oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
Evidências de validade da Bateria Informatizada de Linguagem Oral com prova de raciocínio
Joly, Maria Cristina Rodrigues Azevedo;Piovezan, Nayane Martoni;
Estudos de Psicologia (Campinas) , 2012, DOI: 10.1590/S0103-166X2012000400005
Abstract: the aim of this study was to relate the understanding of oral language to the ability to reason, in order to seek correlational validity evidence of the computerized oral language battery (bateria informatizada de linguagem oral) by association with the columbia mental maturity scale. the participants were 82 schoolchildren between 5 and 9 years of age (m=7.05, sd=1.25). they attended pre-school (31.7%),1st (32.9%) and 2nd (35.4%) grades of elementary public school in s?o paulo and 47.6% of whom were girls. the bateria informatizada de linguagem oral was applied collectively in the school informatics laboratory and the columbia mental maturity scale, individually. analysis of variance for the series, indicated significant statistics differences for the scores of morphosyntactic prove, logical sequence prove, logical organization prove and for the total score of bateria informatizada de linguagem oral. regression analysis revealed that general reason represents 29% of the skills needed to perform well in bateria informatizada de linguagem oral. there was low, but very significant correlation between total scores of bateria informatizada de linguagem oral and columbia mental maturity scale. these results indicated validity evidences to bateria informatizada de linguagem oral.
Capacidade funcional e linguagem de idosos n o-participantes e participantes de grupos de interven o multidisciplinar na aten o primária à saúde Functional ability and language of participant and non-participant elderly in groups of multidisciplinary intervention in primary health care
Aluísia Guerra Albuquerque,Giselle Simas Montarroyos de Oliveira,Vanessa de Lima Silva,Cynthia Barboza do Nascimento
Revista CEFAC , 2012,
Abstract: OBJETIVO: verificar e comparar a capacidade funcional e a linguagem de idosos participantes e n o-participantes de grupos com interven o multidisciplinar na aten o primária à saúde. MéTODO: participaram do estudo 60 indivíduos maiores de 60 anos ou mais de ambos os sexos, residentes na área de cobertura de duas Unidades de Saúde da Família do Município de Camaragibe/PE. O estudo foi descritivo, observacional, transversal e foi realizado no período de maio a setembro de 2010. Para a coleta dos dados foi utilizado um questionário socioecon mico e demográfico pré-estruturado, além dos protocolos de avalia o das Atividades Instrumentais de Vida Diária e o Mini-Exame de Estado Mental, para avalia o da linguagem. RESULTADOS: a maioria dos idosos avaliados encontra-se na faixa etária de 60-69 anos, é do sexo feminino, da ra a/cor branca, casado(a), analfabeto, com renda de um a dois salários mínimos. Na avalia o da capacidade funcional de idosos participantes e n o-participantes de grupos revelou que 90% e 80% s o independentes em rela o às atividades instrumentais de vida diária, respectivamente. Em rela o à linguagem, 10% dos idosos participantes de grupo apresentaram déficit contra apenas 6,7% dos idosos n o-participantes. CONCLUS O: há necessidade de estudos com amostras populacionais maiores na tentativa de comprovar os efeitos positivos das atividades de grupo, como diz a literatura, e ainda realizar novos estudos sobre a influência da linguagem na capacidade funcional dos idosos, a fim de encontrar relevancia estatística dos dados e assim poder planejar e melhorar o atendimento às necessidades e os problemas decorrentes do envelhecimento. PURPOSE: to check out and compare the functional ability and the language of participants and non-participating elderly in groups of multidisciplinary intervention in primary health. METHOD: studied participants were 60 subjects over 60 year old of both genders, resident in the coverage of both units of Family Health in the City of Camaragibe/PE. The study was a descriptive, observational, cross one and was conducted from May to September 2010. To collect the data we used a socioeconomic and demographic pre-structured questionnaire, and protocols for assessing the Instrumental Activities of Daily Living scale and Mini-Mental State Examination in order to assess language status. RESULTS: most of the patients are evaluated in the age group of 60-69 year-old female Caucasian, married, an illiterate, and income of two minimum wages. In assessing the functional ability of participant and nonparticipants elderly group
Perfil psicomotor da crian a com perturba o específica da linguagem e Dislexia  [cached]
Dias Tania,Helena Mesquita
Revista Educa??o Especial , 2013, DOI: 10.5902/1984686x5646
Abstract: Projetando-se para além da ideia do corpo organico e expressivo e, cimentando uma estreita rela o entre motricidade, cogni o e linguagem, as atuais práticas de Psicomotricidade alcan am um novo campo concetual. Neste artigo, de natureza qualitativa, pretendeu-se tra ar o perfil psicomotor de uma crian a de 8 anos com Perturba o Específica da Linguagem (PEL) e Dislexia, através da aplica o da Bateria de Observa o Psicomotora (BPM) de Vítor da Fonseca e correlacioná-lo com o perfil cognitivo e linguístico. Através da triangula o dos resultados obtidos nos testes psicomotores, cognitivos e linguísticos corroboraram-se os dados encontrados na literatura, que apontam claramente para a existência de co-morbilidade entre PEL, Dislexia e altera es no perfil psicomotor, demonstrando, assim, uma forte correla o entre psicomotricidade, cogni o e linguagem. Por conseguinte, torna-se urgente e exequível sensibilizar a família, os técnicos de saúde e da educa o para a necessidade de uma interven o multidisciplinar, nas áreas da psicomotricidade e linguagem, quer a nível profilático quer reabilitativo. Palavras-chave: Bateria de observa o psicomotora; Perturba o específica da linguagem; Dislexia.
Processo de adapta??o da bateria Montreal de avalia??o da comunica??o: bateria MAC - ao português brasileiro
Fonseca, Rochele Paz;Parente, Maria Alice de Mattos Pimenta;C?té, Hélène;Joanette, Yves;
Psicologia: Reflex?o e Crítica , 2007, DOI: 10.1590/S0102-79722007000200012
Abstract: this research aims to present the adaptation of the "protocole montréal d'évaluation de la communication - protocole mec" (montreal communication evaluation battery - mac battery) to brazilian portuguese, in accordance with psycholinguistics criteria. mac battery is a canadian instrument constructed to evaluate right hemisphere communicative and linguistic abilities, considering four processing domains: discoursive, pragmatic-inferential, lexical-semantic and prosodic. the participants were six translators, three specialist judges, 54 non-specialist judges and 16 subjects from pilot studies. adaptation procedures included translation, judge analysis of psycholinguistics criteria and two pilot tests. some tasks required a harder stimulus adaptation process - metaphor interpretation, narrative discourse and semantic judgement - focusing a main finality: to keep each task's objective as idealized in the original instrument. this neuropsychological test can be used to evaluate communication abilities of patients with right brail damage, frontal lesion, traumatic brain injury and dementia.
Etoposide e dexametasona como primeira linha em idosos com comorbidades portadores de Linfoma Difuso de Grandes Células B
Costa, Renata O.;Hallack Neto, Abrah?o E.;Chamone, Dalton A. F.;Pereira, Juliana;
Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia , 2009, DOI: 10.1590/S1516-84842009000100015
Abstract: pacientes idosos com linfoma difuso de grandes células b (ldgcb) s?o frequentemente excluídos de estudos clínicos. a utiliza??o de terapias curativas muitas vezes é impossibilitada em virtude das comorbidades apresentadas por esta popula??o ao diagnóstico. nós adotamos um protocolo alternativo de quimioterapia oral combinando um inibidor da topoisomerase ii e dexametasona. apresentamos os resultados parciais com este protocolo em três pacientes portadores de ldgcb com idade superior a 80 anos e comorbidades severas. todos alcan?aram remiss?o completa com baixa toxicidade. esses resultados demonstram que protocolos curativos alternativos devem ser testados em pacientes idosos portadores ldgcb a despeito da presen?a de comorbidades severas.
Apresentando um instrumento de avalia??o da comunica??o à Fonoaudiologia Brasileira: Bateria MAC
Fonseca, Rochele Paz;Parente, Maria Alice de Mattos Pimenta;C?té, Hélène;Ska, Bernadette;Joanette, Yves;
Pró-Fono Revista de Atualiza??o Científica , 2008, DOI: 10.1590/S0104-56872008000400014
Abstract: background: an assessment instrument to evaluate communication impairment after right brain damage: the montreal communication evaluation battery, an adapted brazilian version of the original canadian instrument - protocole montréal d'évaluation de la communication. instruments that evaluate discursive, pragmatic, lexical-semantic and prosodic impairments are important for the diagnosis of communication disorders which are present in approximately 50% of the individuals with right brain damage. systematic studies of the communication profile after lesions on this side of the brain have been carried out only during the last two decades. aim: to present the montreal communication evaluation battery to brazilian speech therapists. conclusion: the described instrument is an useful tool in the clinic for assessing four processes related to the communicative and linguistic abilities: discursive, pragmatic-inferential, lexical-semantic and prosodic components. it is has been normalized, validated and its reliability has been confirmed. although this instrument was developed and adapted for diagnosing communication disorders in individuals with right brain damage people, it can also be helpful in investigating communication sequels in traumatic brain injury, dementia, bilateral frontal lesions, left-brain damage, psychopathologies, such as schizophrenia, among others.
Sonoridade - elemento integrante da linguagem e cultura radiof nica  [cached]
Graziela Soares Bianchi
Ciberlegenda , 2011,
Abstract: A participa o da sonoridade na constitui o da linguagem e cultura radiof nica é abordada nesse artigo. O pensamento aqui desenvolvido é parte de uma pesquisa mais abrangente, que relacionou a trajetória de escuta radiof nica, com todos os seus elementos constituintes, a partir da escuta de ouvintes hoje idosos, que acompanharam o desenvolvimento do rádio desde seus primórdios. Pretende-se aqui, de um ponto de vista teórico, relacionar e refletir sobre alguns dos elementos que estruturam a sonoridade do rádio.
Avalia o da qualidade de vida em idosos portadores de diabetes Mellitus Tipo 2
Luciana Araújo Reis,Gilson de Vasconcelos Torres,Luana Araújo dos Reis,Lucimeire de Souza Oliveira
Ciência & Desenvolvimento , 2010,
Abstract: Objetivo: Este estudo tem por objetivos, caracterizar os idosos portadores de Diabetes Mellitus tipo 2 e conhecer os domínios de qualidade de vida destes clientes idosos cadastrados no Programa Hiperdia do centro de Saúde Sebasti o Azevedo no município de Jequié-BA. Métodos: Trata-se de um estudo descritivo, sendo a amostra constituída por idosos portadores de DM Tipo 2 com bom estado mental, assíduos ao servi o de hiperdia e comprometidos com o seu tratamento. O instrumento utilizado foi o questionário WHOQOL-Bref, proposto pela Organiza o Mundial de Saúde. Os dados coletados foram analisados segundo orienta o da estatística descritiva. Resultados: Os resultados apontam que 40% dos idosos questionados definem a sua qualidade de vida como nem ruim e nem boa; 50% relatam interferência da dor na realiza o de suas atividades diárias; 75% precisam de bastante cuidados de saúde no seu dia-dia; 60% dos idosos relatam ter pouquíssima oportunidade de lazer, e em rela o aos sentimentos negativos 60% relatam apresentar tal sensa o. Conclus o: Percebem-se as necessidades de aprofundamento de estudos utilizando este como subsídio para repensar a prática e/ou haver adequa o do instrumento para referida popula o.
POLIDEZ E LINGUAGEM: PERSPECTIVAS  [cached]
TAíSA PERES DE OLIVEIRA
Signótica , 2004, DOI: 10.5216/sig.v16i2.3746
Abstract: Tendo em vista o papel da polidez nas intera es sociais, entre elas a comunica o, neste trabalho pretende-se discutir a estreita rela o entre polidez e linguagem, destacando os principais conceitos que conduzem, atualmente, os estudos da polidez na lingüística. Assim, consideraremos as principais correntes que se ocupam desse fen meno, levantando os pontos mais relevantes de cada uma no estudo da rela o entre polidez e linguagem.
Babesiose em cavalos atletas portadores  [cached]
Botteon Paulo de Tarso Landgraf,Botteon Rita de Cássia Campbell Machado,Reis Tatiana Pessoa dos,Massard Carlos Luiz
Ciência Rural , 2005,
Abstract: Este trabalho teve como objetivo avaliar a ocorrência clínica da babesiose em equinos atletas e sua importancia no desenvolvimento de doen as intercorrentes. No período de 12 meses, foram avaliados 38 cavalos, identificados como portadores de Babesia equi através do teste de imunofluorescência indireta, participantes de uma das modalidades esportivas: adestramento (n=7); salto (n=8); Concurso Completo de Equita o (n=11) e Pólo (n=12). No período estudado, foram diagnosticados 11 casos clínicos devido a B. equi, o que corresponde a uma incidência de 28,9%. Avalia o clínica e exames hematológicos permitiram identificar queda de desempenho em 5 de 11 animais estudados e ocorrência de anemia em 8 animais avaliados, com diminui o nos valores de eritrócitos, volume globular e concentra o da hemoglobina. No período de convalescen a, seis dos eqüinos que apresentaram babesiose clínica acidentaram-se, passando a apresentar problemas como claudica o, mialgias, lombalgias ou escoria es e um sofreu fratura de jarrete. Houve intera o significativa entre babesiose clínica e a ocorrência de claudica o (P=0,0372) e queda de desempenho (P=0,0009).
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.