oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Administra o pública e gest o social: a produ o científica brasileira entre 2000 e 2005 Public sector management and social management: brazilian scientific production between 2000 and 2005
Ant?nio Jo?o Hocayen-da-Silva,Luciano Rossoni,Israel Ferreira Júnior
Revista de Administra??o Pública , 2008, DOI: 10.1590/s0034-76122008000400002
Abstract: Nos últimos anos, observa-se grande esfor o dos pesquisadores em fazer um balan o crítico das publica es científicas em diversas disciplinas. Porém, algumas áreas foram pouco contempladas, como a administra o pública e gest o social. Buscando preencher essa lacuna, este artigo apresenta um quadro geral da produ o científica em administra o pública e gest o social com base nos dados levantados em 549 artigos publicados nos anais do Enanpad, entre os anos de 2000 e 2005. As variáveis analisadas em cada artigo foram: número de autores por artigo; institui o e estado de origem dos autores; propor o de trabalhos teóricos e empíricos; e método e estratégia de pesquisa. Verificou-se que a média de autores por artigo vem crescendo. A maioria enquadrou-se como teórico-empírico (76,1%). Dos artigos teórico-empíricos, aproximadamente 67% utilizaram o método qualitativo, com predomínio do estudo de caso (55,7%) como estratégia de pesquisa; porém o uso do método quantitativo vem aumentando. Entre as institui es de origem dos autores, cinco se destacaram como as mais prolíficas, respondendo por aproximadamente 50% dos artigos publicados no período; e cerca de 56% dos artigos concentraram-se em três estados do país. Over the past few years, there has been a great effort from researchers to compile a critical assessment of scientific publications from several fields of knowledge. However, public sector management and social management have not been covered as much as other fields. In order to fill the gap, this article presents a framework of the scientific production in public management and social management based on data gathered from 549 papers published in the Enanpad proceedings between 2000 and 2005. The variables analyzed in each paper were: the number of authors per paper; the institution and state of origin of the authors; the ratio of theoretical and empirical papers; the method and research strategy used. It was found that the average number of authors per paper is growing. Most of these papers were categorized as 'theoretical-empirical'. Within the theoretical-empirical papers, approximately 67% were of qualitative nature, predominantly case studies (55,7%) as the main research method, although it can be suggested there is a growth of quantitative methods. Among the authors' institutions or origin, five can be highlighted as the most productive, responsible for approximately 50% of the papers published within that time-frame, and around 56% of the papers can be narrowed down to three states in the country.
Implica es das mudan as tecnológicas para a administra o pública brasileira: o caso Ministério da Fazenda  [cached]
Fernando Guilherme Tenório,Paulo N. Figueiredo,Eduardo Barbuto Bicalho,Giane Cristina dos Reis
Cadernos EBAPE.BR , 2004, DOI: 10.1590/s1679-39512004000200011
Abstract: Este estudo tem como objetivo examinar algumas das implica es das mudan as tecnológicas na administra o pública brasileira, particularmente no Ministério da Fazenda, do início do século XIX (de forma mais superficial) até as últimas décadas do século XX, com ênfase no período pós-1930. A pesquisa se baseia num estudo de caso isolado, a partir de evidências qualitativas colhidas de fontes secundárias. Foi constatado que as mudan as tecnológicas influenciaram a gest o administrativa do Ministério da Fazenda, particularmente desde 1980, década a partir da qual a globaliza o se faz sentir mais fortemente, fruto do desenvolvimento das tecnologias da informa o, o que levou a um aceleramento do paradigma tecnológico na administra o pública brasileira; mais concretamente, no Ministério da Fazenda.
Publicidade e Transparência das Contas Públicas: Obrigatoriedade e Abrangência desses Princípios na Administra o Pública Brasileira
Orion Augusto Platt Neto,Flávio da Cruz,Sandra Rolim Ensslin,Leonardo Ensslin
Contabilidade Vista & Revista , 2007,
Abstract: Este artigo tem o objetivo de caracterizar a obrigatoriedade e a abrangência dosprincípios da publicidade e da transparência na administra o pública brasileira, comenfoque na divulga o das contas públicas. No Brasil, a transparência é considerada umprincípio da gest o fiscal responsável que deriva do princípio constitucional da publicidade.Todavia, a transparência é um conceito mais amplo do que a publicidade, isso porque umainforma o pode ser pública, mas n o ser relevante, confiável, oportuna e compreensível.A pesquisa foi realizada seguindo uma abordagem qualitativa. Foi realizada uma revis o deliteratura visando formar a base conceitual e legal para a abordagem do problema. Apesquisa revelou a deriva o legal, as fun es e a abrangência dos princípios da publicidadee da transparência aplicados a evidencia o das contas públicas. Constatou-se também quea Internet constitui uma forma emergente para a divulga o das contas públicas, com maiordestaque a partir da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei no 9.755/98. Por fim, ressaltaseque mais do que garantir o atendimento das normas legais, as iniciativas de transparênciana administra o pública constituem uma política de gest o responsável que favorece oexercício da cidadania pela popula o. Portanto, a compreensibilidade dos dados e dasinforma es pelos usuários é uma condi o indispensável.
Gest o e servi o: gest o como administra o nas organiza es religiosas e sem fins lucrativos.  [cached]
Geoval Jacinto da Silva,Otoniel Luciano Ribeiro
Caminhando , 2010,
Abstract: O ensaio é um estudo que se prop e refletir sobre gest o nas organiza es religiosas e sem fins lucrativos. O mesmo está constituído de matizes pastorais a partir da práxis religiosa. O artigo pretende responder a quest o: o que é “gest o eclesiástica?”, até ent o conhecida como “administra o eclesiástica”.
A EVOLU O DA APLICA O DO PLANEJAMENTO ESTRATéGICO SITUACIONAL NA ADMINISTRA O PúBLICA MUNICIPAL BRASILEIRA: O CASO SANTO ANDRé
Hamilton Luiz Correa,Flávio Hourneaux Junior,Francisco Sobreira Netto,Antonia Egídia de Souza
Gest?o & Regionalidade , 2007,
Abstract: O artigo apresenta a evolu o do processo de gest o estratégica com a aplica o da metodologia do Planejamento Estratégico Situacional – PES na Prefeitura Municipal de Santo André, considerando dois períodos distintos: inicialmente, de 1990 a 1996, e no período seguinte, que vai de 1997 a 2004. Trata-se de uma pesquisa exploratório-descritiva, com a utiliza o do método do estudo de caso,apresentando uma experiência de destaque na Administra o Pública direta brasileira. Apresenta, ainda, alguns dos conceitos básicos da administra o estratégica na Administra o Pública; arrola as principais características da metodologia do PES, criado por Carlos Matus, a partir de suas experiências no governo chileno; exp e os avan os e as dificuldades obtidas pelo Executivo municipal com a implementa o do PES, em duas fases distintas; e, finalmente, apresenta algumas conclus es, com destaque para a proposta de ado o de um modelo híbrido, no qual o PES e o Balanced Scorecard podemser complementares.
Novos caminhos da administra o pública brasileira  [PDF]
Klering, Luis Roque,Porsse, Melody de Campos Soares,Guadagnin, Luís Alberto
Análise , 2010,
Abstract: O objetivo do presente artigo é apresentar a evolu o dos modelos de administra o pública, considerando os três modelos básicos (patrimonialista, burocrático e gerencial), mas também destacando importantes tendências recentes de governo do Brasil, que apontam para a configura o de um modelo mais sistêmico, operado via programas multiníveis e multiesferas de governo. Para tanto, o artigo realiza um levantamento das características centrais (ou do modus operandi) da administra o pública brasileira até 1994, perpassando os períodos de governos patrimonialistas e burocráticos, até o fim do governo de Itamar Franco, quando é instituída a Reforma do Estado Brasileiro, em 1995. A partir do segundo período de governo FHC (1999-2002) e do governo Lula (mandatos 2003-2006 e 2007-2010), ocorrem iniciativas que sinalizam para a constitui o de um modelo de governo brasileiro mais sistêmico, viabilizado por múltiplos programas intergovernamentais, envolvendo a es de diferentes níveis e esferas de governo, e da sociedade civil. O artigo ent o destaca algumas experiências mais recentes, que ilustram a tendência para a conforma o de um governo brasileiro mais sistêmico, especialmente via amplia o de programas federais tripartites ou n-partites, como o Sistema único de Saúde (SUS), Rede Integrada de Equipamentos Públicos de Seguran a Alimentar e Nutricional (REDESAN) e Territórios da Cidadania, que s o desenvolvidos ao mesmo tempo por diferentes atores governamentais e sociais, visando a atingir assim maior sinergia e efetividade nas a es.
A administra??o pública brasileira e as vicissitudes do paradigma de gest?o gerencial
Ayres,Carlos Buenos;
Sociologia, Problemas e Práticas , 2006,
Abstract: this article deals with the issue related to the adoption of the managerial administration model in the brazilian public sector. it accentuates the possible angles of analysis and interpretation, on the basis of which an attempt is made to understand public administration of a managerial type, especially in its relationship with important topics dealt with by public law. taking a specific classical periodization of administrative law as its analytical point of reference, the article speculates on the durability of the present source of legitimacy, namely, the effectiveness of management methods and techniques in the context of an administration that is driven by a posteriori objectives and assessment - with an emphasis on the ability of the latter to guarantee net reserves of socio-political loyalty to the signatories of governmental power.
Alguns Princípios Constitucionais e Administrativos na Administra o Pública Brasileira  [cached]
Francisco de Salles Almeida Mafra Filho
Espa?o Jurídico : Journal of Law , 2011,
Abstract: Estudam-se os princípios em seus diferentes significados. Entre eles, os princípios que o bom administrador público deve observar: legalidade, moralidade, impessoalidade, razoabilidade, publicidade e a eficiência. Improbidade administrativa e penalidades por desobediência aos princípios jurídicos da Administra o Pública brasileira. Além dos princípios constitucionais, s o abordados os seguintes princípios administrativos: Razoabilidade; Proporcionalidade; Preponderancia do interesse público sobre o interesse particular; Indisponibilidade do interesse público. Continuidade. Presun o de legalidade e veracidade; Autoexecutoriedade; Autotutela administrativa; Motiva o. Palavras-chave: Princípios. Normas gerais. Aplica o. Administra o Pública. Constitui o.
Trajetória recente da gest o pública brasileira: um balan o crítico e a renova o da agenda de reformas Recent trajectory of the Brazilian public management: a critical assessment and the renewal of the reform agenda
Fernando Luiz Abrucio
Revista de Administra??o Pública , 2007, DOI: 10.1590/s0034-76122007000700005
Abstract: Este artigo reconstitui, em linhas gerais, a trajetória da administra o pública brasileira nos últimos 20 anos, analisando tanto os principais avan os e novidades, quanto os erros de condu o das reformas e os problemas de gest o que ainda persistem. Após fazer um balan o que percorre a Nova República, a era Collor, o projeto Bresser e o governo Lula, o texto apresenta uma proposta de quatro eixos estratégicos para a moderniza o do Estado diante dos desafios do século XXI. This article retraces, in broad terms, the trajectory of the Brazilian public administration in the last 20 years. It analyzes the main advances and innovations as well as the mistakes made while conducting the reforms and the management issues that still remain. After assessing a period that covers the New Republic, the Collor era, the Bresser project and the Lula government, the article proposes four strategic axis for modernizing the state, facing the challenges of the 21st century.
Didática da Gest o do Conhecimento em Cursos de Gradua o em Administra o
Adelcio Machado dos Santos,Fernando José Spanhol,Francisco Ant?nio Pereira Fialho,Rudimar Antunes da Rocha
Revista de Ciências da Administra??o : RCA , 2009,
Abstract: Na sociedade da informa o, o conhecimento se transforma no fator-chave da economia pós-industrial e no principal determinante da mudan a ocupacional. Por isso, a Gest o do Conhecimento se configura como uma importante metodologia à disposi o das organiza es e contribui para criar, compartilhar e disseminar o conhecimento no intento de auxiliá-la a enfrentar da melhor forma possível as for as que o ambiente exerce. A Gest o do Conhecimento está inserida na educa o superior, de modo que a didática voltada para a Gest o do Conhecimento deve focar o ensino multidisciplinar e reflexivo. No ensino da Gest o do Conhecimento a rela o pedagógica n o deve se configurar de forma unidirecional, mas sim permitir a participa o do aluno, constituindo-se o professor como um facilitador do processo de aprendizado. Este artigo, pautado pelo método dedutivo, tem por objetivo analisar o papel da didática da Gest o do Conhecimento no ambito dos Cursos de Gradua o em Administra o, colhendo a conclus o de sua relevancia para o desenvolvimento das competências normatizadas para o profissional egresso do aludido curso.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.