全部 标题 作者
关键词 摘要

OALib Journal期刊
ISSN: 2333-9721
费用:99美元

查看量下载量

相关文章

Toxoplasmose Congênita: Uma Doen a Negligenciada? Atual política de saúde pública brasileira Congenital Toxoplasmosis: A Neglected Disease? – Current Brazilian public health policy Toxoplasmose congénitale : Une maladie négligée ? – Actuelle politique de santé publique brésilienne Toxoplasmosis Congénita: Una Enfermedad Desatendida? – La actual política de salud pública brasile a

Estimation of the regional distribution of congenital toxoplasmosis in Brazil from the results of neonatal screening =Estimativa da distribui o regional da toxoplasmose congênita no Brasil a partir dos resultados de triagem neonatal

REPORT OF A CONGENITAL TOXOPLASMOSIS

Congenital toxoplasmosis and DALYs in the Netherlands

Toxoplasmosis in distemper virus infected dogs/ Toxoplasmose em c es co-infectados com o vírus da cinomose

Congenital Toxoplasmosis: A Neglected Disease? – Current Brazilian public health policy Toxoplasmose congénitale : Une maladie négligée ? – Actuelle politique de santé publique brésilienne Toxoplasmosis Congénita: Una Enfermedad Desatendida? – La actual política de salud pública brasile aToxoplasmose Congênita: Uma Doen a Negligenciada? Atual política de saúde pública brasileira

Uma breve revis o sobre toxoplasmose na gesta o =A brief review on toxoplasmosis in pregnancy

Outbreaks of toxoplasmosis in human beings and animal/ Surtos de toxoplasmose em seres humanos e animais

Canine toxoplasmosis : clinical and pathological aspects/ Toxoplasmose canina: aspectos clínicos e patológicos

Experimental toxoplasmosis in pregnant rabbits/ Toxoplasmose experimental em coelhas gestantes

更多...

Congenital toxoplasmosis in South American children =Toxoplasmose congênita em crian as sul-americanas

Keywords: TOXOPLASMOSE CONGêNITA , PROTOZOáRIOS - PARASITOLOGIA HUMANA

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

OBJETIVOS: revisar o conhecimento atual sobre toxoplasmose congênita na América do Sul e tra ar algumas hipóteses para futura pesquisa. FONTE DE DADOS: busca nas bases de dados Pubmed e Scielo por artigos sobre características clínicas de coortes de crian as com toxoplasmose congênita na América do Sul e estudos comparativos entre América do Sul e outros continentes. SíNTESE DOS DADOS: uma análise sistemática de dados primários obtidos durante programas de triagem mostrou que o risco de les es oculares foi muito maior na coorte de crian as da América do Sul (47%, 18/38) do que nas européias (14%, 79/550). O risco bruto de les es intracranianas foi muito maior na coortes da América do Sul (53%, 20/38) do que nas da Europa (9%, 49/550). Em uma coorte colombiana constatou-se 11% de mortalidade. Adicionalmente, uma coorte prospectiva, que comparou crian as com toxoplasmose congênita do Brasil e da Europa, mostrou que nas crian as brasileiras as les es oculares foram maiores, mais numerosas e com maior probabilidade de atingir o polo posterior da retina do que nas européias. A presen a de cepas de Toxoplasma gondii diferentes das da Europa e dos Estados Unidos pode explicar a maior gravidade da toxoplasmose congênita na América do Sul. CONCLUS ES: a toxoplasmosis congênita na América do Sul parece ser mais frequente e as crian as infectadas s o mais sintomáticas do que na Europa e na América do Norte. A pesquisa sobre novas drogas e vacinas deve ser prioritária, para melhorar os indicadores de saúde nas crian as da América do Sul.

Full-Text

comments powered by Disqus