All Title Author
Keywords Abstract


Justi a organizacional, prazer e sofrimento no trabalho: análise de um modelo mediacional

Keywords: Trabalho , Justi a organizacional , Prazer , Sofrimento , Modelo mediacional

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

O presente estudo tem como objetivo analisar as rela es entre as percep es de justi a distributiva e as vivências de prazer e sofrimento, mediadas pelas percep es das justi as processual e interacional. Prop e testar um modelo de análise mediacional entre a variável independente – percep o de justi a distributiva –, as variáveis dependentes – vivências de prazer e sofrimento no trabalho – e as variáveis mediadoras – percep o das justi as processual e interacional. Participaram do estudo 201 trabalhadores de uma organiza o pública do segmento penitenciário. Os dados foram coletados por meio de um instrumento autoaplicável, contendo escalas de medida dos indicadores de prazer e sofrimento no trabalho e das percep es de justi a organizacional. Os resultados apontam que o modelo mediacional foi adequado para testar as rela es entre as variáveis, sendo a justi a processual mediadora entre a justi a distributiva e a vivência de prazer; e as justi as interacional e processual, mediadoras da rela o entre justi a distributiva e vivência de sofrimento.

Full-Text

comments powered by Disqus