito de representa es sociais da doen a; (b) aspectos sobre a experiência da doen a; e (c) princípios para a compreens o do processo do adoecer. Como conclus o, os autores destacam a necessária articula o entre a experiência da doen a e seu contexto de produ o material e simbólica.
As bases da leitura: entre a “ciência” da literacia precoce e a “ciência” do jogo
Pinto, Maria da Gra?a Castro
Letras de Hoje , 2010,
Abstract: Este texto pretende transmitir a quem lida no quotidiano com a crian a que a leitura pode ser preparada desde muito cedo tendo em considera o contudo a crian a num todo. Para se tornar um leitor, a crian a vai necessitar, como é natural, de passar por uma etapa em que lhe é exigido que saiba dominar tanto o mecanismo que lhe permite conhecer e reconhecer letras, conhecer e reconhecer palavras, como o processamento fonológico. No entanto, esta abordagem mais de ordem académica, mais baseada na “ciência”, n o se revela suficiente se a acep o da leitura que se quiser ver real ada n o se se circunscrever somente à decifra o, mas abranger também e sobretudo a compreens o. Em meu entender, a leitura deve ser sobretudo compreens o, muito embora precise de passar pela fase da decifra o, que terá de ser dominada rapidamente de forma a vir a tornar-se um procedimento automático que deixe a memória da crian a liberta para captar com rapidez o sentido do que lê, sem interrup es motivadas por uma decifra o morosa. Em vista disto, advoga-se que a crian a seja familiarizada com a leitura, tendo presente os benefícios provenientes da literacia emergente, por meio da conjuga o de políticas educativas (académica e baseada no jogo). N o se tem ent o unicamente em conta o lado intelectual da crian a; consideram-se igualmente outras habilidades cognitivas, para lá daquilo que o jogo simbólico/sociodramático pode ainda trazer em termos emocionais e sociais. Relativamente às práticas de leitura, defende-se a leitura indirecta e revela-se o que esta pode representar numa perspectiva multicognitiva e no desenvolvimento da linguagem, contribuindo dessa forma para um sucesso cada vez mais acentuado da leitura.
Mapeamento da leitura de textos do gênero científico através de RMf  [PDF]
Alves, Sandra Maria Leal
Letras de Hoje , 2010,
Abstract: Esta pesquisa, inserida no ambito da Psicolingüística e com interface com a Neurociência, tem por objetivo mapear o funcionamento do cérebro durante a atividade de leitura de textos do gênero científico. As teorias que fundamentam este trabalho situam-se nas áreas da linguística, neurociência e neurofisiologia – numa integra o que busca analisar aspectos das fun es cognitivas superiores envolvidos na leitura e compreens o textual. A amostra constitui-se de duas universitárias do curso de Letras/Inglês, que se submeteram o pré-teste e pós-teste de Ressonancia Magnética funcional, processo esse entremeado pela aplica o de aulas de interven o pedagógica. Os resultados obtidos permitem inferir que o ensino sistemático de estratégias de leitura e de características textual-discursivas favorece a aprendizagem e melhora o desempenho dos alunos no que se refere à compreens o leitora.
O desenvolvimento da compreens o oral e em leitura em um programa temático baseado em tarefas
Rosely Perez Xavier
Revista Brasileira de Linguística Aplicada , 2004,
Abstract: Este trabalho discute o desenvolvimento das habilidades de compreens o oral e escrita em língua inglesa a partir da implementa o de um programa temático de ensino baseado em tarefas em duas 5as séries do ensino fundamental. Os dados foram coletados através de diários, grava es de aulas em áudio e vídeo, questionários e testes de rendimento em dois momentos do processo de implementa o, de modo que os resultados pudessem ser comparados entre si. Para verificar se os ganhos de aprendizagem haviam sido significativos, duas 6as séries realizaram os mesmos testes de compreens o oral e em leitura e os seus resultados foram comparados com aqueles dos sujeitos desta pesquisa. Nos contextos pesquisados, os alunos apresentaram ganhos de aprendizagem, sendo eles mais significativos na habilidade de compreens o oral. This paper discusses the development of both listening and reading skills of two groups of Brazilian secondary students learning English under a task-based thematic syllabus. The data were collected through weekly exchanged lesson diaries, audio- and videotaped sets of lessons, questionnaires, and achievement tests in two moments of the syllabus implementation so that the results could be compared. Aiming at investigating the students' learning gains in both reading and listening comprehension, two next-level groups of Brazilian secondary students were asked to carry out the same achievement tests and their results were compared to the ones achieved by the subjects. The results of this research show that the subjects had learning gains in listening more than in reading.
Rela o entre leitura de palavras isoladas e compreens o de leitura textual em crian as
Corso, Helena Vellinho,Salles, Jerusa Fumagalli de
Letras de Hoje , 2009,
Abstract: Dentre os inúmeros processos que se inter-relacionam durante a atividade da leitura, o reconhecimento das palavras e a compreens o do que é reconhecido s o identificados como fundamentais. Uma das perspectivas expostas na literatura é a de que a fluência na leitura de palavras é condi o fundamental para a compreens o da leitura, embora n o suficiente, posto que a leitura eficiente de palavras n o garante a compreens o de leitura textual. O presente trabalho examinou também a possibilidade inversa, a saber: é possível haver uma boa compreens o textual apesar de fracas habilidades de leitura de palavras? A pesquisa comparou o desempenho de crian as de 2a série do EF em leitura de palavras isoladas e em compreens o de leitura textual, investigando, assim, as correla es e a possibilidade de dissocia es entre estes dois processos. A análise dos dados mostrou uma forte correla o entre as habilidades em quest o. Enquanto foi possível verificar a presen a de algumas crian as com competência no reconhecimento de palavras e com baixa capacidade de compreens o de texto, os dados n o sugerem uma dissocia o visível no sentido inverso, ou seja, categorias altas de compreens o de texto apesar de baixos escores em leitura de palavras isoladas. Implica es para interven o clínica e educacional s o discutidas.
Novas práticas de leitura e escrita: letramento na cibercultura
Soares Magda
Educa??o & Sociedade , 2002,
Abstract: No contexto de uma diferencia o entre a cultura do papel e a cultura da tela, ou cibercultura, o artigo busca uma melhor compreens o do conceito de letramento, confrontando tecnologias tipográficas e tecnologias digitais de leitura e de escrita, a partir de diferen as relativas ao espa o da escrita e aos mecanismos de produ o, reprodu o e difus o da escrita; argumenta que cada uma dessas tecnologias tem determinados efeitos sociais, cognitivos e discursivos, resultando em modalidades diferentes de letramento, o que sugere que a palavra seja pluralizada: há letramentos, n o letramento.
RELIGI O E NEGA O DA MODERNIDADE: A LEITURA FUNDAMENTALISTA DA BíBLIA NAS REVISTAS DE ESCOLA BíBLICA DOMINICAL DA ASSEMBLéIA DE DEUS  [PDF]
Bertone de Oliveira Sousa
Revista Brasileira de História das Religi?es , 2010,
Abstract: Este artigo investiga as peculiaridades da leitura da Bíblia realizada pelos redatores das revistas de Escola Bíblica Dominical da Assembléia de Deus no Brasil, tendo como ponto de partida a ortodoxia doutrinária professada pela igreja e o fundamentalismo religioso presente em suas representa es. Para isso, faz uma breve historiciza o da igreja, bem como uma problematiza o do conceito de fundamentalismo, para depois analisar-se as revistas de faixa etária de jovens e adultos da editora CPAD, privilegiando-se as que abordam temas relacionados a quest es sociais como secularismo, humanismo, aborto, eutanásia, divórcio, evolucionismo, ateísmo, homossexualismo, entre outros. Investiga-se também como essa leitura se contrap e a uma concep o histórico-crítica da Bíblia e a aspectos da modernidade que a institui o sente amea arem sua integridade doutrinária. Este texto situa-se no marco teórico da História Cultural a fim de apreender as características das representa es sociais produzidas pelo grupo religioso aqui estudado.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.