oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Idéias antiescravistas da Ilustra o na sociedade escravista brasileira  [cached]
Rocha Antonio Penalves
Revista Brasileira de História , 2000,
Abstract: Este artigo pretende examinar como as idéias antiescravistas da Ilustra o foram assimiladas por alguns letrados brasileiros do come o do século XIX para mostrar a especificidade que elas adquiriram na sociedade escravista brasileira.
A regenera o da Amaz nia: crítica moral à coloniza o portuguesa no contexto da ilustra o
Mauro Cezar Coelho
S?culum : Revista de História , 1998,
Abstract: O artigo discute a crítica à coloniza o portuguesa no contexto da ilustra o, a partir dos debates levantados por Alexandre Rodrigues Ferreira, naturalista baiano, em sua viagem filosófica, concentrada na regi o amaz nica.
Ilustra o e império colonial Ilustration and colonial empire  [cached]
Ronald Raminelli
História (S?o Paulo) , 2012,
Abstract: Entre 1780 e 1808, as principais reflex es sobre o império colonial lusitano partiam de colonos e de reinóis radicados no Brasil. A perspectiva luso-brasileira vinculava-se tanto à forma o na Universidade de Coimbra quanto à vivência na América portuguesa. Pensar o império, nessa conjuntura, era analisar a centralidade de Lisboa e do Brasil, avaliar os nexos entre o reino, as terras brasílicas e as demais possess es na áfrica. Para os ilustrados, aos poucos, o Brasil tornava-se um centro para os domínios lusitanos em Angola e Mo ambique. Aliás, muito antes da vinda corte, as terras lusas na América já ganhavam centralidade na produ o visual e escrita dos súditos de Sua Majestade. Between 1780 and 1808, the main reflections on the colonial Portuguese empire came from settlers and reinois living in Brazil. The Portuguese-Brazilian prospect was linked to both training at the University of Coimbra and living experience in Portuguese America. Thinking about the empire, at this juncture, used to be associated to examine the centrality of Lisbon and Brazil, to evaluate the links between the kingdom, the Brazilian lands and other possessions in Africa. Slowly, for those illustrated, Brazil became a center for Portuguese domains in Angola and Mozambique. Indeed, long before the Portuguese court arrived in Americ, ita has gained centrality in the production of written and visual subjects of His Majesty.
O estatuto ficcional da imagem fotográfica: O caso da foto-ilustra o na revista Veja  [cached]
Ana Carolina Lima Santos
Ciberlegenda , 2010,
Abstract: O presente trabalho tenta conceber a ilustra o fotográfica em seu estatuto ficcional. A partir das contribui es de Boris Kossoy (2002), Jean-Marie Schaeffer (1999) e Nelson Goodman (2002), o artigo delineia a fic o como um recurso legítimo do qual a foto-ilustra o se vale para concretizar idéias e conceitos em uma espécie de tradu o livre da realidade. Nela, o factual é tomado apenas como ponto de partida para extrapola es analíticas e opinativas.
O conteúdo temático no gênero discursivo tiras em quadrinhos = The thematic content in the genre of discourse comic strip
Natália Gon?alves Moterani,Renilson José Menegassi
Acta Scientiarum : Language and Culture , 2010,
Abstract: Este artigo tem como objetivo apresentar como o trabalho com o conteúdo temático do gênero discursivo Tira em Quadrinhos ocorre em uma das oficinas produzidas para a Sequência Didática (SD) destinada à oitava série do Ensino Fundamental. Para tanto, como suporte teórico, utilizamos os pressupostos do Círculo de Bakhtin sobre intera o e escrita e gêneros discursivo, e de Dolz et al. (2004), no que concerne à produ o de uma SD. Com rela o às tiras em quadrinhos, para que o aprendizado se efetive, os resultados mostram que: a) é preciso fazer com que o aluno perceba que os quadrinhos apresentam uma diversidade temática que vai desde histórias de super-heróis até as que abordam nosso contexto político e social; b) identificada a posi o social do autor das tirinhas, fica mais fácildelimitar a temática e, consequentemente, seu propósito; c) o recorte temático propicia a exauribilidade de um texto, sendo, portanto, um aspecto recorrente nesse gênero discursivo. This article has as objective to present how the work with the thematic content of the comic strip occurs in one of the modules produced to the elaboration to the Didactic Sequence, designated to the eighth grade of the elementary education. This way, as theory base, we used Bakhtin’s Circle studies about interaction and writing and genres of discourse, and Dolz et al. (2004) theory, which concerns the production of a didactic sequence. In order to achieve a better way of learning, the results of the study with the comic strips show that: a) it is necessary to make the student perceive that the comic strips present a thematic diversity that reaches since super heroes histories until the ones that treats of our political and social context; b) when the author’s social position is identified, it is easier to set the theme and, consequently, his purpose; c) the thematic cut makes the text exhausted, being, in this way, a common aspect of this genre of discourse.
Ilustra o e educa o: uma leitura de Bernardo Guimar es
Luciano Mendes de Faria Filho
Educa??o : Revista do Centro de Educa??o UFSM , 2006,
Abstract: Este trabalho busca explicitar facetas importantes da cultura e do processo de escolariza o no Brasil e, mais especificamente, em Minas Gerais, ao longo do oitocentos. Ele acompanha outros em que temos tentado trabalhar com fontes diversas (jornais, relatórios de diretoras e inspetores escolares, legisla o escolar) buscando apontar para a importancia destas para a história da educa o e produzir uma inteligibilidade própria a cada uma delas. O texto traz à tona a discuss o sobre a produ o literária de um dos principais intelectuais mineiros do século XIX – o romancista Bernardo Guimar es -, buscando destacar a importancia dos intelectuais no processo de escolariza o nos últimos dois séculos. Palavras-chave: Minas Gerais. Literatura. História. História da Educa o.
Ilustra es táteis bidimensionais em livros infantis: considera es acerca de sua constru o no contexto da educa o de crian as com deficiência visual  [cached]
Adriano Henrique Nuernberg
Revista Educa??o Especial , 2010,
Abstract: A difus o das políticas de educa o inclusiva na última década proporcionou o aparecimento de diversas iniciativas voltadas a promover a acessibilidade ao conhecimento por parte das pessoas com deficiência visual. Muitas destas iniciativas, contudo, fundamentam-se em no es enviesadas sobre as formas de acesso e elabora o conceitual de pessoas com cegueira, sobretudo no que tange à cegueira congênita. O objetivo desse artigo é discutir a constru o de ilustra es táteis bidimensionais como tentativas de garantir a acessibilidade do conteúdo visual de livros infantis. Com base em aportes da psicologia histórico-cultural de Vigotski, s o demarcadas as diferen as entre as formas de percep o visual e tátil, apontando para a linguagem como via de compensa o social da cegueira. Ao se identificar problemas conceituais da constru o destas ilustra es táteis bidimensionais, espera-se colaborar para melhoria da qualidade dos materiais produzidos no contexto da educa o inclusiva, tendo em vista a aten o às especificidades do psiquismo humano na presen a da cegueira congênita. Palavras-chave: Ilustra es táteis. Cegueira. Educa o inclusiva.
As miss?es jesuíticas entre os guaranis no contexto da Ilustra??o
Domingues, Beatriz Helena;
História (S?o Paulo) , 2006, DOI: 10.1590/S0101-90742006000100003
Abstract: this article compares three eighteenth century evaluations about jesuitic missions among the guaranis - rela??o abbreviada da republica, que os religiosos jesuitas estabelecer?o no paraguai, by marquis of pombal, candide, by voltaire, and o uraguay, by basílio da gama - pointing out their similarities and singularities in terms of their personal motivations, literary styles and nationality - portuguese, french and brazilian, respectively.
Ilustra o, história e ecletismo: considera es sobre a forma eclética de se aprender com a história no século XVIII
Ana Rosa Cloclet da Silva
História da Historiografia , 2010,
Abstract: Nas reflex es que seguem, pretende-se tecer algumas correla es entre o perfil assumido pela ilustra o portuguesa, desde meados do setecentos, o tratamento dispensado por seus protagonistas às quest es de método e a forma como estas articulam-se a uma dada concep oda História que, de disciplina subsidiária ao ramo da Filosofia, vai assumindo papel crucial na tarefa imposta à gera o seguinte ao consulado pombalino: aquela que primava pelo aprendizado com o passado, na tentativa de reverter os males atravessados por Portugal e salvaguardar a integridade imperial.
The State of Comic Art Bibliography in North America  [cached]
Michael Rhode
Transatlantica : Revue d'études Américaines , 2010,
Abstract: Within the past two decades, several American bibliographies of comic art have been published to aid in research on comics and cartooning. Professor John Lent’s ten-volume Comic Art Bibliographies is one of the largest such projects and he began it with a self-published volume in 1986. Librarian Randy Scott published The Comic Art Collection Catalog: An Author, Artist, Title and Subject Catalog Of The Comic Art Collection, Special Collections Division, Michigan State University Libraries, whi...
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.