oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Ecologia humana e antropometria nutricional de adultos Xavánte, Mato Grosso, Brasil  [cached]
Gugelmin Sílvia A.,Santos Ricardo Ventura
Cadernos de Saúde Pública , 2001,
Abstract: Este estudo visa analisar comparativamente o perfil ecológico-humano e o antropométrico de duas comunidades indígenas Xavánte - Eté itépa (ou Pimentel Barbosa) e S o José - de Mato Grosso, Brasil. Os dados foram coletados respectivamente em 1994 e 1998/1999. A pesquisa envolveu caracteriza o dos padr es de aloca o de tempo e de antropometria de adultos acima de 20 anos de idade. Os Xavánte de Eté itépa despendem mais tempo em atividades ligadas à horticultura, pesca, ca a e coleta; os de S o José exercem mais fun es remuneradas e extra-aldeia, em que há, em geral, menor atividade física. Os valores médios de estatura das duas comunidades s o próximos, mas há diferen as marcantes quanto à massa corporal e ao IMC (índice de Massa Corporal). O grupo de S o José exibiu valores de IMC superiores aos de Eté itépa em quase todas as faixas etárias. Em S o José há prevalência de obesidade em homens (24,6%) e mulheres (41,3%); em Eté itépa, os valores foram respectivamente de 2,5% e 4,8%. Sugere-se que o perfil nutricional diferenciado resulta, em muito, de diferentes trajetórias de intera o social, política e econ mica com a sociedade nacional envolvente.
Ecologia de mosquitos (Diptera, Culicidae) em criadouros naturais e artificiais de área rural do norte do Parana, Brasil: II. Coletas com isca humana
Lopes, José;Lozovei, Ana L;
Revista Brasileira de Zoologia , 1996, DOI: 10.1590/S0101-81751996000300007
Abstract: with then purpose of knowing the species of mosquitos that colonize an anthropogenic area in the north of paraná, brazil. 1496 specimens were captured by the humam bait method, accountig 23 species among them the following were predominam: anopheles strodei root, 1926; an. evansae brethes, 1926; an. galvaoi causey, deane & deane, 1943; an. albitarsis lynch arribalzaga, 1878; coquillettidea juxtamansonia chagas, 1907; co. venezuelensis theobaldi, 1912; culex (melanoconion) sp. e aedes fluviatilis (lutz, 1904) and showed shong anthopophilia and a high degree of adaptation to humam environment. on the cantray, the species that showed lilth adaptation to such ambients or to the geoclimatic conditions of the region were: anopheles triannulatus (neiva & pinto, 1922); an. parvus (chagas, 1907); an. lutzii cruzi, 1901, culex amazonensis (lutz, 1905); cx. chidesteri; psorophora confinnis (linch arribalzaga, 1891); ps. discrucians (walker, 1856); ps. cingulata (fabricius, 1805) e aedes scapularis. although anopheles argyritarsis robineau-desvoidy, 1827; culex coronator dyar & knab, 1906; cx. mollis dyar & knab, 1906 and cx. quinquefasciatus say, 1823, were captured in little numbers, it is knowntht they an mosquito of human surroundings. these mosquitos showed a plak of feeding activity directly related to sunset bat did not have a bimodal behaviour. anophelinae were in general more active in spring while culex linnaeus, 1758; coquillettidia dyar, 1905; aedes meigen, 1818; mansonia blanchard, 1901 e psorophora robineau-desvoidy, 1827 were more active in summer.
A RESPONSABILIDADE CIVIL E O MEIO AMBIENTE  [cached]
DELCYLENE VILLALBA SOARES
Revista Eletr?nica do Curso de Direito da UFSM , 2012, DOI: 10.5902/198136947174
Abstract: RESUMO Este artigo tem por finalidade realizar uma análise sobre a evolu o da responsabilidade civil e suas teorias, subjetiva e objetiva aplicadas ao meio ambiente. Dentro desta área, deve-se ressaltar que a responsabilidade civil ao meio ambiente, é um assunto de importante relevancia para o efetivo controle da depreda o ambiental, permitindo que sejam alcan adas as metas propostas como condi o de sobrevivência da espécie humana, ou seja, a conserva o do meio ambiente e o desenvolvimento econ mico social, visando desta maneira, permitir a qualidade e a continua o da vida. Existe o entendimento, que somente com educa o ambiental e normas reguladoras fortes, como a penalidade de ter que indenizar quando praticar algum dano ao meio ambiente conseguirá atingir o objetivo maior de preserva o. Necessitam-se além de uma mudan a na legisla o que responsabilize poluidores do meio ambiente, atribuindo-lhes san es que inibam a prática de tal conduta ilícita e realizando assim, a aplicabilidade da justi a. Palavras-chave:Responsabilidade Civil; Responsabilidade; Meio Ambiente ABSTRACT This article have objective to realize a analysis about civil responsibility evolution and your theories, subjective and objective apply environment. Inside this area have to stand out that civil responsibility environment, it is a theme very important relevance for environment depredation control effective, permitting have been obtain proposals target like been human survival condition, therefore, environment conservation and social economic development objective permit quality and continuation of life. There is understanding, that only with environment education and strong regulation principle, like penalty has to indemnify when practice some injury of environment, will obtain more preservation. Demand a change on legislation that responsible environment polluter attribute him inhibit sanctions for practice this illicit conduct and realize applicability of justice. Keywords:Civil Responsibility; Responsibility; Environment Identificador de Objeto Digital (DOI) 10.5902/198136947174
La dignidad humana: responsabilidad urbana? planeamiento territorial y derecho a la ciudad Human Dignity: Urban Responsibility? Planning Codes Helps and the Right to the City Dignidade humana: responsabilidade urbana? Planejamento territorial e dereito á cidade  [cached]
Fernando Murillo,Gabriel Artese,Pablo Schweitzer
Cuadernos de Vivienda y Urbanismo , 2012,
Abstract: Este artículo analiza la responsabilidad de las regulaciones urbanas en la construcción del derecho a la ciudad como soporte de la dignidad humana en la era de la “civilización urbana”. Para tal fin se examinan tres sectores urbanos segregados y fragmentados de la metrópolis de Buenos Aires, evaluando la incidencia de marcos regulatorios paradigmáticos como el Decreto Ley 8912 de 1977 sobre uso de suelo y los Códigos de Planeamiento Urbano municipales en la generación de tipologías urbano habitacionales desarrolladas por el mercado formal de subdivisión de lotes, las intervenciones del Estado en la forma de complejos habitacionales y la informalidad en sus distintas manifestaciones. El trabajo revela cómo los instrumentos de planificación territorial, lejos de asumir su responsabilidad de garantizar la dignidad humana, tienden a legitimar la dualidad entre la ciudad formal y la informal, favoreciendo la apropiación de plusvalías urbanas por parte de inversiones especulativas en lugar del acceso de los sectores populares al hábitat digno y a la ciudad.
The life human being and its new paradigms: the genetic manipulation and the implications in the sphere of the civil liability Da vida humana e seus novos paradigmas: a manipula o genética e as implica es na esfera da responsabilidade civil  [cached]
Ana Célia de Júlio Santos,Valkíria Aparecida Lopes Ferraro
Scientia Iuris , 2006,
Abstract: The analysis of the civil liability front to the nowadays biotechnological innovations allows the rescue of the questioning concerning about the true function of the Rights in the society, mainly in result of the speed of information and the constants scientific inventions of the world contemporary. In this dialogue between the scientific innovations and the legal adequacy to the behaviors is inferred that the Law cannot be waiting to concrete cases prescribe the subject. In contrast, the Law must bring efficient mechanisms to secure the contractual and extracontractual relations between the involved parts, and also to the society, especially if we think about the protection of the life of the future generations. In one way or in another way, its main objective continues being the protection of the basic rights, mainly the right to the worthy life. Such task is not easy, therefore the problem found in the present subject is that neither science has answers when it is inquired about the probable consequences of the research that involves the genetic manipulation in the vegetal cells and human beings cells. Obstruct such research does not become opportune, for the reason that is the hope for the cure of illnesses and bigger quality of life. On the other hand, “to play God” is preoccupying task because the damages that it can cause in the humanity. The global legislation, in the great majority, has not presented positions favorable to the genetic manipulation of cells of embryos. The present research aims to analyze the gaps left for the Law and the situations that greater complains attention: the question of the genetic damage and its recovery, especially with the application of the objective theory of the civil liability. A análise da responsabilidade civil frente às inova es biotecnológicas hodiernas permite o resgate do questionamento acerca da verdadeira fun o do direito perante a sociedade, principalmente em decorrência da velocidade de informa es e das constantes descobertas científicas do Mundo Contemporaneo. Nesse diálogo entre as inova es científicas e a adequa o jurídica aos comportamentos delas advindos, depreende-se que o direito n o pode mais ficar à espera de casos concretos para regulamentar o assunto. Ao contrário, deve o direito ter o cond o de trazer mecanismos assecuratórios eficientes às rela es contratuais e extracontratuais firmadas entre as partes envolvidas, e também da sociedade de forma geral, se pensarmos na prote o da vida das gera es futuras. De uma forma ou de outra, seu objetivo principal continua sendo a prote o dos
A renova o do marxismo e a ecologia
Mariana Silveira dos Santos Rosa
Revista Espa?o Acadêmico , 2011,
Abstract: Resenha: Silva, Michel Goulart da (org.). Marxismo e natureza: ecologia, história e política. Pará de Minas: Virtual Books, 2010.
A ecologia política e o futuro do marxismo
Lipietz Alain
Ambiente & Sociedade , 2003,
Abstract: A ecologia política representa o movimento por excelência capaz de transformar a realidade tendo por base a análise teórica, a militancia e a luta política. Militantes e intelectuais, advindos do movimento trabalhista, est o se encontrando no movimento ecológico. O artigo se prop e a debater a rela o entre o marxismo e a ecologia política, acentuando suas semelhan as e elementos que os marxistas estariam redescobrindo através da discuss o ecológica.
A pessoa humana e a doen a  [PDF]
Pacheco, José Eusébio Palma
Educa??o , 2005,
Abstract: Neste trabalho, procuramos fazer uma abordagem da pessoa humana e das suas inter-rela es no contexto da dicotomia saúde - doen a, com o enfoque na perspectiva humanista. Neste sentido, abordamos autores que contribuíram para uma vis o mais humanizada da rela o entre o profissional e o utente. é, assim, importante a forma o profissional nas profiss es de ajuda, que deve ter por base uma concep o holística - é esta uma premissa da rela o de juda -, como a uma pessoa a quem n o é possível ensinar a profiss o, mas a quem se facilita o processo de descoberta pessoal, aprendendo a utilizar-se como instrumento pedagógico. Pensamos que a constru o do sujeito é também feita por nós (o que está dentro da linha construtivista e da ecologia do desenvolvimento humano) bem como o nosso desenvolvimento pessoal e profissional. Por último, real amos a importancia dos padr es de conduta, hábitos ou estilos de vida, que mais do que as práticas isoladas, s o, em muitos casos, a causa dos efeitos sobre a saúde.
Responsabilidade social: o empreendedorismo e o social
Elisabeth Stradiotto
Revista Organiza??es em Contexto , 2005,
Abstract: Este trabalho concentra-se basicamente na análise de alguns pontos fundamentais que envolvem a responsabilidade social, aborda a quest o teórica e a importancia estratégica que esta assume em qualquer organiza o, caracterizando-se como ferramenta para obter informa o e avaliar a performance, especialmente das coorpora es empreendedoras.
Democracia, Elei es e Responsabilidade Política
Cheibub José Ant?nio,Przeworski Adam
Revista Brasileira de Ciências Sociais , 1997,
Abstract: O objetivo do artigo é examinar a validade empírica de duas proposi es, que se relacionam em virtude da defini o da democracia como regimes nos quais os governantes s o selecionados por meio de elei es regulares e competitivas: primeiro, que os regimes democráticos se caracterizam pela responsabilidade dos governantes perante os governados e, segundo, que as elei es funcionam como o mecanismo que produz esta responsabilidade. Para efeitos da análise, os autores consideram que os governantes s o politicamente responsáveis quando sua sobrevivência no poder depende do desempenho econ mico. Utilizando dados para 135 países observados, com algumas exce es, entre 1950 e 1990, estimam, ent o, a probabilidade de sobrevivência no poder de líderes democráticos e autoritários dada a dura o de seus governos e os resultados econ micos produzidos. Com base nesta análise os autores concluem que a afirma o de que a democracia induz à responsabilidade política é, no mínimo, ampla demais; que as elei es n o geram resultados econ micos nos regimes democráticos; e que a rela o entre democracia e elei es é menos do que definicional. Concluímos o artigo com considera es mais gerais que sugerem explica es plausíveis para os resultados encontrados e suas implica es para a teoria democrática.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.