All Title Author
Keywords Abstract


Resultados da conjuntivodacriocistorrinostomia com implante de prótese lacrimal de polietileno de baixa densidade

Keywords: Obstru o dos ductos lacrimais/cirurgia , Implante de prótese , Dacriocistorinostomia/métodos , Complica es pós-operatórias , Polietileno , propriedades de superfície , Resultado de tratamento

Full-Text   Cite this paper   Add to My Lib

Abstract:

Objetivos: Estabelecer quais s o as complica es pós-operatórias da conjuntivodacriocistorrinostomia (CDCR) com implante de prótese lacrimal de polietileno de baixa densidade e relacionar a etiologia da obstru o e o aparecimento destas complica es e, conseqüentemente, o sucesso pós-operatório. Métodos: Foram analisadas 35 vias lacrimais submetidas a conjuntivodacriocistorrinostomia com implante de prótese lacrimal de polietileno. Com a finalidade de estudar as possíveis rela es entre as variáveis encontradas (etiologia x complica es e etiologia x sucesso) realizou-se o teste exato de Fisher. Resultados: As etiologias de obstru o mais freqüentes foram a dacriocistite cr nica e pós-dacriocistorrinostomia que, em conjunto, foram responsáveis por 53,9% dos casos. Os traumatismos ocasionaram 16,3% das obstru es. A taxa de complica es encontrada foi 74,3%. A conjuntivodacriocistorrinostomia apresentou sucesso em uma única interven o cirúrgica em 9 vias lacrimais (25,7%). Após duas ou mais interven es cirúrgicas, 17 próteses lacrimais tornaram-se pérvias e bem localizadas (48,6%). O insucesso ocorreu em 9 vias lacrimais (25,7%). N o houve rela o estatisticamente significante entre etiologia e ocorrência de complica es nem entre etiologia e sucesso pós-operatório. Conclus es: As complica es encontradas s o similares às descritas na literatura e n o tiveram rela o com a etiologia da obstru o canalicular. O mesmo pode ser considerado no que se refere ao sucesso da conjuntivodacriocistorrinostomia. As vantagens da prótese lacrimal de polietileno de baixa densidade s o a grande disponibilidade, a fácil confec o no per-operatório de acordo com o comprimento e o diametro do colarete desejados e pode ser substituída pela prótese lacrimal de vidro de borosilicato assim que o edema regrida.

Full-Text

comments powered by Disqus