oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Forma o interdisciplinar e sustentabilidade em cursos de administra o: desafios e perspectivas.
Jacques Demajorovic,Helio Cesar Oliveira Da Silva
Revista de Administra??o Mackenzie , 2012,
Abstract: A incorpora o da educa o para a sustentabilidade nos currículos formais, como instrumento que estimule os indivíduos à reflex o e à a o acerca dos desafios da sustentabilidade, tem se mostrado uma tarefa bastante complexa nos mais diferentes campos de conhecimento. Isso se evidencia, particularmente, quando se pensa nas estruturas dos currículos tradicionais dos cursos de administra o. Este artigo tem como objetivo identificar desafios para a integra o da sustentabilidade em cursos de administra o e como esse conhecimento influencia na trajetória profissional de egressos de um curso de Administra o com Linha de Forma o Específica em Gest o Ambiental. A metodologia empregada incluiu o envio de um questionário para as duas primeiras turmas de formandos do curso e a realiza o de um grupo focal para aprofundamento dos resultados levantados na primeira fase. Os resultados mostram que os alunos reconhecem as práticas interdisciplinares como elementos centrais em seu processo de forma o, considerando que elas contribuem para o desenvolvimento de competências profissionais significativas para um administrador com responsabilidade socioambiental. As competências mais mencionadas pelos egressos foram trabalho em equipe e negocia o com atores sociais. Entretanto, a pesquisa indica um grande desafio para esses egressos: o mercado continua a entender os desafios da sustentabilidade como um problema de caráter prioritariamente tecnológico, em detrimento das competências em gest o, levando a uma valoriza o de engenheiros e tecnólogos para atuar no campo da sustentabilidade. Nesse contexto, o desafio mostra-se muito maior do que apenas incorporar conteúdos de sustentabilidade na forma o de futuros administradores – requer também entender como administradores comprometidos com a quest o socioambiental podem se legitimar para viabilizar sua efetiva inser o nas organiza es.
Processo de forma o da(o) enfermeira(o) na contemporaneidade: desafios e perspectivas  [cached]
Mary Gomes Silva,Josicelia Dumêt Fernandes,Giselle Alves da Silva Teixeira,Rosana Maria de Oliveira Silva
Texto & Contexto - Enfermagem , 2010,
Abstract: El objetivo del presente artículo es reflexionar acerca del proceso de formación de los enfermeros en la actualidad. Se trata de una reflexión basada en una investigación bibliográfica en artículos publicados en las bases de datos LILACS y ScIELO, utilizando los siguientes descriptores: currículo, ense anza, educación, enfermería. Fueron encontrados 39 artículos, de los cuales se seleccionaron 25, por medio de la lectura de los respectivos resúmenes. A continuación, se utilizó el método de lectura científica para la organización del artículo en dos temas: los retos en la trayectoria de la educación en enfermería en el Brasil y, retos y perspectivas en la reorientación del proceso de formación de los enfermeros. Se reitera que la resistencia a los cambios, la poca reflexión sobre la docencia, el distanciamiento de los servicios de salud, el fortalecimiento de la clásica dicotomía entre el pensar y el hacer, presente en gran parte de la práctica docentes, son algunos de los retos a enfrentar y superar para mejora de la formación de los enfermeros en la actualidad.
Caminhos da forma o e profissionaliza o docente no Brasil: desafios e perspectivas na contemporaneidade  [cached]
Patrícia Rodrigues de Oliveira Kimura,Rita de Cássia Cabral Rodrigues de Fran?a,Ivany Pinto do Nascimento,Wilma de Nazaré Baía Coelho
Reflex?o & A??o , 2012,
Abstract: O presente artigo tem como objeto de estudo a forma o e profissionaliza o docente no Brasil. Apresenta como objetivo tra ar um breve panorama acerca da forma o de professores, apontando para a sua estreita rela o com a quest o da profissionaliza o docente, abordando um tema bastante pertinente para os estudos em educa o. Possui como referencial teórico-metodológico a revis o bibliográfica a partir de autores como Bonelli (1999), Nóvoa (1997), Ramalho, Nu ez e Gauthier (2004), Veiga (2005) e Weber (2003), que apontam para um contexto de reestrutura o do trabalho docente enquanto profiss o que busca afirmar a dimens o política e social de seu papel e o reconhecimento de sua especialidade em um campo de atua o específico. Abstract This article has as its object of study, training and professionalization of teachers in Brazil. Its objective is to outline a brief overview about the training of teachers, pointing to its close relationship with the issue of professionalization, it aims to broach a theme of enough pertinent for studies in education. It has as a theoretical and methodological reference the bibliographic review of the literature based on the authors such as Bonelli (1999), Nóvoa (1997), Ramalho, Nu ez e Gauthier; (2004), Veiga (2005) e Weber (2003), pointing to a context of restructuring of teaching as a profession which seeks to affirm the political and social dimension of its role and recognition of its expertise in a specific field of acting.
CURRíCULO, EDUCA O GEOGRáFICA E FORMA O DOCENTE: DESAFIOS E PERSPECTIVAS  [cached]
Sonia Maria Vanzella Castellar
Revista Tamoios , 2006,
Abstract: Pretendo, neste artigo, fazer uma breve análise das mudan as que ocorreram no currículo escolar, ou na concep o que norteia os parametros curriculares, em fun o das reformas educacionais que se implementaram a partir de 1996, bem como das perspectivas do ensino da geografia escolar.
A forma o de educadores no contexto das mudan as no mundo do trabalho: Novos desafios para as faculdades de educa o
Kuenzer Acacia Zeneida
Educa??o & Sociedade , 1998,
Abstract: Este artigo prop e-se a apresentar os novos desafios para as Faculdades de Educa o no que diz respeito aos impactos das mudan as ocorridas no mundo do trabalho para a forma o de professores. Estes impactos, por um lado, apontam para a necessidade de universaliza o da educa o básica com 11 anos de dura o, a exigir um concentrado esfor o de qualifica o de professores em nível universitário. Por outro, contraditoriamente, acabam por determinar políticas públicas de educa o e de forma o de professores que, em face da redu o dos fundos públicos e das políticas dos agentes financeiros internacionais, re-editam a diferencia o de propostas pedagógicas para incluídos e excluídos. Estas, sempre aligeiradas e de baixo custo, d o origem a uma proposta de forma o n o universitária nos mesmos moldes. Com base nesta análise, o artigo recupera as especificidades do trabalho do professor e apresenta um conjunto de propostas para a reorganiza o das Faculdades de Educa o.
Forma o profissional de obstetrizes e enfermeiras obstétricas: velhos problemas ou novas possibilidades?  [cached]
Riesco Maria Luiza Gonzalez,Tsunechiro Maria Alice
Revista Estudos Feministas , 2002,
Abstract: Refere-se às transforma es na forma o profissional de parteiras, obstetrizes e enfermeiras obstétricas no Brasil, desde a cria o dos cursos de parteiras vinculados às escolas médicas, no século XIX, até as mais recentes experiências, mediante cursos de especializa o em enfermagem obstétrica. Discute os modelos de forma o dos profissionais que existem em outros países, considerando tanto o ensino independente da obstetrícia como a modalidade vinculada aos cursos de enfermagem. Apresenta proposta de um curso de obstetrícia para ser oferecido por escolas de enfermagem.
EDUCA O: MUDAN AS, DESAFIOS E PERSPECTIVAS
Angela Barros Fonseca Berto,Patrícia Seixas Tinoco Rabelo,Shayane Ferreira dos Santos
Perspectivas Online : Humanas e Sociais Aplicadas , 2012,
Abstract: Este estudo teve como objetivo compreender as mudan as, os desafios e as perspectivas para a educa o nos tempos atuais. Três desafios nos impulsionaram neste estudo: a alfabetiza o, a inclus o e a participa o das famílias na vida escolar dos alunos. Fatores relativos à vida extra-escolar dos alunos impactam no aprendizado, o contexto familiar do qual a crian a se origina, a escolaridade dos pais, a valoriza o que a família atribui à escolariza o, a preocupa o com a boa trajetória dos filhos, o acompanhamento dos estudos e a participa o efetiva na vida escolar dos estudantes s o elementos centrais para um aprendizado eficiente. Neste contexto, a inclus o, em seu sentido mais amplo, se apresenta como um grande desafio. Muitas s o as realidades que coexistem na escola e precisam estar harmonicamente inseridas neste contexto de aprendizagem. Foi realizado um estudo bibliográfico referente aos desafios supracitados utilizando-se como principais nomes de referência Capovilla (2003), Ferreiro (1996), Oliveira (2004), Pereira (2005), Nérici (1972), Vygotsky (1984), Booth e Ainscow (2002), Sanchez (2003). Concluímos que é preciso preparar os alfabetizadores para que possam permitir que os aprendizes de leitores adquiram as competências necessárias antes de iniciarem o processo de alfabetiza o. é preciso também que a família busque se interessar pelo que acontece na escola, agindo politicamente, criando rotinas previsíveis e estruturadas em casa de forma a acompanhar o desempenho escolar das crian as. Além disso, faz-se necessário a cria o de um ambiente escolar inclusivo, que reconhe a e harmonize as diferen as existentes, sejam elas culturais, físicas, afetivas.
Rese a de "Participa o das Mulheres na Gest o do Esporte Brasileiro: desafios e perspectivas" de GOMES, Euza Maria de Paiva.  [cached]
Carolina de Campos Derós,Silvana Vilodre Goellner
Movimento , 2009,
Abstract: Se trata de la rese a del Libro Participa o das Mulheres na Gest o do Esporte Brasileiro: desafios e perspectivas, escrito por Euza Gomes y publicado por la editora Quartet y Faperj (2008). Tiene como objetivo analizar la investigación realizada así como sus contribuciones para el campo de los estudios sobre mujeres y deportes en Brasil.
Avalia o de políticas ambientais: desafios e perspectivas Environmental policies assessment: challenges and prospects  [cached]
Marcelo Prudente de Assis,Tadeu Fabrício Malheiros,Valdir Fernandes,Arlindo Philippi Jr
Saúde e Sociedade , 2012,
Abstract: O presente artigo tem como objetivo contribuir para o debate sobre a inser o da avalia o no ciclo das políticas ambientais no Brasil, discutindo desafios e perspectivas que se apresentam. Para tanto, é feito um resgate histórico da evolu o da avalia o, discutindo o conceito, classifica o e usos da avalia o e finalmente a avalia o de políticas ambientais, com base nos pressupostos de que ferramentas desenvolvidas para a avalia o de políticas sociais podem ser adaptadas para avaliar políticas ambientais, e ferramentas da área ambiental também podem contribuir para o avan o do campo de estudo. As conclus es mostram que os desafios s o grandes, principalmente na obten o de dados. Em um primeiro momento, talvez n o seja possível avaliar impactos de forma ampla, mas é importante avaliar critérios relativos à transparência, equidade e legitimidade, bem como reconstruir as teorias de implementa o. O uso automático dos resultados é pouco provável, mas se a avalia o faz parte de um arcabou o mais amplo de melhoria da gest o pública, eles repercutem no aperfei oamento das políticas. This article aims to contribute to the debate about the role of assessment in the cycle of environmental policies in Brazil discussing the challenges and prospects for the advancement of the tool. For this purpose we made a historical survey of assessment, discussing the concept, classification and uses and finally the assessment of environmental policies based on the assumptions that developed tools for assessment social policies can be adapted to assess environmental policies and tools of environmental field as the Strategic Environmental Assessment can also contribute to advancing the field of study. The findings show that the challenges are great, especially in obtaining data. At first it may not be possible to evaluate impacts broadly, but it is important to assessment criteria relating to transparency, equity and legitimacy, as well as reconstructing the implementation theories. The automatic use of the results is unlikely, but if evaluation is part of a broader framework for improving public management, they have repercussions on policy improvements.
O processo de orienta o vocacional frente ao século XXI: perspectivas e desafios  [cached]
Josemberg M. de Andrade,Girlene R. de Jesus Maja Meira,Zandre B. de Vasconcelos
Psicologia: Ciência e Profiss?o , 2002, DOI: 10.1590/s1414-98932002000300008
Abstract: Este trabalho tem como objetivo discutir as perspectivas e desafios do processo de orienta o vocacional (OV) frente ao século XXI. A OV, ao ajudar o indivíduo a encontrar uma identidade profissional, auxilia na estrutura o de sua identidade pessoal, favorecendo a elabora o de um projeto de vida. O desenvolvimento da ciência e da tecnologia operacionaliza mudan as acentuadas no mercado de trabalho, fazendo com que este esteja sempre em uma contínua mudan a. A nova realidade que vem se delineando no contexto brasileiro exige que a OV se adapte às mudan as sociais. Assim, alguns aspectos devem ser considerados e analisados com a finalidade de se alcan ar a eficácia na OV, entre eles: o papel do profissional, que deve estar ciente da postura ética que deve assumir e a real finalidade da OV, que n o deve apenas informar sobre as profiss es, e sim, trabalhar o autoconhecimento e a quest o da escolha em si. This work has the objective of discussing the perspectives and challenges of the vocational orientation process (VO) towards the XXI century. The VO process, helping the individual to find a professional identity, aids on the structuring of his/her personal identity, favoring a life project elaboration. The science and technology development produces accentuated changes in the labor market, and causes its continuous change. The new reality, which is delineated in the Brazilian context, demands that the VO adapts itself to the social changes. Thus, some aspects should be considered and analyzed with the purpose of reaching the effectiveness in VO, among them: the professional’s role that should be aware of the ethical posture which he should assume and the real purpose of VO, that should not just inform about the professions, but it should work the self-knowledge and the question of the choice in itself.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.