All Title Author
Keywords Abstract


Avalia o radiográfica da idade óssea em crian as infectadas pelo HIV por via vertical

Keywords: Idade óssea , HIV , Crian as , Ekl f e Ringertz , Greulich e Pyle

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

OBJETIVO: O presente trabalho teve por objetivo avaliar o desenvolvimento de crian as infectadas pelo vírus da imunodeficiência adquirida (HIV) por contamina o vertical, comparando-se dois métodos determinantes da idade óssea. MATERIAIS E MéTODOS: Analisou-se uma amostra de 100 crian as, com idades variando de 4 anos e 2 meses a 11 anos e 9 meses, que realizaram radiografias de m o e punho tecnicamente padronizadas e que, posteriormente, foram analisadas segundo os critérios dos métodos de Greulich e Pyle (1959) e de Ekl f e Ringertz (1967). RESULTADOS: Os resultados obtidos mostraram diferen as estatísticas entre os métodos de análise radiográfica do desenvolvimento esquelético utilizados, com destaque para a maior sensibilidade em rela o ao método de Ekl f e Ringertz (p < 0,05). O grupo feminino apresentou diferen as estatisticamente significantes entre os casos controle e HIV+ (sete casos) quando avaliados por este método (p < 0,05). CONCLUS O: Constatou-se, com a presente pesquisa, que houve a influência do HIV sobre o desenvolvimento esquelético neste grupo de pacientes.

Full-Text

comments powered by Disqus