oalib
Search Results: 1 - 10 of 100 matches for " "
All listed articles are free for downloading (OA Articles)
Page 1 /100
Display every page Item
A FAMíLIA NA UNIDADE DE PEDIATRIA: PERCEP ES DA EQUIPE DE ENFERMAGEM ACERCA DA DIMENS O CUIDADORA LA FAMILIA EN LA UNIDAD DE PEDIATRíA: PERCEPCIONES DEL EQUIPO DE ENFERMERíA ACERCA DE LA DIMENSIóN CUIDADORA FAMILY IN THE PAEDIATRICS UNIT: NURSING TEAM'S PERCEPTION ABOUT THE CARING DIMENSION  [cached]
Lenice Dutra De Sousa,Giovana Calcagno Gomes,Mara Regina Santos Da Silva,Cristiano Pinto Dos Santos
Ciencia y Enfermería : Revista Iberoamericana de Investigacíon , 2011,
Abstract: Este estudo teve por objetivo identificar o significado do cuidado à família da crian a hospitalizada para a equipe de enfermagem da unidade de pediatria de um hospital universitário do sul do Brasil. Foram participantes da pesquisa: cinco enfermeiras, três técnicas de enfermagem e duas auxiliares de enfermagem. Foram seguidos todos os preceitos éticos que regem as pesquisas com seres humanos. Os dados foram coletados em novembro de 2006 por meio de entrevistas semi-estruturadas e analisados segundo o Método hermenêutico-dialético. Os resultados demonstram que os profissionais reconhecem que a família possui necessidades, sendo parte indissociável da assistência. Também foi possível verificar que apesar de ainda haver uma forte tendência a valorizar os aspectos técnicos e mecanicos da assistência representados pelos cuidados diretos, a equipe de enfermagem realiza uma série de cuidados indiretos que visam uma abordagem integral e humanizada. Conclui-se que é necessário que a equipe de enfermagem que presta assistência à crian a internada empreenda com dinamismo sua aten o para o provimento das necessidades do familiar, afastando-se, portanto, de um modelo tecnicista, mecanicista, valorizando dessa forma o seu fazer, tornando-o mais visível e humanizado. El objetivo del estudio fue identificar el significado del cuidado a la familia de ni os hospitalizados para el equipo de enfermería de la unidad pediátrica de un hospital universitario en el sur de Brasil. Los participantes de la investigación fueron: cinco enfermeras, tres técnicas en enfermería y dos auxiliares de enfermería. Fueron seguidos todos los preceptos éticos que rigen las investigaciones con seres humanos. Los datos fueron recolectados en noviembre de 2006 a través de entrevista semiestructurada y analizados según el método hermenéutico-dialéctico. Los resultados muestran que los profesionales reconocen que la familia tiene necesidades, siendo parte inseparable de la asistencia. Aunque fue posible verificar que a pesar de haber una fuerte tendencia a valorar los aspectos técnicos y mecánicos de la asistencia representados por los cuidados directos, el equipo de enfermería realiza una serie de cuidados indirectos dirigidos a un abordaje global y humanizado. Se concluye que es necesario que el equipo de enfermería que presta asistencia a ni os hospitalizados emprenda con dinamismo su atención para cubrir las necesidades de sus familiares, apartándose así de un modelo técnico y mecánico, valorando su hacer, volviéndose más visible y humanizado. The goal of this study was to identify the meaning
Sofrimento psíquico da equipe de enfermagem na assistência à crian a hospitalizada  [cached]
Juliane Pagliari,Neusa Collet,Beatriz Rosana Gon?alves de Oliveira,Cláudia Silveira Viera
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2008,
Abstract: Essa pesquisa objetivou apreender o sofrimento psíquico da equipe de enfermagem que assiste à crian a hospitalizada e identificar a presen a de sofrimento psíquico e as estratégias defensivas utilizadas pelos trabalhadores na dinamica do trabalho. Os dados empíricos foram coletados por meio de entrevista e observa o participante com profissionais de enfermagem do alojamento conjunto pediátrico de um hospital público no Oeste do Paraná, no período de 2003 a 2005, analisados qualitativamente por meio de uma organiza o dos dados em ordem determinada englobando o conjunto do material coletado, uma classifica o inicial seguida da leitura repetida dos textos e classifica o e reagrupamento dos temas relevantes determinando as unidades de análise. Observamos que o sofrimento psíquico ocorre em decorrência da organiza o do trabalho, da falta de recursos materiais e humanos, do n o reconhecimento da institui o frente ao trabalho realizado, do relacionamento conflituoso entre profissionais da equipe de enfermagem com as crian as, com a família e com a equipe multiprofissional. Os mecanismos de defesa mais evidenciados foram fuga, nega o e banaliza o. Os sentimentos desencadeados s o estresse e ansiedade. Salienta-se a necessidade de repensar a forma de organiza o do trabalho na assistência à crian a hospitalizada.
A FAMíLIA NA UNIDADE DE PEDIATRIA: PERCEP??ES DA EQUIPE DE ENFERMAGEM ACERCA DA DIMENS?O CUIDADORA
Dutra De Sousa,Lenice; Calcagno Gomes,Giovana; Santos Da Silva,Mara Regina; Pinto Dos Santos,Cristiano; Tarouco Da Silva,Bárbara;
Ciencia y enfermería , 2011, DOI: 10.4067/S0717-95532011000200010
Abstract: the goal of this study was to identify the meaning of care to the hospitalised child’s family for the nursing team of the paediatrics unit of an academic hospital in southern brazil. five nurses, three nursing technicians and two nursing assistants took part in this research. all of the ethical precepts that rule the researches with human beings were followed. data were collected in november of 2006 through semi-structured interviews and analysed according to the dialectic-hermeneutic method. results demonstrate that professionals recognize that the family has needs, which are an in dissociable part of the assistance. it was still possible to conclude that even though there is still a strong tendency to assess the technical and mechanical aspects of the attendance represented by the direct care, the nursing team accomplishes a series of indirect care that aim at an integral and humanised approach. it is concluded that is necessary that the nursing team which renders attendance to the interned child undertake with dynamism its attention for the provision of the relative’s needs, moving away, therefore, of a technical and mechanic model, and in this way assessing what it does, making its work more visible and humanised.
Crian a hospitalizada: m e e enfermagem compartilhando o cuidado  [cached]
Collet Neusa,Rocha Semiramis Melani Melo
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2004,
Abstract: Nesta pesquisa objetivou-se verificar em que momento, em quais cuidados e de que forma as m es s o incluídas na assistência à crian a hospitalizada e verificar como acontece a negocia o dos cuidados entre a equipe de enfermagem e m es. A pesquisa de campo foi realizada por meio da observa o participante do cotidiano da assistência, em uma unidade pediátrica hospitalar e entrevistas com m es e equipe de enfermagem. A inclus o da m e nos cuidados do filho tem acontecido de forma sutil. A m e tem assumido procedimentos que eram de competência da enfermagem, concentrando informa es sobre o processo terapêutico. A falta de um projeto terapêutico coletivo sob a perspectiva do cuidado centrado na família é um dos óbices ao envolvimento da m e na assistência. Os resultados demonstram que as rela es entre m es e equipe de enfermagem mostram-se complexas e permeadas pelo exercício do poder, sendo necessária a busca da constru o do cuidado compartilhado.
“Fácies” do trabalho de Enfermagem na assistência à crian a hospitalizada
Daniela Dias Quirino,Neusa Collet
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2009,
Abstract: No cuidado à crian a hospitalizada devemos buscar a constru o de um projeto terapêutico compartilhado e centrado na crian a e sua família. O objetivo deste estudo foi apreender a organiza o do processo de trabalho da equipe de enfermagem no cuidado a crian as hospitalizadas. Pesquisa exploratória de natureza qualitativa cuja coleta de dados foi realizada em um hospital filantrópico do estado de Pernambuco por meio da entrevista semi-estruturada nos meses de abril e maio de 2007. Os sujeitos do estudo foram enfermeiras, técnicas e auxiliares de enfermagem que aceitaram participar da pesquisa. Os resultados apontam que o modo de organiza o do trabalho da equipe de enfermagem está centrado em procedimentos e fragmenta o de tarefas. A insuficiência de recursos humanos, sobrecarga de trabalho, superlota o, insatisfa o e desmotiva o profissional s o determinantes que contribuem para esse modelo assistencial. Esses aspectos s o agravantes de problemas para a crian a-família e para os profissionais, gerando medo, ansiedade, angústia, dor, podendo desencadear sofrimento psíquico. Para a supera o desse enfoque urge a ado o de tecnologias de cuidado pautadas pela integralidade, vínculo, responsabiliza o. A constru o da assistência de enfermagem à crian a hospitalizada exige que os profissionais reflitam suas práxis, reorganizando seus processos de trabalhos a partir do trabalho coletivo e humanizado.
A temática cultura organizacional nos estudos na área da saúde e da enfermagem
Bastos Marisa Antonini Ribeiro
Revista Latino-Americana de Enfermagem , 2001,
Abstract: O objetivo deste artigo é apresentar uma revis o da literatura sobre a temática cultura organizacional apontando os pressupostos subjacentes às diferentes concep es teórico-metodológicas. Focaliza os estudos na área da saúde a da enfermagem.
Revista enfermagem em novas dimens?es: wanda horta e sua contribui??o para a constru??o de um novo saber da enfermagem (1975-1979)
Lucena, Ive Cristina Duarte de;Barreira, Ieda de Alencar;
Texto & Contexto - Enfermagem , 2011, DOI: 10.1590/S0104-07072011000300015
Abstract: this is a historical and social study concerning the enfermagem em novas dimens?es jornaul, that was published and circulated throughout brazil from 1975 to 1979. purpose: to analyze the articles published in that magazine and to discuss their importance towards building a new knowledge basis on the theoretical concepts and methodology of nursing care. the study was conducted during the first half of 2010. the primary sources were the five volumes of the enfermagem em novas dimens?es jornaul. the creation of this magazine was the result of wanda de aguiar horta's personal commitment, its idealizer, creator, publisher and editor, who was supported by a small group of nursing faculty at the university of s?o paulo. the contribution of enfermagem em novas dimens?es jornaul towards building new nursing knowledge is mainly due to horta′s articles, which provided the basis for developing a nursing theory and a methodology derived from it.
Revista enfermagem em novas dimens es: wanda horta e sua contribui o para a constru o de um novo saber da enfermagem (1975-1979)  [cached]
Ive Cristina Duarte de Lucena,Ieda de Alencar Barreira
Texto & Contexto - Enfermagem , 2011,
Abstract: Se trata de un estudio histórico-social sobre la Revista Enfermagem em Novas Dimens es, que se distribuyó a nivel nacional en el periodo 1975-1979. Objetivos: analizar los artículos publicados en esta revista y discutir su importancia para la construcción del saber acerca de las concepciones teóricas y la metodología de la atención de enfermería. El estudio se realizó en el primer semestre de 2010. Las principales fuentes primarias: los cinco volúmenes de la Revista Enfermagem em Novas Dimens es. La creación de esta revista fue el resultado del empe o personal de Wanda de Aguiar Horta, su idealizadora, creadora, editora y redactora, con el apoyo de un peque o grupo de docentes de la Escuela de Enfermería de la Universidade de S o Paulo. La contribución de la Revista Enfermagem em Novas Dimens es para la construcción de un nuevo saber de la enfermería se debe principalmente a los artículos de Horta que sustentan el desarrollo de una teoría de enfermería y una metodología derivada de ella.
Expectativas dos alunos do curso de enfermagem acerca da disciplina de Enfermagem Neonatológica  [cached]
Maria Isabel Ruiz Beretta,Silvia Helena Zem Mascarenhas,Giselle Dupas
Revista Eletr?nica de Enfermagem , 2008,
Abstract: Este estudo teve como objetivos verificar as expectativas dos alunos quanto a: concep es sobre o Recém-nascido (RN), o que esperavam da disciplina de Enfermagem Neonatológica e, a vis o que tinham da família do RN. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo que foi desenvolvido com 33 alunos do Curso de Gradua o em Enfermagem da Universidade Federal de S o Carlos (UFSCar), no segundo semestre de 2007. Os resultados mostraram que as expectativas dos alunos, quanto à disciplina de Enfermagem Neonatológica, s o de apreens o quando esses visualizam a fragilidade do RN e as dificuldades no manejo dos cuidados. Neste sentido, a figura do professor surge como a de um profissional que pode contribuir para que as dificuldades minimizem ou mesmo desapare am. Também foi apontada a família como tendo um papel fundamental no atendimento ao RN.
Assistência de enfermagem à crian?a hospitalizada: breve retrospectiva
Souza, Maria Cristina Frères de;Oliveira, Isabel Cristina dos Santos;
Revista Brasileira de Enfermagem , 2004, DOI: 10.1590/S0034-71672004000200024
Abstract: this study focuses on the overview of the childhood health policy, highlighted in the context of a hospital, in the city of rio de janeiro, aiming at describing the nursing assistance provided to children in hospitals in the first half of the century. it is a historical study, the primary written sources of which correspond to articles published in the revista brasileira de enfermagem during the period under scrutiny. the secondary sources are made up of literature relevant to the topic. in the beginning of the 20th century, health care loses its social and philanthropic character to be subsidized by the government. concerning childhood assistance, numerous hospitals opened in the 30's and 40's, even though the national healthcare policy was based on preventive actions. it may be concluded that childhood assistance up to the 50's was characterized by technical and scientific transformations in the hospital scenario, encouraging the construction of nursing knowledge in the area of paediatrics.
Page 1 /100
Display every page Item


Home
Copyright © 2008-2017 Open Access Library. All rights reserved.