All Title Author
Keywords Abstract


Contato, epidemias e corpo como agentes de transforma o: um estudo sobre a AIDS entre os índios Xokléng de Santa Catarina, Brasil

Keywords: Mudan a Social , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida , Xokléng , índios Sul-Americanos

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

A partir da análise dos episódios de AIDS que acometeram os índios Xokléng em 1988, o presente artigo visa referir fen menos de doen a a rupturas e transforma es socioculturais ocorridas nesse universo com base na história de contato com a sociedade abrangente. A interpreta o e a análise da rela o estabelecida s o feitas à luz de teorias antropológicas acerca da centralidade que corpo, corporalidade e processos corporais degenerativos ocupam nas sociedades indígenas brasileiras. Prop e-se que corpo, sociedade e agentes macroconjunturais s o articulados pela práxis; por isso, devem ser relacionados nos estudos socio-antropológicos concernentes aos fen menos de doen a. O artigo traz a descri o sucinta das epidemias advindas com o contato, tentando vinculá-las aos contextos históricos específicos que o marcaram. Categorias da etnomedicina, cosmologia e corporalidade Xokléng s o associadas à organiza o social e aos casos de AIDS. Estes s o apresentados tendo, como enfoque principal, a liga o estabelecida entre seu advento e as transforma es no universo Xokléng em fun o da constru o da Barragem Norte junto a sua Terra.

Full-Text

comments powered by Disqus